10° ano, Ciências e Tecnologias - Como estudar?

floater3

Membro Dux
Apoiante Uniarea
Matrícula
15 Julho 2018
Mensagens
1,329
Curso
Eng. Informática e Computação
Instituição
FEUP
Olá a todos,

Vou para o 10° ano e escolhi o curso de Ciências e Tecnologias. Confesso que estou com um pouco de receio porque tenho muitos objetivos sendo um deles a obtenção de uma boa média para ingressar na universidade que quero (parece cedo para falar disto?! As colocações deixaram-me muito motivado).

Uma vez que tendo em conta o meu historial nunca terei notas fantásticas a educação física (devo andar por volta dos 15) quero aplicar-me muito nas restantes para ter uma média digna. Não estou a desprezar a educação física, que de facto, não é uma disciplina que me agrada mas vou aplicar-me mais este ano.

Por isso, pedia-vos que me contassem quais os vossos métodos de estudo para cada uma delas e com que nota terminaram o ano, se for possível. Outra dúvida: em físico-quimica o que deram primeiro (física ou química?)?
 
Antes demais, não fiques preocupado com isso da educação física. Esforça-te, claro, mas os professores normalmente são simpáticos a dar notas.

Eu sempre fiz resumos para biologia, filosofia e física-química. Sempre achei que ajudavam a organizar as ideias e facilitavam o estudo (e a decorar - porque muitas coisas de biologia e filosofia são de decorar). Porém, cada um é que sabe o que é melhor para si. Nunca fui um aluno excepcional (tive mais dificuldades a filosofia e a biologia - tive 17 e 16, respetivamente - mas a fq, matemática e português tinha 17's,18's e 19's), mas acho que o que é muito importante mesmo é estar atento às aulas (como é óbvio é lixado estar atento a todas as aulas do dia, mas certas coisas são importantes de ouvir e perceber no momento), estudar (e quando digo estudar refiro-me a perceber a matéria e a fazer exercícios) regularmente (e não só nas vésperas dos testes) e com o tempo os resultados vão aparecer.
Se vens para o 10º ano com hábitos de estudo, já vens com avanço, porque muita gente só começa a estudar a sério no 10º ano e só chegam aos resultados que querem/só se habituam ao ritmo e à exigência no terceiro período, por exemplo.

No 10º ano, começa-se física-química por química. No 11º ano é ao contrário. Qualquer dúvida, diz.

EDIT: Para ser mais claro: a matemática, fq e biologia é muito importante fazer exercícios (e nas duas últimas, como é óbvio tem de se perceber a teoria também); a filosofia, inglês (se tiveres) e português é tudo mais teórico e deve bastar marrar.
 
Antes demais, não fiques preocupado com isso da educação física. Esforça-te, claro, mas os professores normalmente são simpáticos a dar notas.

Eu sempre fiz resumos para biologia, filosofia e física-química. Sempre achei que ajudavam a organizar as ideias e facilitavam o estudo (e a decorar - porque muitas coisas de biologia e filosofia são de decorar). Porém, cada um é que sabe o que é melhor para si. Nunca fui um aluno excepcional (tive mais dificuldades a filosofia e a biologia - tive 17 e 16, respetivamente - mas a fq, matemática e português tinha 17's,18's e 19's), mas acho que o que é muito importante mesmo é estar atento às aulas (como é óbvio é lixado estar atento a todas as aulas do dia, mas certas coisas são importantes de ouvir e perceber no momento), estudar (e quando digo estudar refiro-me a perceber a matéria e a fazer exercícios) regularmente (e não só nas vésperas dos testes) e com o tempo os resultados vão aparecer.
Se vens para o 10º ano com hábitos de estudo, já vens com avanço, porque muita gente só começa a estudar a sério no 10º ano e só chegam aos resultados que querem/só se habituam ao ritmo e à exigência no terceiro período, por exemplo.

No 10º ano, começa-se física-química por química. No 11º ano é ao contrário. Qualquer dúvida, diz.

EDIT: Para ser mais claro: a matemática, fq e biologia é muito importante fazer exercícios (e nas duas últimas, como é óbvio tem de se perceber a teoria também); a filosofia, inglês (se tiveres) e português é tudo mais teórico e deve bastar marrar.
Obrigado! 😉 Que má notícia começar pela Química ahahah, prefiro mil vezes Física mas vou aplicar-me ao máximo desde o início do ano.
 
