Foi apresentado o Global Teacher Prize Portugal, um prémio que vai entregar 30 mil euros a um professor português.

Começou no Dubai, já há alguns anos, mas agora o Global Teacher Prize (GTP) chega finalmente a Portugal. A iniciativa é da Fundação Varkey, criada por um empreendedor de origem indiana que tem uma presença muito grande no mercado dos colégios privados, em Inglaterra.

O prémio português decorre em paralelo com a edição do GTP mundial, sendo o vencedor em Portugal automaticamente apurado para a eleição do professor do ano a nível global, que conta já com três edições.

Todos os anos, é entregue um prémio de 1 milhão de euros a um professor que demonstre a eficácia dos métodos que aplica na sala de aula. Já foram premiados uma professora inuit, um professor palestino e uma professora norte-americana.

Em Portugal, o prémio vai valer, 30 mil euros, e as candidaturas podem ser feitas a partir de agora, na página da iniciativa. Os finalistas serão anunciados 19 de abril e o grande vencedor é escolhido a 3 de maio.

As inscrições estão abertas a todos os professores de todos os níveis de ensino, desde o pré-escolar ao 12º ano, de todas as áreas, do ensino público, do ensino particular, cooperativo e especial, em atividade em Portugal ou em instituições nacionais.