Estudantes da ESEnfC aconselham colegas a evitar perigos nas noites da Queima das Fitas

Fotos da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra.

Estudantes voluntários da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) voltaram, por estas noites, a fazer aconselhamento a outros jovens que frequentam as atividades noturnas da Queima das Fitas, com o objetivo de prevenir a embriaguez e de minimizar os comportamentos de risco associados, como a violência sexual, o sexo desprotegido e a sinistralidade rodoviária.

A iniciativa, no âmbito do projeto “Antes que te Queimes”, intervenção em contexto recreativo para promoção da diversão sem risco nas festas académicas de Coimbra, compreende não só a conscientização, mas também a avaliação da alcoolemia dos participantes nas atividades estudantis e a distribuição de preservativos e explicação sobre o uso correto deste método contracetivo, visando a prevenção de infeções sexualmente transmissíveis.

Nestas intervenções de rua, na baixa da cidade, sobretudo no Largo da Portagem (margem direita do rio Mondego), os estudantes de Enfermagem (de cursos de licenciatura e de mestrado) estão, também, habilitados a prestar primeiros socorros, sempre que tal o justifique.

A funcionarem desde 2007, e já replicadas em várias cidades portuguesas e em alguns países (Angola, Brasil, Bélgica, Cabo Verde, Estónia, Líbano e República Checa), as intervenções “Antes que te Queimes” são feitas através da metodologia de educação pelos pares (de jovens para jovens), com a supervisão de professores e profissionais de saúde.

Ao longo dos anos, o projeto “Antes que te Queimes” tem contado com vários apoios, como o da Administração Regional de Saúde do Centro, da Associação de Estudantes da ESEnfC, ou do IREFREA – Portugal (Instituto Europeu para o Estudo dos Fatores de Risco em Crianças e Adolescentes). Também a Associação Existências e a Cruz Vermelha Portuguesa têm, noutras edições, sido parceiras do projeto.