Obrigado! 😉 Que má notícia começar pela Química ahahah, prefiro mil vezes Física mas vou aplicar-me ao máximo desde o início do ano.
Já nem me lembro do que se dá no nono ano, mas tenho a ideia de que as coisas que se dão no secundário são algo diferentes e mais interessantes. Talvez passes a gostar mais de química. :tearsofjoy:
 
Boas
Parece que estás numa situação parecida à que eu estava quando fui para o 10° ano.
Primeiro de tudo, não estejas o ano todo a pensar nas médias (claro que é importante mas se pensares demasiado nelas podes acabar por stressar mais e isso não é bom).
Falando um pouco disciplina a disciplina, português não achei muito diferente. Estuda bem a gramática e a os textos, assim como a sua interpretação, e está bem atento as aulas. Claro que não é tão facil como foi até aqui, mas pessoalmente não achei nada demais (as minhas notas rondavam os 16/18).
Inglês é mais do mesmo. Nada muda, praticamente. (tinha 18/19)
Filosofia é uma disciplina que envolve estudo. Não te aconselho nada ir para os testes apenas tendo estudado de véspera, porque há muitas coisas (principalmente no início ) que é mais decorar, mas depois é preciso entender. (15/16)
Física e química (começa se com química) é diferente. Achei sem duvida mais difícil, mas ao mesmo tempo mais giro do que no básico. Comecei mal com a química (11), mas com a física isso mudou (14). Truque essencial: EXERCÍCIOS. Estuda fazendo muitos exercícios e consegues até safar-te, se te aplicares mesmo.
Biologia e geologia (começa se com geologia) é uma disciplina para mim interessante. Resumos ajudam, vai estando a par dos exercícios do manual, e está com atenção que vai correr bem. (16/17)
Por fim, matemática. Não vou mentir, achei difícil. Mas foi porque não fiz tantos exercícios como gostaria. Assim como para física e química, faz muitos exercícios. (13/14)

Para terminar, desculpa o tamanho mas essencialmente, está atento, faz exercícios, e tenta mater te com motivação ao longo do ano. Vai correr bem!
 
Olá a todos,

Vou para o 10° ano e escolhi o curso de Ciências e Tecnologias. Confesso que estou com um pouco de receio porque tenho muitos objetivos sendo um deles a obtenção de uma boa média para ingressar na universidade que quero (parece cedo para falar disto?! As colocações deixaram-me muito motivado).

Uma vez que tendo em conta o meu historial nunca terei notas fantásticas a educação física (devo andar por volta dos 15) quero aplicar-me muito nas restantes para ter uma média digna. Não estou a desprezar a educação física, que de facto, não é uma disciplina que me agrada mas vou aplicar-me mais este ano.

Por isso, pedia-vos que me contassem quais os vossos métodos de estudo para cada uma delas e com que nota terminaram o ano, se for possível. Outra dúvida: em físico-quimica o que deram primeiro (física ou química?)?

Olá!
Acho que o método de estudo é uma coisa "pessoal", isto é, muda muito de pessoa para pessoa. Deves tentar perceber o que te ajuda, adaptares-te consoante os resultados que obtiveres e definir o teu próprio método. No entanto, vou tentar dar umas dicas :tonguewink:
Eu no geral tentava sempre reunir o máximo de recursos possível: desde o manual, os meus apontamentos, PowerPoints, fichas, resumos de outras pessoas (no Uniarea tens disso com fartura!), testes antigos. Acho que ajuda porque assim vais ter vários pontos de vista da mesma coisa, o que faz com que seja mais fácil encontrar a melhor forma de tu perceberes a matéria.

Português: fazia resumos/esquemas das características do tipo de texto que estavamos a dar e do autor (caso isso fosse relevante), que depois estudava. Eu falava muito, explicava a matéria às minhas paredes até elas (e eu) saberem bem aquilo. Depois fazia exercícios que tivesse encontrado sobre a matéria e sobre a gramática que saísse no teste. Começava a estudar no fim de semana antes. Terminei com 19

Inglês: no início estudava, tanto algum vocabulário que tivessemos trabalhado como características de tipos de texto. Ao longo do ano, sentia que esse estudo não era rentável e pensava sempre "não precisava de ter estudado isto" e portanto passei só a fazer alguns exercícios de gramática antes dos testes. Acabei com 20 (esfolei-me toda no último período, trabalhei muito nas apresentações orais!).

