Este artigo é uma continuação deste publicado há 2 anos: 

Quando a sorte nos manda ir “pentear macacos”, literalmente

Não, eu não desisti da faculdade. E não, eu não vou continuar estudos na área onde estou agora.

Estudo Educação Básica e estou no meu último ano. Mas eu quase que vim para cá de pára-quedas, não conhecia o curso, não sabia do que se tratava, gostei do nome (parece uma marca de iogurtes) e foi o que me cativou a experimentar.

E gostei, claro que gostei. Do meu primeiro ano como está claro.

No segundo ano, comecei a entrar no mundo do Stand-Up Comedy e a fazer vídeos até ao ponto de gostarem tanto de mim que ainda me pediram para animar as suas festas secantes.

Depois disto tudo, acabei por entrar na rádio da minha terra com um curto podcast semanal de comédia.

Sonho da minha vida, mesmo.

Nesse ano estava decidida a tirar um novo curso em Comunicação Social, adoro o que estou a fazer e é isto que quero fazer para o meu futuro.

Problema dos problemas é que eu não sou rica e como são os meus pais que pagam tenho de acabar esta Licenciatura primeiro.

Mas estou a brincar, eu gosto desta área e todos deviam de experimentar nem que fosse lidar com crianças uma vez na vida para perceber o quanto custa para quem faz disto todos os dias. Parecendo que não, explicar-lhes qual das casas de banho devem usar é algo que demora o seu tempo.

Eu dou valor, e espero que tu ao leres isto, se leres, dês o beneficio da dúvida.

Mas este texto não serve para me gabar, mas sim como abre-olhos para quem está numa situação parecida com a minha.

Podes não estar no curso que queres, podes não querer continuar os teus estudos essas coisas todas mas a verdade é que não podes desanimar! Isto são tudo oportunidades que aparecem como recompensa de todo o esforço e empenho que metes naquilo que ambicionas fazer um dia.

Se eu não tivesse arriscado e tentado algo diferente mas que me vejo a fazer no futuro, de certeza, que não estaria a ter estas grandes oportunidades.

Eu sou apenas uma rapariga, máximo de seguidores que tinha eram 40, não era popular e continuo a não ser, tenho um cão zarolho e uma irmã que não se levanta do sofá porque é preguiçosa!

Eu sou uma singela rapariga. Que está a fazer algo por ela própria e para o seu futuro.

Então e tu que esperas por milagres?

Já comes-te fruta hoje?