Material para a universidade

Matrícula
28 Abril 2018
Mensagens
524
Gostos
811
Curso
Loading...
#1
Boa tarde, queria saber qual é a vossa preferência no que toca o material de estudo, mais especificamente se preferem usar cadernos, ou folhas soltas numa capa. Qual é o mais prático? Esta pergunta é mais direccionada para universitários de engenharias. Estou a pensar em ir para engenharia física e como já foi dito aqui no fórum já percebi que não é preciso ter uma besta de computador, sendo que também não convém ter uma pedra. Queria também perguntar se vocês usam pc/tablet para fazer apontamentos ou papel. Pelo que percebi por alguns estudos, retém-se mais informação quando se usa papel, apesar de se escrever mais rápido num pc/tablet. Obrigado.
 

Marco L.

físiq wannabe
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
8 Julho 2016
Mensagens
9,929
Gostos
18,684
Curso
¯\_(ツ)_/¯
Instituição
¯\_(ツ)_/¯
#2
Boa tarde, queria saber qual é a vossa preferência no que toca o material de estudo, mais especificamente se preferem usar cadernos, ou folhas soltas numa capa. Qual é o mais prático? Esta pergunta é mais direccionada para universitários de engenharias. Estou a pensar em ir para engenharia física e como já foi dito aqui no fórum já percebi que não é preciso ter uma besta de computador, sendo que também não convém ter uma pedra. Queria também perguntar se vocês usam pc/tablet para fazer apontamentos ou papel. Pelo que percebi por alguns estudos, retém-se mais informação quando se usa papel, apesar de se escrever mais rápido num pc/tablet. Obrigado.
Em cadeiras de Física e Matemática vais ter os quadros cheios de deduções, fórmulas e figuras, pelo que fazer apontamentos a computador é algo um bocado difícil :p

Eu acho que vou usar cadernos, não sei é quantos comprar :sweatsmile:
 

NemoExNihilo

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
5 Agosto 2015
Mensagens
8,609
Gostos
10,910
Curso
Contestação Aplicada
Instituição
Toda e Qualquer Injustiça
#3
Em cadeiras de Física e Matemática vais ter os quadros cheios de deduções, fórmulas e figuras, pelo que fazer apontamentos a computador é algo um bocado difícil :p
Já vi (pessoalmente, não uso) colegas meus a usarem computadores com (à falta do termo técnico) aquelas canetinhas, usando-os como substituto electrónico para o caderno precisamente por essa razão que o @Marco L. apontou. Não estou bem por dentro do aspecto financeiro dessa escolha, posto que é um mercado com o qual não estou muito familiarizado, mas suspeito que seja significativamente menos económico do que os métodos de escrita tradicionais... Em todo o caso, fica a sugestão. :)
 

Rogério Pedro

Membro Veterano
Matrícula
2 Fevereiro 2018
Mensagens
188
Gostos
321
Curso
A vida escolherá...
Instituição
Terra
#4
Em relação ao material de estudo, é prático imprimir os PDFs e mandar encadernar para depois estudar? Conheço pessoal de engenharias que faz isso, não sei se compensa, eu pessoalmente prefiro informações escritas em algo fixo (em papel). Talvez opte por este método.
 
Matrícula
16 Novembro 2015
Mensagens
793
Gostos
983
Curso
o que a DGES quiser
Instituição
onde a DGES quiser
#5
Em relação ao material de estudo, é prático imprimir os PDFs e mandar encadernar para depois estudar? Conheço pessoal de engenharias que faz isso, não sei se compensa, eu pessoalmente prefiro informações escritas em algo fixo (em papel). Talvez opte por este método.
nao sou de engenharia mas fazia o seguinte:
pegava nos pdf's dos stores e anexava no one note (uma aplicaçao do office muitoo fixe!)
durante a aula se precisasse de apontar algo referente a uma imagem ou frase do slide fazia no pc,colocava setas,etc.
no final,quando tinha todo o material necessário para a frequência/exame,exportava tudo em formato pdf,ia imprimir e encadernar e estudava por ai,assim tinha tudo num sitio.resultou muito bem mas nao é economicamente viável,especialmente se forem muitos ppt's :p
 
Matrícula
28 Abril 2018
Mensagens
524
Gostos
811
Curso
Loading...
#6
Em cadeiras de Física e Matemática vais ter os quadros cheios de deduções, fórmulas e figuras, pelo que fazer apontamentos a computador é algo um bocado difícil :p

Eu acho que vou usar cadernos, não sei é quantos comprar :sweatsmile:
Já vi (pessoalmente, não uso) colegas meus a usarem computadores com (à falta do termo técnico) aquelas canetinhas, usando-os como substituto electrónico para o caderno precisamente por essa razão que o @Marco L. apontou. Não estou bem por dentro do aspecto financeiro dessa escolha, posto que é um mercado com o qual não estou muito familiarizado, mas suspeito que seja significativamente menos económico do que os métodos de escrita tradicionais... Em todo o caso, fica a sugestão. :)
Muito obrigado pelas respostas, acho que vou ficar na #teampaper XD
 
Gostos: Rogério Pedro

Kat9878

Membro Caloiro
Matrícula
11 Junho 2017
Mensagens
4
Gostos
5
Curso
Engenharia da Energia e do Ambiente
Instituição
FCUL
#7
Olá a todos! Eu estou na FCUL e estou em engenharia, vou-vos dizer aquilo que para mim melhor resulta.

