Curso superior - indecisão

margaridax2x

Membro Veterano
Matrícula
18 Junho 2017
Mensagens
164
Boa tarde.
Sou uma aluna de Línguas e Humanidades, e tive MACS como disciplina bienal. A minha média até ao momento (se a estiver a fazer corretamente) é 16,83.
Estou numa indecisão em relação ao ensino superior...
Em cima da mesa tenho:
Relações Internacionais (U.Minho) / Administração Pública (U.Minho) / Assessoria e tradução (ISCAP) / Administração Público-Privada (FDUC) / Educação Básica (Porto ou Minho)
Tudo é muito incerto hoje em dia, mas o meu objetivo é ir para um curso que goste e que me dê um bom emprego no futuro.
Que curso acham que mais me poderá fornecer isso?
Obrigada desde já!
 
Última edição:

sam_mukka

Membro Veterano
Matrícula
19 Novembro 2015
Mensagens
436
Curso
Ciência Política (PP)
Instituição
ISCTE-IUL
Boa noite Margarida!
Vou te ser muito honesto, acho que no geral essas tuas opções têm saídas profissionais viáveis... numa opinião genérica, apenas diria que Educação Básica é uma área que actualmente tem sido alvo de polémica, mas isso não implica que seja um curso sem saída (eu diria que é uma área saturada, mas não é algo que te garanta com certeza). Se gostas de ensinar e lidar com crianças, porque não?
Relações Internacionais é um curso excelente, e talvez dos mais ambicionados. Dispõe da versatilidade de se poder trabalhar em cargos empresariais ou diplomáticos/políticos. Administração Publica/Privada e Assesoria são cursos bons e mais específicos para cargos públicos e gestão de instituições.

Ah, e também há outro factor... RI e AT são cursos em que necessitas dominar competências linguisticas.. se isso é um ponto forte teu, acho que vais te dar bem em qualquer um dos cursos.
 
Última edição:

biadsilva9

Membro
Matrícula
9 Janeiro 2020
Mensagens
38
Curso
Educação Básica
Instituição
Politécnico de Coimbra
Boa noite Margarida!
Vou te ser muito honesto, acho que no geral essas tuas opções têm saídas profissionais viáveis... numa opinião genérica, apenas diria que Educação Básica é uma área que actualmente tem sido alvo de polémica, mas isso não implica que seja um curso sem saída (eu diria que é uma área saturada, mas não é algo que te garanta com certeza). Se gostas de ensinar e lidar com crianças, porque não?
Relações Internacionais é um curso excelente, e talvez dos mais ambicionados. Dispõe da versatilidade de se poder trabalhar em cargos empresariais ou diplomáticos/políticos. Administração Publica/Privada e Assesoria são cursos bons e mais específicos para cargos públicos e gestão de instituições.

Ah, e também há outro factor... RI e AT são cursos em que necessitas dominar competências linguisticas.. se isso é um ponto forte teu, acho que vais te dar bem em qualquer um dos cursos.
Não diria bem um curso saturado, até porque cada vez há menos professores de ensino básico (1º e 2º ciclo) devido ao enorme envelhecimento dos mesmos e o consequente aumento dos reformados. O curso que pretendo tirar é exactamente este e pensei muito bem nisso, até porque pensava como tu, até falar com alguns professores desses anos e eles me falarem do estado em que estamos, até me deram vários exemplos de que quando algum professor mete baixa não há nenhum para substituir, por simplesmente não haver os suficientes.
Boa tarde.
Sou uma aluna de Línguas e Humanidades, e tive MACS como disciplina bienal. A minha média até ao momento (se a estiver a fazer corretamente) é 16,83.
Estou numa indecisão em relação ao ensino superior...
Em cima da mesa tenho:
Relações Internacionais (U.Minho) / Administração Pública (U.Minho) / Assessoria e tradução (ISCAP) / Administração Público-Privada (FDUC) / Educação Básica (Porto ou Minho)
Tudo é muito incerto hoje em dia, mas o meu objetivo é ir para um curso que goste e que me dê um bom emprego no futuro.
Que curso acham que mais me poderá fornecer isso?
Obrigada desde já!
Quanto às tuas variadíssimas opções, acho que tens uma média muito boa para te saíres bem em qualquer um. Experimenta ver quais são as cadeiras que cada cada uma delas tem e em que consistem, para tentares perceber se há alguma que te chama mais à atenção.