Dúvidas sobre secundário - trocar disciplina entre outros

Laraminievr

Membro Caloiro
Matrícula
8 Dezembro 2020
Mensagens
2
Boa noite!
Antes de tudo queria referir que não sou muito familiarizada de como funciona o secundário (médias, exames entre outros...)
Por conta da pandemia terminei o meu 9 ano em casa, e vou ser sincera que esse tempo todo não fiz absolutamente nada apenas me limitava a entregar trabalhos. As matrículas foram feitas online, e eu tive de mudar de escola pois a minha não tinha secundário o que não ajudou em nada, ao fazer a matrícula houve um erro na plataforma e não apareceu a opção de escolher a disciplina de físico química, o que me deu a entender que como escolhi o curso de ciências e tecnologia que aquela opção seria uma espécie de "disciplina alternativa" se não houvesse fq eu iria para economia ( foi a opção que escolhi) (quero ressaltar que tinha 2 caixas onde na primeira eu coloquei biologia e geologia, que depois procurei fq e tombem não tinha , e na segunda caixa onde deveria colocar fq coloquei economia. Também queria dizer que isso não aconteceu só comigo mas sim com mais 2 que estão na mesma turma que eu pois não conseguiram ir para ciência e tecnologia.) Até aí tudo bem. Foi se passando o tempo saiu a turma e dizia que era uma turma de ciências e tecnologia e socioeconómicas até aí tudo bem pensei que seria uma turma dividida . Porém quando saíram os vauchers não tinha o livro de fq contactei a escola e disseram me que eu tava em socioeconómicas mas em vez de fq eu estaria a ter economia. Fui a escola pedi para mudar preenchi o papel esperei 1 mês e disseram me que nada podiam fazer pois a minha turma do tinha 14 alunos dos quais 3 (incluindo eu) sao divididas economia e socioeconómicas, e depois 4 são de economia e os restantes frequentavam o articulado. Eu tentei ver se gostava da disciplina e tall e passado um tempo mandei uma carta a diretora da escola e falei diretamente com ela sobre oq se passou, ela disse para eu estudar fq autonomamente e depois fazer no 11 exame autoproposto a fq e que não poderia ser erro da plataforma ( mais tarde por um membro da direção que é meu professor eu soube que sim aconteceu com vários alunos incluindo com alguns da turma de uma menina da minha turma que aconteceu o mesmo, e que a própria direção ligou a cada aluno individualmente para perguntar se era exatamente aquilo que eles queriam, pois o curso estava errado, e a única pessoa que não ligaram foi a essa menina que como eu ficou no curso errado. Por tanto acho que atiraram areia para os olhos, contactei a dgest com conhecimento da direção expliquei tudo menos aquilo do meu professor, pois só soube depois de enviar o e-mail, e a escola respondeu negando tudo.) Então eu tentei umas semanas estudar fq sozinha ( pois os meus pais já gastam dinheiro com a minha psicóloga que depois destes acontecimento eu tive de voltar a ter sessões semanalmente, e não teria possibilidade de pagar 15€ por hora para ter aulas de fq) e acabei por deixar as outras disciplinas de lado principalmente matemática que no primeiro teste eu tive 5,8 (sempre fui ótima aluna a matemática tinha média de testes entre 70% a 80%) e por ainda tar " enferrujada " por não ter feito nada durante o isolamento, também por nao estar habituada a como funciona o secundário e sem querer culpar o professor mas ele fala muito rápido e os testes são pequenos o que não ajuda também, já fiz o 2 teste que tirei 8,5 e eu matei me a estudar neste último teste porém o professor disse que ia dar mais prioridade a matéria dos polinómios quando fez exatamente o oposto e deu mais prioridade a última matéria, que eu não estudei tanto pois não tinha percebido absolutamente nada.
Sei que é uma nota péssima e que vai acabar com a minha média então eu tenho algumas questões em relação a matemática.

Com estas notas do primeiro período eu consigo ter média de 18 no final do ensino secundário? Ou até mesmo no final do 10 ano?

De que forma consigo melhorar a nota de matemática através dos exames? Se tirar por exemplo um 19 no exame e tiver média de 13 na escola quanto isso vai influenciar?