Eu sempre fui fã de ter as coisas em papel e mantive o uso de dossiers. Acho que é mais prático do que cadernos porque facilmente usamos o que precisamos (evita-se deixar as últimas folhas do caderno em branco e sem uso) e se for preciso passar alguma coisa a limpo basta tirar a folha em vez de rasgar o caderno. É claro que isto implica alguma organização, porque amigas minhas deram por si a perder metade do caderno com folhas soltas, daí eu antes de cada semestre organizar logo as cadeiras, pôr as folhas, micas e afins.

Não sei como funcionam as demais faculdades, mas eu evitei ao máximo imprimir livros e lá queimei algumas pestanas a ver tudo em pdf no pc. Custa, mas é menos desperdício de papel para aquelas cadeiras que só veremos uma vez na vida e cujo livro ninguém quer. Para poupar um pouco a vista, tentei ao máximo fazer apontamentos de tudo o que estava em slides e assim para o caderno, pelo que em época de preparação para os exames até houve dias em que dispensava levar o pc (que com 10 anos de idade é um bom pedregulho). Outra solução é usar os livros da biblioteca, arranja-se um bom spot e é sempre a andar!

Não sei se o meu testemunho vos ajuda ou se ainda têm dúvidas. Qualquer coisa, perguntem! Boa sorte para os que esperam o dia das colocações! :smiley:
 
Matrícula
30 Abril 2016
Mensagens
36
Gostos
37
Curso
Exames Nacionais -> Eng. Informática
Instituição
Algures em Lisboa
#8
Lá queimei algumas pestanas a ver tudo em pdf no pc.
Li esta frase e arrepiei-me todo! Venho deixar o link deste software caso precises no futuro:
f.lux

Basicamente ele torna as cores do monitor mais quentes/amareladas, ou seja, diminui a quantidade de luz azul irradiada pelo monitor. É o equivalente ao "Night Shift" da Apple e "Live Display" do Android.
 

Rafael.

Membro Veterano
Colaborador Editorial
Matrícula
18 Fevereiro 2016
Mensagens
328
Gostos
314
Curso
Biologia
Instituição
Universidade de Aveiro
#9
Caneta e caderno de folhas brancas para todas as cadeiras e bastou para mim ! Depois arrancava as folhas, colocava em dossiers para cada cadeira e fazia resumos em folhas Oxford - basicamente passava a limpo o que apontei nas aulas, gravava o audio de algumas no caso de genética e apontava coisas extra que estavam nos slides. Para aquelas onde a matéria estava toda nos slides nem resumos fazia e conseguia 16 e 17s

Eu imprimi livros porque gostava mesmo das matérias, mas para cadeiras como física geral, química e bioestatística não imprimi nada
 

Kat9878

Membro Caloiro
Matrícula
11 Junho 2017
Mensagens
4
Gostos
5
Curso
Engenharia da Energia e do Ambiente
Instituição
FCUL
#10
Li esta frase e arrepiei-me todo! Venho deixar o link deste software caso precises no futuro:
f.lux

Basicamente ele torna as cores do monitor mais quentes/amareladas, ou seja, diminui a quantidade de luz azul irradiada pelo monitor. É o equivalente ao "Night Shift" da Apple e "Live Display" do Android.
O meu queimar pestanas não era literal! Peço perdão se o dei a entender. Ainda assim, agradeço por teres partilhado o software, à noite programei o pc para também ficar com o ecrã mais laranja, assim como já o fiz no telemóvel. Sou muito sensível à luz dos ecrãs :confused:
 
Matrícula
30 Abril 2016
Mensagens
36
Gostos
37
Curso
Exames Nacionais -> Eng. Informática
Instituição
Algures em Lisboa
#11
O meu queimar pestanas não era literal! Peço perdão se o dei a entender. Ainda assim, agradeço por teres partilhado o software, à noite programei o pc para também ficar com o ecrã mais laranja, assim como já o fiz no telemóvel. Sou muito sensível à luz dos ecrãs :confused:
Ah sim, eu entendi :p Fiquei arrepiado por causa da luz azul xD
 
Gostos: Kat9878
Matrícula
29 Dezembro 2015
Mensagens
211
Gostos
325
Curso
Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica
Instituição
FCTUC
#12
Em relação ao material de estudo, é prático imprimir os PDFs e mandar encadernar para depois estudar? Conheço pessoal de engenharias que faz isso, não sei se compensa, eu pessoalmente prefiro informações escritas em algo fixo (em papel). Talvez opte por este método.
Penso que a forma como tens o teu material de estudo também depende bastante de onde vais estudar, de quanto material precisas para esse estudo e de quanto tempo vais estar de volta dele.

Por exemplo, cadeiras como Biologia Celular e Molecular, Bioquímica, Anatomia e Histologia, em que tinha informação vinda de imensos locais, optei por estudar em formato digital. No caso de Bioquímica e Biologia Celular e Molecular, recorri também a sebentas emprestadas em papel porque dava realmente jeito tê-las em papel durante as aulas do semestre, mas eu não as queria imprimir porque simplesmente não estudava muito por lá fora das aulas. Em relação às cadeiras de matemática, eu sentia que quando via a informação em computador simplesmente estava mais distraída, então decidi imprimir e utilizar documentos emprestados.

Portanto, o meu conselho é que vejas primeiro se é assim tão benéfico. Às vezes as sebentas são uma boa solução para isso, se estiverem bem feitas, porque acabam por dar um bom estudo por algo em suporte de papel, que podes complementar com algo em digital e isso já te reduz bastante tempo em PDFs. Se estudares muito em bibliotecas, podes nem imprimir e estudar pelo livro de lá e assim só precisas de estudar por digital quando não estás na biblioteca (ou então podes requisitar o livro). Mas em termos de apontamentos, continuo a recomendar que seja em papel. Caderno ou dossier, mas acho que em papel será sempre mais simples, especialmente se precisares de fazer gráficos, esquemas ou equações.