1. O Uniarea foi eleito o melhor blog do ano na categoria Educação! Obrigado a todos os que votaram e ao longo dos últimos 3 anos tornaram este projecto possível. Este é um prémio de toda a comunidade. Obrigado! :)
    Fechar Aviso

Volta para a Universidade? Design Gráfico ou Industrial?

Discussão em 'Arquitetura, Artes Plásticas e Design' iniciado por Veronikita, 24 Outubro 2017.

  1. Veronikita

    Veronikita Membro Caloiro

    Matriculado:
    24 Outubro 2017
    Mensagens:
    4
    Gostos Recebidos:
    2
    Olá,
    eu acabei o 12º em Artes Visuais, candidatei-me ao ensino superior e só consegui entrar na 2ºfase em Conservação e restauro. Eu na 1ºfase também candidatei-me a este curso, mas o que eu queria mesmo era Design Gráfico ou Industrial.

    Acabei por desistir do curso de conservação pois as cadeiras que tinha não eram nada haver com o que eu dei no secundário, como a matématica e aquímica. E eu queria algo mais para as artes.

    Tou a pensar candidatar me para o ano em Design Gráfico ou Industrial, mas ando a pesquisar sobre estes curso e daquilo que encontrei, estes cursos não têm muita empregabilidade em Portugal (isto por serem muitos os alunos nestes cursos).

    Eu já não sei se voltar para a Universidade vale a pena ou não, pois posso correr o risco de gastar tempo e dinheiro para depois não conseguir arranjar trabalho na minha área e também não sei se o mais indicado para mim seria um Curso Profissional (aqueles depois do 12ºano)
    --- Post atualizado ---
    Enganei-me: eu não queria dizer cursos profissionais tipo CET mas sim BTEC Higher National Diploma (estes cursos existem na ETIC) e eu não sei se estes cursos são bons ou não e entre licenciatura e estes cursos o que é melhor
     
    Miguel Batista gostou disto.
  2. Miguel Batista

    Matriculado:
    20 Julho 2017
    Mensagens:
    23
    Gostos Recebidos:
    12
    Curso:
    Mestrado - Design Industrial
    Instituição:
    Ubi
    Olha! A questão da empregabilidade quando escolhes uma vertente a seguir é importante, sejamos práticos! Agora se o único motivo que te faz querer avançar para a universidade é esse, então mais vale enveredar por cursos mais técnicos. Isto porque a universidade, se for bem feita, vai servir entre outras coisas para te desconstruir e te ajudar a construir novamente a todos os niveis.

    Outro erro que estas a cometer é pensar que ao enveredares por uma área criativa como o design, que vais passar três anos a fazer desenhos e a maquetar num ambiente tipo mix de atelier com lounge! Pois nao é bem assim.

    Eu como tu sou proveniente da área das artes (secundario - artes geral) frequentei o curso de design multimédia e licenciei-me em design industrial, ou seja, uma das tuas opções e estou agora a tirar mestrado na mesma area. Posso te adiantar que o custo tem sim a componente de design, desenho, maquetagem, modelação 3D, critica, etc. Por outro lado tens cadeiras como Bases Fisicas (que para quem vem de artes e leva com uma Russa que trabalha para a ESA, como no meu caso, nao têm nada de básico), Matemática, processos de fabricação e materiais entre outras cadeiras ligadas às engenharias, sustentabilidade, marketing, gestão e legislação, assim como cadeiras altamente teóricas como critica ao design e estética que são basicamente filosofia pura e dura.

    Design e desenho são coisas diferentes. O design como disciplina projectual é o que se chama uma área de interface porque lida com varias áreas do conhecimento (daí o mix de cadeiras).

    Quer sigas a área da comunicação ou a do design industrial, qualquer universidade digna do nome, vai ter cadeiras com base teórica e filosófica que te vão fazer desenvolver o pensamento critico. Agora, não deves ver isso como uma barreira, pois, pelo contrario, vão te estruturar nao só como profissional mas como pessoa.

    Outra coisa para a qual te quero chamar à atenção é o facto de, lá porque tiraste X curso, nao quer dizer que tenhas que viver numa bolha fechada e nao possas aplicar esses conhecimentos noutras áreas.

    Cada vez mais há a necessidade de criar sinergias entre varias áreas do conhecimento, as empresas estão cada vez mais multidisciplinares, logo....
     
    Veronikita gostou disto.
  3. Veronikita

    Veronikita Membro Caloiro

    Matriculado:
    24 Outubro 2017
    Mensagens:
    4
    Gostos Recebidos:
    2
    Sim, eu já tinha a ideia de que se for para a Univ. que tenho cadeiras mais práticas e outras mais teóricas... eu ainda ando a pensar bem no que quero... eu não sabia é que o design industrial tinha também quimica (matemática e geometria sabia e compreendo que são precisas, tanto para desenhar como para fazer calculos de medidas e etc...)

    Obrigada pela informação
     
    #3 Veronikita, 29 Outubro 2017
    Última edição: 29 Outubro 2017
    Miguel Batista gostou disto.
  4. Miguel Batista

    Matriculado:
    20 Julho 2017
    Mensagens:
    23
    Gostos Recebidos:
    12
    Curso:
    Mestrado - Design Industrial
    Instituição:
    Ubi
    Física.... a cadeira que temos é física e nao química! :p
    Embora em cadeiras como materiais vais falar em estrutura e ligações atómicas, ligações moleculares principalmente se falares em polímeros, etc ....e isso tem um pouco a ver com química! Mas o tema nesse caso é abordado de forma superficial!
    Física também é dado de uma forma superficial (comparativamente com outros cursos). Basicamente vais ter que calcular esforços, equilíbrio, etc :)
     
    Veronikita gostou disto.
Loading...