Agora sobre mudar de curso

Posso por exemplo terminar o 10 ano com BG e economia e depois no 11 mudar para BG e fq?

Se estudar sozinha posso tirar uma boa nota no exame autoproposto de fq?

O exame autoproposto se eu fizer por exemplo no 11 tenho de fazer os outros 2 exames tambem? (Total de 3 exames ) faço BG e fq(proposto) ou tenho de fazer BG e fq (proposto) e mais outro?

Por exemplo se eu tiver uma nota má ao fazer o exame no 11 de fq posso voltar a fazer no 12 ano? Ou mesmo se não fizer no 11 posso fazer no 12?

Tendo em conta a minha situação, qual acham ser a melhor opção estudar, e tentar fazer o exame autoproposto ou reprovar e repetir o 10 no curso certo, não é uma boa opção para mim pois eu odeio o ambiente de escola e não quero fazer este ano em vão para pro ano repetir tudo de novo e perder 1 ano ( eu sei que se estudar consigo ter as notas que eu quero mas neste momento estou bastante desmotivada )

Desde já pessoa desculpa pelo texto grande, mas foi para ter um contexto maior. E agradecia se pudessem responder as perguntas pois sou um bocado ignorante quando a essas informações, e já tentei procurar mas não encontro repostas especificas. Desde já obrigada pela paciência.
 

Cristiana Matos

Membro Veterano
Matrícula
28 Agosto 2019
Mensagens
361
Curso
Matemática
Instituição
Fcup
Olá, tudo bem?
É meio difícil com essas notas teres um 18 no final do 10º ano, mas sempre podes ir a exame como externa e tentar tirar uma nota alta. Se fores como interna se não me engano deve dar uma nota à volta de 14.8, considerando 19 a exame e 13 de nota interna. (nesse caso é melhor anulares a disciplina)
Acho que podes, mas terás de fazer F.Q do inicio.
É possível tirares boa nota a f.q estudando sozinha. O exame tem vários exercícios tipo (exercícios aparentemente diferentes mas que se resolvem da mesma forma e que costumam sair todos os anos) e com bastante treino é possível teres boa nota. Mas podes sempre tentar pedir ajuda a colegas de turma, a pessoas conhecidas ou ver se consegues frequentar as aulas sem estares inscrita ( não sei se esta ultima será possivel devido à pandemia)
Se anulares economia, não terás que fzr o exame, caso contrário serás obrigada a faze-lo para completar a disciplina
sim podes
Eu se fosse a ti provavelmente tentava estudar F.Q por conta própria, mas não somos todos iguais. A outra solução seria verificar se podes anular economia e trocar por F.Q e ignorares economia e fazeres tudo o resto e depois frequentar o 11º enqt fazes F.q do 10º
Por fim, em relação a fisica e quimica não posso te ajudar muito pq não sou grande fã de química, mas se precisares de ajuda com matemática é só pedires.
Boa sorte
 

