(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Engenharia Mecânica, um curso que para muitos levanta dúvidas como: “Mas isso dá para o quê?”, “É sobre carros?”. Não, não é apenas sobre carros. Um dos ramos é, de facto, o mundo automóvel, mas não como de mecânico de oficina. O curso vai muito para além disso. A palavra “mecânica” define-se como um ramo da física, que estuda movimentos de corpos e o efeito de forças sobre estes mesmos. Estuda-se objetos que existem num determinado ambiente e com determinadas condições que afetam o seu estado físico. Bem, isto pode não ter esclarecido grande coisa. Falando de exemplos: pode ser uma maçã a cair e a rolar, um pássaro a voar ou o escoamento de água num rio… Já “mecânica” antecedida da palavra “engenharia” trata da forma como as condições que se conhecem desses fenómenos podem ser aplicadas a novos contextos. Do rio produzir energia, do pássaro construir o avião, da maçã pensar numa roda que posteriormente se tornará num carro.

“Ok, Engenharia Mecânica é um curso muito abrangente. Mas o que é que se estuda ao certo no curso?”. Isto é um pensamento natural. Realmente Engenharia Mecânica reúne áreas de conhecimento muito variadas. Como em qualquer outra engenharia, existem várias disciplinas transversais como é o caso das matemáticas (sim, no plural, existem várias cadeiras). Cadeiras como Cálculo e Álgebra vão ser componentes fundamentais no teu percurso académico e profissional. No entanto, para falarmos de todos os outros conteúdos, será mais simples dividi-los em três grupos. Serão eles: Energia, Sistemas e Produção.



Para o primeiro, Energia, pensaremos em temas relacionados com termodinâmica, mecânica de fluidos, aerodinâmica, transmissão de calor, etc. Uns exemplos práticos ajudarão a compreender. Podemos pensar no escoamento de ar nas asas de um avião a alta velocidade, numa explosão dentro de um motor de combustão, no funcionamento dos sistemas AVAC (aquecimento, ventilação, ar condicionado), em energias renováveis, entre outros! Esta área tem um papel fundamental na sociedade atual devido à crescente necessidade de transformação de energia e adaptação da mesma às necessidades de consumo.

Sistemas implica uma abordagem mais ligada à programação, mas sempre a pensar na Engenharia Mecânica. Temas como automação de unidades industriais, controlo de sistemas, robótica e mecatrónica estão bastante relacionados. Um exemplo simples e moderno são os drones. Objetos voadores que requerem um controlo remoto. A toda esta base acrescentamos uma formação mais intensa relacionada com as tecnologias de informação (Automação inteligente, sistemas ciberfísicos, data analytics e machine learning).

Para o caso do terceiro grupo, Produção, pensaremos no estudo dos mais variados processos de fabrico, desde o estudo inicial do comportamento mecânico dos materiais a serem usados, até ao produto final desejado. Todo o processo de criação de peças e ferramentas é um dos focos deste tema. Simulação, processos de ligação entre peças e estruturas mecânicas também são temas muito próximos! Dentro deste ramo encontramos algumas áreas científicas de interesse associadas, como Projeto Mecânico e Materiais em Engenharia, Mecânica Estrutural e Computacional, e, finalmente, Tecnologia Mecânica e Gestão Industrial.

Como não poderia deixar de ser, estes 3 grupos são as 3 áreas de especialização de mestrado do curso de Engenharia Mecânica no Instituto Superior Técnico.

Falaremos agora das saídas profissionais que o nosso curso de Engenharia Mecânica nos pode dar. Um estudo tão abrangente como este só nos podia dar saídas igualmente abrangentes. Todos os assuntos que já abordámos têm saídas profissionais relacionadas. Desde a conceção ao fabrico, ao controlo de qualidade, à manutenção, à investigação como ao trabalho de dimensionamento e otimização (fazer o mesmo com menor esforço/gasto/recursos) dos mais variados desafios da Engenharia Mecânica que já aqui falámos.

Para além destas saídas um pouco mais evidentes, graças às grandes competências que ganhamos nas matemáticas e na capacidade de trabalho, muitos alunos acabam por seguir áreas um pouco mais afastadas da engenharia, como o caso de avaliação de projetos e consultoria em empresas de serviços (como na banca, por exemplo), ou seja, uma vertente mais no mundo da gestão. Como podes ver, terás uma grande facilidade em integrares-te no mercado de trabalho.

Esperamos que tenhas ficado com uma melhor noção do que é o nosso curso, do que aborda e o que conseguimos fazer com ele! Agora, falaremos um pouco mais acerca do Técnico como faculdade.

O Instituto Superior Técnico é, de facto, uma das faculdades de engenharia mais prestigiada em todo o país e com grande reconhecimento além-fronteiras. Existem bastantes atividades e projetos no Técnico organizadas por alunos (apoiados pelos nossos professores) que querem fazer mais para além do curso. O Técnico dá-nos bastante capacidade de organização, de pensar e agir rapidamente da melhor forma e, principalmente, uma extraordinária capacidade de trabalho e resolução de problemas.

Apenas para finalizar, tirar o curso de Engenharia Mecânica no Instituto Superior Técnico pode não ser um caminho propriamente fácil, mas é, certamente, compensador. São os constantes desafios como projetos, participação em núcleos, atividades extracurriculares e testes ao longo do semestre que nos dão motivação e que nos fazem crescer como profissionais e cidadãos de excelência. Temos cadeiras fantásticas (vejam o nosso plano curricular no site do Técnico) com conteúdos lecionados por um corpo docente de excelência e bastante interessantes para quem gosta de Engenharia Mecânica. Este é um curso que deixa qualquer aluno bastante confiante e preparado para o seu futuro.

Por fim, gostávamos de salientar que não estarás sozinho neste teu percurso, para além dos teus colegas e professores, poderás contar com a presença constante do Fórum Mecânica. Como núcleo, o nosso papel é munir-te de todas as ferramentas necessárias ao teu percurso, aproximar-te do mercado de trabalho, e, não menos importante, proporcionar-te  momentos de diversão e lazer.

Estamos à tua disposição para responder a qualquer pergunta que possa surgir. Podes entrar em contacto connosco através do Facebook do Fórum Mecânica – Núcleo de Estudantes de Engenharia Mecânica do Instituto Superior Técnico, do nosso Instagram ou email (geral@fmec.tecnico.ulisboa.pt). Temos todo o gosto em ajudar-te e a esclarecer as tuas dúvidas. Podes também encontrar mais informação sobre o curso na respetiva página do IST.

Esperemos conhecer-te já em setembro!