Filosofia: fazia resumos e explicava a matéria em voz alta, muito como português. No início ainda fazia alguns textos-modelo para treinar, mas acabei por perceber que mais valia estudar a teoria. Estudava também essencialmente no fim de semana antes. Acabei com 17

Matemática: exercícios!!!!!!!! Estudava quase diariamente, porque a minha professora mandava tpcs quase todos os dias, o que me permitia estudar essa matéria - acho que é mesmo uma vantagem, porque acabava por consolidar bem a matéria e tirar logo as dúvidas que tinha. Uma semana antes começava a rever a matéria que não dava há mais tempo, fazendo exercícios e revendo algumas fórmulas. Acabei com 20

FQ: uma semana antes começava por ver a matéria teórica, fazer um apanhado das fórmulas e rever alguns pormenores. A maior parte do meu estudo era exercícios, porque acho que é o que me prepara melhor. No entanto, não fazer exercícios demais é muito importante, quando certa matéria já está bem sabida é seguir em frente, porque se não depois começa a confundir. Fiquei com 19

BG: tinha também um estudo mais semanal, porque todos os fins de semana a minha professora mandava uma ficha de trabalho sobre a matéria dessa semana. Isso ajudava a ir consolidando a matéria, tirar dúvidas e manter o ritmo. Começava a estudar com alguma antecedência (1 semana e meia), em que passava 2-4 dias a rever a teoria. Depois eram exercícios, que me ajudavam muito a estar preparada a responder a novas situações que aparecessem nos testes. Acabei com 19

Quanto a educação física, o meu professor não era muito exigente, mas é verdade que a nota não contava para a média. Mas dá o teu melhor, diverte-te e aproveita para descontrair das aulas mais pesadas - é grande aula para te aproximares mais da turma.
 
Olá !! Gostaria de ter algumas recomendações de livros de apoio ou manuais para estudar FQ A, BG e Matemática A de 10º ano por favor… Obrigada…!
 
  • Like
Reactions: Sol M
Olá !! Gostaria de ter algumas recomendações de livros de apoio ou manuais para estudar FQ A, BG e Matemática A de 10º ano por favor… Obrigada…!
Olá!
Tenta usar os teus próprios manuais ao máximo, porque em princípio os teus professores também vão seguir as aulas por eles e, normalmente, também têm uma boa bateria de exercícios.
Quanto a matemática, aconselho este site: tens exames/testes intermédios e (a melhor parte, na minha opinião) fichas de trabalho organizadas por tema (COM resolução), que podes ir resolvendo à medida que abordas os temas.
Para FQ, procura aqui nos apontamentos do Uniarea o Livro do Iave, que pode ir dando jeito ao longo do ano para resolveres os exercícios de cada subtema. Outro livro (mas uma segunda opção) seria "Exercícios de Física e Química A 10º ano", da Porto Editoria. Também tens o site acima versão FQ, igualmente aconselhável :)
Para BG, os "Preparar os Testes" da Texto foram os maiores life savers de sempre para mim, aconselho também! Encontras o livro do Iave nos apontamentos, que nunca é demais ter.

Boa sorte! 😊
 
Olá!
Acho que o método de estudo é uma coisa "pessoal", isto é, muda muito de pessoa para pessoa. Deves tentar perceber o que te ajuda, adaptares-te consoante os resultados que obtiveres e definir o teu próprio método. No entanto, vou tentar dar umas dicas :tonguewink:
Eu no geral tentava sempre reunir o máximo de recursos possível: desde o manual, os meus apontamentos, PowerPoints, fichas, resumos de outras pessoas (no Uniarea tens disso com fartura!), testes antigos. Acho que ajuda porque assim vais ter vários pontos de vista da mesma coisa, o que faz com que seja mais fácil encontrar a melhor forma de tu perceberes a matéria.