Ariana_

Mod Bolinhos
Equipa Uniarea
Moderador
Apoiante Uniarea
Matrícula
26 Junho 2017
Mensagens
10,848
Curso
Estudos Artísticos
Instituição
FLUL
Boa noite!
Antes de tudo queria referir que não sou muito familiarizada de como funciona o secundário (médias, exames entre outros...)
Por conta da pandemia terminei o meu 9 ano em casa, e vou ser sincera que esse tempo todo não fiz absolutamente nada apenas me limitava a entregar trabalhos. As matrículas foram feitas online, e eu tive de mudar de escola pois a minha não tinha secundário o que não ajudou em nada, ao fazer a matrícula houve um erro na plataforma e não apareceu a opção de escolher a disciplina de físico química, o que me deu a entender que como escolhi o curso de ciências e tecnologia que aquela opção seria uma espécie de "disciplina alternativa" se não houvesse fq eu iria para economia ( foi a opção que escolhi) (quero ressaltar que tinha 2 caixas onde na primeira eu coloquei biologia e geologia, que depois procurei fq e tombem não tinha , e na segunda caixa onde deveria colocar fq coloquei economia. Também queria dizer que isso não aconteceu só comigo mas sim com mais 2 que estão na mesma turma que eu pois não conseguiram ir para ciência e tecnologia.) Até aí tudo bem. Foi se passando o tempo saiu a turma e dizia que era uma turma de ciências e tecnologia e socioeconómicas até aí tudo bem pensei que seria uma turma dividida . Porém quando saíram os vauchers não tinha o livro de fq contactei a escola e disseram me que eu tava em socioeconómicas mas em vez de fq eu estaria a ter economia. Fui a escola pedi para mudar preenchi o papel esperei 1 mês e disseram me que nada podiam fazer pois a minha turma do tinha 14 alunos dos quais 3 (incluindo eu) sao divididas economia e socioeconómicas, e depois 4 são de economia e os restantes frequentavam o articulado. Eu tentei ver se gostava da disciplina e tall e passado um tempo mandei uma carta a diretora da escola e falei diretamente com ela sobre oq se passou, ela disse para eu estudar fq autonomamente e depois fazer no 11 exame autoproposto a fq e que não poderia ser erro da plataforma ( mais tarde por um membro da direção que é meu professor eu soube que sim aconteceu com vários alunos incluindo com alguns da turma de uma menina da minha turma que aconteceu o mesmo, e que a própria direção ligou a cada aluno individualmente para perguntar se era exatamente aquilo que eles queriam, pois o curso estava errado, e a única pessoa que não ligaram foi a essa menina que como eu ficou no curso errado. Por tanto acho que atiraram areia para os olhos, contactei a dgest com conhecimento da direção expliquei tudo menos aquilo do meu professor, pois só soube depois de enviar o e-mail, e a escola respondeu negando tudo.) Então eu tentei umas semanas estudar fq sozinha ( pois os meus pais já gastam dinheiro com a minha psicóloga que depois destes acontecimento eu tive de voltar a ter sessões semanalmente, e não teria possibilidade de pagar 15€ por hora para ter aulas de fq) e acabei por deixar as outras disciplinas de lado principalmente matemática que no primeiro teste eu tive 5,8 (sempre fui ótima aluna a matemática tinha média de testes entre 70% a 80%) e por ainda tar " enferrujada " por não ter feito nada durante o isolamento, também por nao estar habituada a como funciona o secundário e sem querer culpar o professor mas ele fala muito rápido e os testes são pequenos o que não ajuda também, já fiz o 2 teste que tirei 8,5 e eu matei me a estudar neste último teste porém o professor disse que ia dar mais prioridade a matéria dos polinómios quando fez exatamente o oposto e deu mais prioridade a última matéria, que eu não estudei tanto pois não tinha percebido absolutamente nada.
Sei que é uma nota péssima e que vai acabar com a minha média então eu tenho algumas questões em relação a matemática.

Com estas notas do primeiro período eu consigo ter média de 18 no final do ensino secundário? Ou até mesmo no final do 10 ano?

De que forma consigo melhorar a nota de matemática através dos exames? Se tirar por exemplo um 19 no exame e tiver média de 13 na escola quanto isso vai influenciar?

Agora sobre mudar de curso

Posso por exemplo terminar o 10 ano com BG e economia e depois no 11 mudar para BG e fq?

Se estudar sozinha posso tirar uma boa nota no exame autoproposto de fq?

O exame autoproposto se eu fizer por exemplo no 11 tenho de fazer os outros 2 exames tambem? (Total de 3 exames ) faço BG e fq(proposto) ou tenho de fazer BG e fq (proposto) e mais outro?

Por exemplo se eu tiver uma nota má ao fazer o exame no 11 de fq posso voltar a fazer no 12 ano? Ou mesmo se não fizer no 11 posso fazer no 12?

Tendo em conta a minha situação, qual acham ser a melhor opção estudar, e tentar fazer o exame autoproposto ou reprovar e repetir o 10 no curso certo, não é uma boa opção para mim pois eu odeio o ambiente de escola e não quero fazer este ano em vão para pro ano repetir tudo de novo e perder 1 ano ( eu sei que se estudar consigo ter as notas que eu quero mas neste momento estou bastante desmotivada )

Desde já pessoa desculpa pelo texto grande, mas foi para ter um contexto maior. E agradecia se pudessem responder as perguntas pois sou um bocado ignorante quando a essas informações, e já tentei procurar mas não encontro repostas especificas. Desde já obrigada pela paciência.
Olá! Devo dizer-te que o teu texto está um pouco confuso em algumas partes, especialmente porque a um dado momento confundes sucessivamente as designações dos cursos, mas vou tentar responder-te com base naquilo que interpretei do que disseste.

