Investigação em CF

Matrícula
18 Julho 2016
Mensagens
38
Gostos
14
#1
Boa noite,
Sou aluna do 12º ano e gostaria de saber:
Quais as perspetivas de emprego na área da investigação científica, relacionada com a cura de doenças, por exemplo, para quem tirou o curso de Ciências farmacêuticas?
Qual será a melhor universidade para estudar CF para quem pretende ser investigador?
Agradeço desde já,
SofiaE
 
Matrícula
6 Maio 2018
Mensagens
22
Gostos
23
#2
Eu tirei Ciências Farmacêuticas.

O meu conselho é, se queres investigação, começa logo no 1º ou 2º ano à procura de te voluntariares com um laboratório da faculdade e ires fazendo investigação com eles.

O mundo da investigação é instável e competitivo. Tens que te candidatar a bolsas de investigação é bastante dificil seres aceite numa porque muitas das vezes quando elas são publicadas, já têm um candidato pré-seleccionado. Ou seja um candidato que muito provavelmente já estava a trabalhar com aquele grupo de investigação desde que ainda estava no curso, daí eu dizer-te que é fundamental começares logo a trabalhar com um grupo, especialmente na área que queres que é a área de cura de doenças (ou seja, provavelmente oncobiologia, neurociência molecular).

Nessa área o Porto tem bons institutos: Ipatimup, I3S, IBMC. Lisboa também tem a Instituto Gulbenkian e Fundação Champalimaud, mas diria que o Porto é forte nessa área. Na área de regeneração de tecido e biomateriais, tens o 3 B's em Braga (Universidade do Minho), se bem que se gostares disso aconselhava-te mais engenharia biomédica do que CF.

Ou seja, resumindo, se queres investigação, limitares-te a tirar o curso de CF não chega. No entanto, se aproveitares as oportunidades que o curso te dá (e dá bastantes) e começares logo a procurar oportunidades de investigação enquanto ainda estudas, as probabilidades de conseguires bolsas de investigação em bons institutos aumentam bastante.
 
Gostos: SofiaE
Matrícula
18 Julho 2016
Mensagens
38
Gostos
14
#3
Eu tirei Ciências Farmacêuticas.

O meu conselho é, se queres investigação, começa logo no 1º ou 2º ano à procura de te voluntariares com um laboratório da faculdade e ires fazendo investigação com eles.

O mundo da investigação é instável e competitivo. Tens que te candidatar a bolsas de investigação é bastante dificil seres aceite numa porque muitas das vezes quando elas são publicadas, já têm um candidato pré-seleccionado. Ou seja um candidato que muito provavelmente já estava a trabalhar com aquele grupo de investigação desde que ainda estava no curso, daí eu dizer-te que é fundamental começares logo a trabalhar com um grupo, especialmente na área que queres que é a área de cura de doenças (ou seja, provavelmente oncobiologia, neurociência molecular).

Nessa área o Porto tem bons institutos: Ipatimup, I3S, IBMC. Lisboa também tem a Instituto Gulbenkian e Fundação Champalimaud, mas diria que o Porto é forte nessa área. Na área de regeneração de tecido e biomateriais, tens o 3 B's em Braga (Universidade do Minho), se bem que se gostares disso aconselhava-te mais engenharia biomédica do que CF.

Ou seja, resumindo, se queres investigação, limitares-te a tirar o curso de CF não chega. No entanto, se aproveitares as oportunidades que o curso te dá (e dá bastantes) e começares logo a procurar oportunidades de investigação enquanto ainda estudas, as probabilidades de conseguires bolsas de investigação em bons institutos aumentam bastante.
Muito obrigado pela informação!
 
Topo Fundo