Português: fazia resumos/esquemas das características do tipo de texto que estavamos a dar e do autor (caso isso fosse relevante), que depois estudava. Eu falava muito, explicava a matéria às minhas paredes até elas (e eu) saberem bem aquilo. Depois fazia exercícios que tivesse encontrado sobre a matéria e sobre a gramática que saísse no teste. Começava a estudar no fim de semana antes. Terminei com 19

Inglês: no início estudava, tanto algum vocabulário que tivessemos trabalhado como características de tipos de texto. Ao longo do ano, sentia que esse estudo não era rentável e pensava sempre "não precisava de ter estudado isto" e portanto passei só a fazer alguns exercícios de gramática antes dos testes. Acabei com 20 (esfolei-me toda no último período, trabalhei muito nas apresentações orais!).

Filosofia: fazia resumos e explicava a matéria em voz alta, muito como português. No início ainda fazia alguns textos-modelo para treinar, mas acabei por perceber que mais valia estudar a teoria. Estudava também essencialmente no fim de semana antes. Acabei com 17

Matemática: exercícios!!!!!!!! Estudava quase diariamente, porque a minha professora mandava tpcs quase todos os dias, o que me permitia estudar essa matéria - acho que é mesmo uma vantagem, porque acabava por consolidar bem a matéria e tirar logo as dúvidas que tinha. Uma semana antes começava a rever a matéria que não dava há mais tempo, fazendo exercícios e revendo algumas fórmulas. Acabei com 20

FQ: uma semana antes começava por ver a matéria teórica, fazer um apanhado das fórmulas e rever alguns pormenores. A maior parte do meu estudo era exercícios, porque acho que é o que me prepara melhor. No entanto, não fazer exercícios demais é muito importante, quando certa matéria já está bem sabida é seguir em frente, porque se não depois começa a confundir. Fiquei com 19

BG: tinha também um estudo mais semanal, porque todos os fins de semana a minha professora mandava uma ficha de trabalho sobre a matéria dessa semana. Isso ajudava a ir consolidando a matéria, tirar dúvidas e manter o ritmo. Começava a estudar com alguma antecedência (1 semana e meia), em que passava 2-4 dias a rever a teoria. Depois eram exercícios, que me ajudavam muito a estar preparada a responder a novas situações que aparecessem nos testes. Acabei com 19

Quanto a educação física, o meu professor não era muito exigente, mas é verdade que a nota não contava para a média. Mas dá o teu melhor, diverte-te e aproveita para descontrair das aulas mais pesadas - é grande aula para te aproximares mais da turma.
 
Olá chamou me Carolina neste momento estou no 9ano estou com muitas dúvidas do que escolher para o 10 Ano
Estou muito indecisa entre ciências e tecnologia e turismo .
Eu gosto de ciências o problema tem matemática eu sou muito má matemática mas tenho explicação de matemática para ver se melhor.
E se for para turismo só sei falar espanhol porque só tive espanhol não sei falar francês e inglês não sou muito boa
por favor alguém que me ajude !!
Não ignorei por favor ajudem me 🙏
 
Última edição:
Olá chamou me Carolina neste momento estou no 9ano estou com muitas dúvidas do que escolher para o 10 Ano
Estou muito indecisa entre ciências e tecnologia e turismo .
Eu gosto de ciências o problema tem matemática eu sou muito má matemática mas tenho explicação de matemática para ver se melhor.
E se for para turismo só sei falar espanhol porque só tive espanhol não sei falar francês e inglês não sou muito boa
por favor alguém que me ajude !!

O quê que te verias a fazer mais no futuro? Alguma ideia?
 
  • Like
Reactions: Mcss13
Olá
Vou agora para o 10° para Ciências e Tecnologias e estou relativamente nervoso com a área.
Se alguém pudesse partilhar as suas experiências e notas...ficaria agradecido.
 
Olá
Vou agora para o 10° para Ciências e Tecnologias e estou relativamente nervoso com a área.
Se alguém pudesse partilhar as suas experiências e notas...ficaria agradecido.
Olá, eu acabei este ano o 10º ano em Ciências e Tecnologias. Ainda não sei as notas com que acabei o ano, mas vou basear-me nas que obtive no 2º período.