1) Tiveste uma situação complicada em que, por qualquer motivo da plataforma, inscreveste-te mal e ficaste no curso de Socioeconómicas com Economia A e Biologia e Geologia (com flexibilização da disciplina de BG, que não pertence ao currículo original de SE), em vez de Biologia e Geologia e Físico-Química A. Tentaste resolver a situação, mas a escola recusa que se tratou de um erro da plataforma, etc. Acho que não vale a pena insistires na questão pela via da plataforma. Até ao 5º dia útil do 2º período, podes fazer mudança de curso e eu não percebi se já fizeste este pedido e a escola recusou, ou não, mas fica a sugestão de novo.

2) Caso consigas mudar de curso, óptimo. Caso não consigas, tens de pensar em alternativas:

2.1) A primeira é aceitares a sugestão da directora e considerares fazer o exame de FQ como autoproposta. Pessoalmente, acho esta ideia mais arriscada, a menos que consigas assistir a aulas de FQ ou pagar explicações. Não imagino a disciplina como sendo algo que facilmente se estude independentemente, ao mesmo tempo que fazes todas as outras disciplinas do secundário, ainda para mais quando já sentes que estás a deixar disciplinas de lado, mas mais à frente tens explicação do que fazer nesta situação.

2.2) A segunda passa também por considerares se efectivamente queres a disciplina de FQ, uma vez que não estás muito disposta a "perderes" (que não considero perder, btw) algum ano para fazer a disciplina. Digo-te isto porque, neste momento, o teu currículo não é radicalmente diferente de um aluno de Ciências e Tecnologias, apenas tens a diferença de que estás a ter Economia A como bienal, em vez de FQ A. A minha recomendação é que questiones, primeiramente, se pretendes prosseguir estudos no ensino superior. Caso a resposta seja afirmativa, pensa em que tipo de áreas te interessas ou achas que te interessariam. Com base nisso, faz uma pesquisa dos cursos e das respectivas provas de ingresso, que podes fazer aqui. Provavelmente não estás familiarizada ainda com a plataforma, mas na parte das provas, se disser "uma das seguintes", significa que deverás ter feito o exame (e tê-lo válido para concurso) de uma daquelas disciplinas para concorrer a determinado curso em determinada instituição. Se disser um conjunto de provas, será esse conjunto de duas ou mais provas que precisas para concorrer.

Se achas que FQ não é determinante para os cursos aos quais queres concorrer, podes continuar em Socioeconómicas e prosseguir o teu percurso normalmente. Caso aches que precisas mesmo dessa disciplina, ou do exame dela para concorrer aos cursos que queres e não pensas investir em explicações, a minha sugestão é que mudes efectivamente de curso, cujos detalhes virão no ponto a seguir:

2.3) Se não conseguires este ano, só conseguirias mudar no próximo ano lectivo, o que significaria voltares ao 10º ano, "perderes um ano", como lhe chamaste. Eu diria que esta é a melhor opção se queres mesmo ter esta disciplina e se precisas dela para ingressar no ensino superior e apresento-te a alternativa que me parece mais sensata, dado que compreendo que estás emocionalmente desgastada com a situação:

A minha recomendação passa por focares-te nas disciplinas que tens em comum com CT, ou seja, todas menos Economia. Voltares ao 10º ano de um curso não significa que tenhas de repetir todas as disciplinas, há casos em que os alunos decidem não repetir disciplinas em que tiveram nota positiva, embora a minha recomendação principal até seja que repitas, uma vez que acho que vale a pena, se achares que há probabilidades de melhorares as notas que tiveste este ano, o que seria normal e compreensível dado que, como dizes, encontras-te desmotivada. Portanto, vamos partir do pressuposto que aproveitarias este ano como pudesses, para tentares puxar por ti nas disciplinas que sabes que para o ano vais repetir, mais que não seja para melhorares resultados. No fundo, seria usares este ano como um ano de treino para o teu recomeço no próximo.

