Em Portugal há três dezenas de licenciaturas e mestrados que garantem emprego à totalidade dos recém-licenciados, segundo mostram os dados disponibilizados pelo portal Infocursos, que é administrado pela Direcção-Geral de Estatísticas de Educação e Ciência, e que dizem respeito aos alunos diplomados no ano lectivo de 2015-2016.

De acordo com o site cujo objectivo é servir de instrumento de apoio aos alunos interessados em se candidatar ao ensino superior, existem 31 cursos e licenciaturas com taxa de desemprego zero, o que significa que no ano seguinte ao final dos estudos não havia nenhum diplomado inscrito como desempregado no IEFP.



Há no entanto que realçar que tal não significa que todos esses diplomados estejam a trabalhar na área de formação académica, significa somente que não estão inscritos nos centros de emprego.

Entre os cursos com 100% de empregabilidade estão as três licenciaturas de Teologia na Universidade Católica, a licenciatura de Tradução e Interpretação de Português-Chinês e Chinês-Português, do Instituto Politécnico de Leiria, ou ainda os seis mestrados integrados de Medicina leccionados no país.

Do outro lado da tabela estão os cursos com pior registo, ou seja, com menor taxa de empregabilidade. O curso de Arquitectura da Universidade de Évora é o que apresenta uma taxa de desemprego mais elevada (30,3%). Segue-se o curso de Comunicação Multimédia do Politécnico da Guarda (22,1%), Educação Ambiental do Politécnico de Bragança (22%), e ainda os cursos de Arquitectura da Escola Superior Artística do Porto (21,7%) e da Universidade de Lisboa (21,7%).

 

Os 31 cursos sem desemprego

  • Arquitetura da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão
  • Arquitetura e Urbanismo na Escola Superior Gallaecia
  • Ciências do Mar na Universidade de Aveiro
  • Economia na Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais da Universidade Católica
  • Educação Básica no Instituto Superior de Ciências Educativas do Douro
  • Enfermagem na Escola Superior de Saúde Egas Moniz
  • Enfermagem na Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa
  • Enfermagem na Escola Superior de Saúde do Politécnico de Setúbal
  • Engenharia Física na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto
  • Engenharia de Materiais na Faculdade de Ciências e Tecnologia na Universidade Nova de Lisboa
  • Engenharia de Micro e Nanotecnologias na Faculdade de Ciências e Tecnologia na Universidade Nova de Lisboa
  • Engenharia Informática na Universidade de Aveiro
  • Estudos Comparatistas na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
  • Física na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
  • Matemática na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa
  • Medicina na Faculdade de Ciências Médicas na Universidade Nova de Lisboa
  • Medicina na Faculdade de Medicina na Universidade de Coimbra
  • Medicina na Faculdade de Medicina na Universidade de Lisboa
  • Medicina no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto
  • Medicina na Universidade da Beira Interior
  • Medicina na Universidade do Minho
  • Meteorologia, Oceanografia e Geofísica na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa
  • Música, variante de Composição, Direção e Formação Musical na Escola Superior de Música do Politécnico de Lisboa
  • Música, variante de Execução na Escola Superior de Música do Politécnico de Lisboa
  • Música na Comunidade na Escola Superior de Educação de Lisboa
  • Ortóptica na Escola Superior de Saúde do Politécnico do Porto
  • Psicologia na Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Católica
  • Teologia na Faculdade de Teologia (Porto) da Universidade Católica
  • Teologia na Faculdade de Teologia (Braga) da Universidade Católica
  • Teologia na Faculdade de Teologia da Universidade Católica
  • Tradução e Interpretação: Português/Chinês – Chinês/Português na Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Politécnico de Leiria