Português: estuda bem a gramática para não perderes pontos desnecessários nos testes, no entanto foca-te mais no estudo da educação literária, treina bem a escrita e aumenta o teu vocabulário. Procura também fazer boas apresentações orais. Acabei com 20.

Inglês: pessoalmente, eu sempre tive muita facilidade a inglês e por isso não estudava muito para esta disciplina. A única coisa que fazia era rever a gramática e fazer alguns exercícios. Acabei com 20.

Ed.Física: A EDF dá o teu máximo a tudo e se puderes repetir alguma avaliação, fá-lo visto que podes sempre vir a melhorar ao longo do tempo. Não gostei de algumas modalidades que praticámos, mas no geral uma disciplina em que dá para relaxar e para se divertir. Acabei com 18.

Filosofia: o meu conselho para esta disciplina é decorar e de certa forma perceber os argumentos usados para defender uma certa ideia e as respetivas objeções a esses argumentos. Assim como a Português pratica a escrita, visto que nos testes as respostas que tens que dar têm a tendência para te fazer desenvolver as tuas ideias por escrito. Acabei com 19.

Matemática A: Faz muitos exercícios. Caso tenhas dificuldades no início não hesites em tirar dúvidas com os professores ou a colegas teus. É muito importante perceberes o porquê das coisas e de realmente entender a matéria. Acabei com 20.

FQ A: O mesmo que a matemática, no entanto aconselho-te a memorizar algumas informações mais específicas de determinadas matérias, visto que às vezes é por esses pequenos detalhes que se perdem pontos nos testes. Acabei com 19.

BG: Para estudar para esta disciplina sempre fiz resumos e depois exercícios. Nos testes tens que ter muita atenção nas perguntas de escolha múltipla, pois existe sempre uma opção cujo objetivo é enganar e por isso deves saber muito bem a matéria e todos os pequenos detalhes. Acabei com 18.

Se tiveres mais alguma dúvida diz que eu respondo quando puder. Espero que tenha ajudado. 😃
 
Obrigado, ajudou bastante!
Como é que achaste o nível de exigência?, existe uma grande diferença para o 9° ano?
A maior diferença é a rapidez com que se dá a matéria, visto que o programa é extenso, principalmente a FQ, BG e MatA. Para além disso, os professores avançam de matéria em matéria sem querer saber se percebeste a matéria ou não, mas obviamente podes tirar dúvidas com eles, só não esperes que eles estejam sempre a ver se todos perceberam a matéria. Caso não percebas algo não hesites em perguntar ao teu professor na próxima aula, ou na própria aula em que tens a dúvida. Dessa forma mostras também algum interesse na aula, o que os profs levam em consideração a atribuir uma nota numa situação de indecisão. Só não sejas aquele aluno que anda sempre a perguntar coisas aos professores para engraxar, porque eles não gostam nada disso.

Espero ter ajudado!
 
Qual é que foi para ti a disciplina que sentiste mais difícil?
MatA e FQA são alguma coisa de outro mundo, por exemplo em termos de conseguir notas altas no final do período?
E como é que lidas com a situação das médias? Não sei se é o teu caso, mas por exemplo no meu caso preciso de uma média relativamente alta para entrar no curso que quero.
 
Qual é que foi para ti a disciplina que sentiste mais difícil?
MatA e FQA são alguma coisa de outro mundo, por exemplo em termos de conseguir notas altas no final do período?
E como é que lidas com a situação das médias? Não sei se é o teu caso, mas por exemplo no meu caso preciso de uma média relativamente alta para entrar no curso que quero.
Olá :)

Eu já acabei o secundário há uns 5 anos mas o programa não mudou muito ahah. O secundário em geral não é dificil, mas exige uma rápida adaptação uma vez que dás muita matéria em pouco tempo.
MatA e FQA não são propriamente difíceis. Exigem é esforço e saber como estudar. Eu pessoalmente acho BG muito pior que essas duas. É muito mais fácil teres um 20 a essas duas do que a BG.

Relativamente à média, acho que não deves desesperar por isso. Mesmo que corra um pouco pior podes fazer melhorias a disciplinas :)

Enfrenta o secundário com a cabeça erguida e com vontade. Vais conseguir :)