Faço esta recomendação porque estou a partir da hipótese em que tu precisas mesmo de FQ como disciplina e como prova de ingresso e as minhas razões para fazê-lo é porque já demonstraste que estás a ter dificuldades em gerir o estudo independente de FQ com o estudo das outras disciplinas, o que coloca bastante em causa a possibilidade de fazeres o secundário em 3 anos e consigas ainda fazer o exame de FQ e passar no mesmo ou obter uma nota que te sirva para concorreres aos cursos que pretendes no ensino superior, até porque não estás a considerar assistir a aulas ou ter explicações. Portanto, na minha óptica, acho bastante provável que, mesmo que consigas fazer os 3 anos de Socioeconómicas, é bastante difícil fazer isso com os resultados que pretendes (vamos tomar em consideração que esperas alcançar uma média de 18 valores) e ainda obter aprovação (ou talvez 18 valores, não sei qual é o teu objectivo com FQ) no exame de FQ, disciplina que nunca tiveste no secundário. Isto não é para desmotivar, há vários casos de pessoas aqui no Uniarea que foram fazer exames como autopropostos, mas normalmente tiraram 1 ano ou mais para poderem estudar a disciplina à qual queriam fazer exame, portanto, acho que, se o teu objectivo for fazer a disciplina, mais vale mudares de curso, seja este ou no próximo ano lectivo, mesmo que isso signifique que regresses ao 10º ano, uma vez que me parece a opção mais viável para fazeres o curso sem teres de pagar por explicações, etc.

Novamente, se FQ não fizer parte do tipo de áreas e cursos em que achas que tens interesse no ensino superior (e considera os teus interesses mais a longo prazo), se não tiveres obrigatoriamente de ter a prova de ingresso para concorreres aos cursos que te interessam (quando completares o 12º ano, vais preencher uma candidatura ao ensino superior com o máximo 6 opções de cursos/instituições, por ordem da tua preferência, sendo que ingressarás numa delas, de acordo com a seriação dos candidatos a esses cursos no ano em que te candidatares, entrando numa dessas opções), então desconsidera a ideia de fazeres um exame que não precisas realmente, uma vez que, no ensino superior, a condição de ingresso são as provas de ingresso e não o curso a partir do qual te candidataste. Isto quer dizer que um aluno de Socioeconómicas pode candidatar-se a cursos da área das Ciências e Tecnologias, desde que tenha as provas de ingresso pedidas pelo curso que pretende.

É normal que fiques com dúvidas depois desta informação toda, pelo que peço-te que disponhas qualquer dúvida que tenhas, a mim ou a qualquer outra pessoa do fórum, uma vez que é habitual conseguires respostas de alguém por aqui. Com isto, vou só responder-te rapidamente às tuas últimas questões.

1) Nada é propriamente impossível, mas dado que entraste um pouco com o pé esquerdo e te encontras desmotivada, eu diria que é bastante complicado que consigas acabar o 10º ano com média de 18, embora desconheça todas as outras notas que tens tido até agora. Quanto a terminar o secundário com 18 valores, acho que é possível, especialmente com muito trabalho, esforço, vontade de melhorar e foco em desenvolveres as capacidades pedidas. Procura expor todas as tuas dúvidas aos professores: se não estás a entender nada de determinada matéria, fala com o professor, expõe as tuas dúvidas dentro e fora de aula. Sempre que a aula acaba e tens dúvidas, pergunta aos teus professores se podes enviar email com questões e coisas do género. Se achares que podes perguntar-lhes esse tipo de questões, pergunta-lhes o que acham que podes fazer para melhorares os teus resultados. No fundo, tens de trabalhar bastante e ter uma capacidade de reconhecer que tipo de falhas tens e o que há a melhorar, para que o teu esforço corresponda aos teus resultados.

2) Isso depende da ponderação que os exames tenham na CFD (Classificação Final da Disciplina). Durante a pandemia, os exames deixaram de ter ponderação na nota, para não prejudicarem os alunos, mas o mais provável é que a situação reverta para o que acontecia antes, que é o seguinte: a tua nota interna da disciplina (CIF - Classificação Interna Final) é a média dos dois anos (no caso das disciplinas bienais, como FQ, BG, Economia,...) ou três anos (no caso de Matemática A e Português). Imagina a tua situação a Matemática A. Se acabares com menos de 8 este ano, não podes inscrever-te no ano seguinte da disciplina. Ou seja, imaginando que o 5,8 tinha sido a tua nota final do período. Tinhas 6 na pauta e se esta nota for a tua nota no 3º período, ficas chumbada a Matemática e podias inscrever-te a todas as outras disciplinas de 11º ano, excepto Matemática, que estarias a repetir o 10º ano da mesma. Se tiveres 8 valores no final do 10º ano, nos outros anos de Matemática, terás de fazer com que a média dos 3 anos fique em 10 ou mais valores, ou seja, a seguir ao 8, terias de conseguir 11 no 11º ano para progredires para o 12º ano com a disciplina como interna. Se tirares 10, no 12º ano terias de tirar 11 para terminares a disciplina com 10 valores. Se tirares negativa, reprovas à disciplina, porque tiveste negativa em dois anos consecutivos. Encontras mais informações aqui: https://www.dge.mec.pt/sites/default/files/Basico/Legislacao/portaria_243_2012.pdf (na página 7 do documento)
Isto tudo foi para te explicar como funcionam as notas internas e tu fizeste a suposição de que, por exemplo, terminavas a disciplina internamente com 13 valores. Ias a exame e tiravas 19. Ora, em tempos de pandemia (caso de 2020), a tua CFD continuaria a ser 13 valores e tinhas uma prova de ingresso de Matemática A de 19 valores. No caso das regras normais dos exames, estes contam para 30% da CFD. Ou seja, 70% da CFD são os 13 valores e 30% os 19 do exame. Isto dá uma nota final de 15 valores. Aconselho-te este quadro, que foi bastante útil durante o meu secundário: Com que nota fico à disciplina considerando o exame? Vê aqui | Uniarea
No entanto, vamos imaginar que tinhas efectivamente essas notas: 13 na CIF, 19 no exame, CFD de 15 valores e, por qualquer motivo, achavas que estes 15 valores não eram suficientes para a tua média para ingressares no ensino superior. Aí o que terias de fazer é a melhoria através do exame nacional, que podes fazer no ano a seguir à conclusão da disciplina e seguintes (indeterminadamente). Portanto, imagina que acabavas com 15 de nota final e, como tiveste 19 no exame, achavas que conseguias genuinamente melhor. No ano a seguir (portanto, vamos supor que fazias esse exame no ano de 2020), em 2021 podias repetir o exame e supondo que voltavas a tirar 19, esta nota passa a ser a tua CFD. Na verdade, qualquer nota que fosse superior ao 15 que tinhas, substituía a nota. Se for inferior, nada acontece e manténs o 15. Sobre melhorias, recomendo que leias aqui: Como fazer melhorias com os Exames Nacionais? | Uniarea (Como verás, no caso de 2020, as melhorias não foram permitidas, devido à pandemia).

3) Não podes, uma vez que nunca estiveste matriculada em FQ de 10º ano. O que podes tentar ver com a tua escola, seria se, por teres o currículo tão parecido com um aluno de CT, se seria possível transitares para o 11º ano de CT, em que te matriculas no 10º ano de FQ (o que significaria que no teu 12º ano, estarias ainda matriculada em 11º ano de FQ). Esta transição só seria feita excepcionalmente, caso reúnas condições para transitar para o 11º ano nas disciplinas e caso exista compatibilidade de horários para que possas estar a frequentar todas as disciplinas do 11º de CT expeto FQ, em que frequentarias a turma do 10º ano. Diria que vale a pena colocares esta questão à secretaria da tua escola.

4 e 5) Novamente, não é impossível, mas depende do que consideras uma "boa nota", visto que isso é altamente subjectivo. Se para ti, boa nota for 18 ou acima disso, eu diria que é muito muito complicado e trabalhoso alcançares isso quando não estás disposta a pagar por explicações, não consegues assistir a aulas e estás a estudar para todas as outras disciplinas que tens no secundário e que terás de fazer exame (lembrando que, se quiseres fazer o exame de FQ no 11º ano, estarias a fazer 3 exames nesses mesmo ano: BG, Economia (como interna em ambas) e FQ (como autoproposta), isto caso a escola não permita que anules Economia e faças FQ para que termines o secundário com equivalência ao curso de CT. Considerando que nunca tiveste a disciplina do secundário, eu talvez considerasse que chegar ao exame e tirar um 12, um 13, já é uma boa nota, dado que estudaste absolutamente sozinha. Tudo depende dos objectivos que tenhas. Outra coisa que podes fazer é prosseguir Economia normalmente (porque aí tens nota interna a Economia e não corres tanto o risco de chegares ao exame de FQ e não conseguires passar) e no 11º fazes exames a Economia e BG e no 12º ano fazes Matemática, Português e FQ. Digo isto porque, habitualmente, os horários do 12º ano são bastante mais leves, tens menos disciplinas e há muitas pessoas que aproveitam o 12º ano para fazer mais exames/repetir exames, pelo que não seria absolutamente terrível se decidisses fazer o exame no 12º, em vez do 11º. Também podes fazer em ambos os anos, mesmo que sintas que no 11º ano vais menos bem preparada - pelo menos ganhas algum tacto quanto ao exame e usas isso como "treino" para repetires no 12º ano. Tudo depende daquilo que achas que é mais viável para ti e das possibilidades que tenhas para estudar de forma independente.

Honestamente, não sei como terminar de te responder à tua última questão - acho que tudo depende das respostas que tenhas quanto a todas as sugestões e informações que dei ao longo do texto. Ambas as opções me parecem viáveis, em situações diferentes e reforço que nenhuma delas me parece perda de tempo e provavelmente elas demorarão mais ou menos o mesmo, no fundo. Penso que ficar 1 ano, seja a repetir o 10º ano, seja a estudar para repetir exames não é uma real perda de tempo, até porque no ensino superior ninguém quer saber da idade com que entras no curso, nem pouco mais ou menos. A decisão cabe-te a ti e escolhe de acordo com aquilo que achas que te faria sentir melhor, sendo que, caso mudes de curso, tens a sensação de estar a ir para o "curso certo", enquanto que, permanecendo em Socioeconómicas, terás de aguentar a disciplina de Economia A. É pesares todos estes dados e veres o que achas que se enquadra mais nos teus objectivos.

Peço imensa desculpa pelo tamanho enorme da resposta, mas creio que precisavas desta informação toda para poderes pensar no assunto. Boa sorte! ☺
 

Laraminievr

Membro Caloiro
Matrícula
8 Dezembro 2020
Mensagens
2
Olá, tudo bem?
É meio difícil com essas notas teres um 18 no final do 10º ano, mas sempre podes ir a exame como externa e tentar tirar uma nota alta. Se fores como interna se não me engano deve dar uma nota à volta de 14.8, considerando 19 a exame e 13 de nota interna. (nesse caso é melhor anulares a disciplina)
Acho que podes, mas terás de fazer F.Q do inicio.
É possível tirares boa nota a f.q estudando sozinha. O exame tem vários exercícios tipo (exercícios aparentemente diferentes mas que se resolvem da mesma forma e que costumam sair todos os anos) e com bastante treino é possível teres boa nota. Mas podes sempre tentar pedir ajuda a colegas de turma, a pessoas conhecidas ou ver se consegues frequentar as aulas sem estares inscrita ( não sei se esta ultima será possivel devido à pandemia)
Se anulares economia, não terás que fzr o exame, caso contrário serás obrigada a faze-lo para completar a disciplina
sim podes
Eu se fosse a ti provavelmente tentava estudar F.Q por conta própria, mas não somos todos iguais. A outra solução seria verificar se podes anular economia e trocar por F.Q e ignorares economia e fazeres tudo o resto e depois frequentar o 11º enqt fazes F.q do 10º
Por fim, em relação a fisica e quimica não posso te ajudar muito pq não sou grande fã de química, mas se precisares de ajuda com matemática é só pedires.
Boa sorte
Olá
Muito obrigada pela ajuda, mas na altura que eu falei com a diretora da escola ela disse que não poderia fazer isso de frequentar o 11 ° enquanto fazia da do 10, agora por que não sei.
Antes de trocar de escola ouvia muitas vezes que direção daquela escola não era boa e tenho a prova viva disso.
Professores meus disseram que era sim possível eu ainda mudar de curso no íncio do ano, mas tudo bem agora não tem volta a dar.
E quando a estudar para fq enquanto faço o 10 ano, acho um bocado complicado para mim ia ser um pouco arriscado.
Mas agradeço pela ajuda, é sempre bom ouvir opiniões diferentes.
Mensagem fundida automaticamente:

Olá! Devo dizer-te que o teu texto está um pouco confuso em algumas partes, especialmente porque a um dado momento confundes sucessivamente as designações dos cursos, mas vou tentar responder-te com base naquilo que interpretei do que disseste.

1) Tiveste uma situação complicada em que, por qualquer motivo da plataforma, inscreveste-te mal e ficaste no curso de Socioeconómicas com Economia A e Biologia e Geologia (com flexibilização da disciplina de BG, que não pertence ao currículo original de SE), em vez de Biologia e Geologia e Físico-Química A. Tentaste resolver a situação, mas a escola recusa que se tratou de um erro da plataforma, etc. Acho que não vale a pena insistires na questão pela via da plataforma. Até ao 5º dia útil do 2º período, podes fazer mudança de curso e eu não percebi se já fizeste este pedido e a escola recusou, ou não, mas fica a sugestão de novo.

2) Caso consigas mudar de curso, óptimo. Caso não consigas, tens de pensar em alternativas:

2.1) A primeira é aceitares a sugestão da directora e considerares fazer o exame de FQ como autoproposta. Pessoalmente, acho esta ideia mais arriscada, a menos que consigas assistir a aulas de FQ ou pagar explicações. Não imagino a disciplina como sendo algo que facilmente se estude independentemente, ao mesmo tempo que fazes todas as outras disciplinas do secundário, ainda para mais quando já sentes que estás a deixar disciplinas de lado, mas mais à frente tens explicação do que fazer nesta situação.

2.2) A segunda passa também por considerares se efectivamente queres a disciplina de FQ, uma vez que não estás muito disposta a "perderes" (que não considero perder, btw) algum ano para fazer a disciplina. Digo-te isto porque, neste momento, o teu currículo não é radicalmente diferente de um aluno de Ciências e Tecnologias, apenas tens a diferença de que estás a ter Economia A como bienal, em vez de FQ A. A minha recomendação é que questiones, primeiramente, se pretendes prosseguir estudos no ensino superior. Caso a resposta seja afirmativa, pensa em que tipo de áreas te interessas ou achas que te interessariam. Com base nisso, faz uma pesquisa dos cursos e das respectivas provas de ingresso, que podes fazer aqui. Provavelmente não estás familiarizada ainda com a plataforma, mas na parte das provas, se disser "uma das seguintes", significa que deverás ter feito o exame (e tê-lo válido para concurso) de uma daquelas disciplinas para concorrer a determinado curso em determinada instituição. Se disser um conjunto de provas, será esse conjunto de duas ou mais provas que precisas para concorrer.

Se achas que FQ não é determinante para os cursos aos quais queres concorrer, podes continuar em Socioeconómicas e prosseguir o teu percurso normalmente. Caso aches que precisas mesmo dessa disciplina, ou do exame dela para concorrer aos cursos que queres e não pensas investir em explicações, a minha sugestão é que mudes efectivamente de curso, cujos detalhes virão no ponto a seguir:

2.3) Se não conseguires este ano, só conseguirias mudar no próximo ano lectivo, o que significaria voltares ao 10º ano, "perderes um ano", como lhe chamaste. Eu diria que esta é a melhor opção se queres mesmo ter esta disciplina e se precisas dela para ingressar no ensino superior e apresento-te a alternativa que me parece mais sensata, dado que compreendo que estás emocionalmente desgastada com a situação:

A minha recomendação passa por focares-te nas disciplinas que tens em comum com CT, ou seja, todas menos Economia. Voltares ao 10º ano de um curso não significa que tenhas de repetir todas as disciplinas, há casos em que os alunos decidem não repetir disciplinas em que tiveram nota positiva, embora a minha recomendação principal até seja que repitas, uma vez que acho que vale a pena, se achares que há probabilidades de melhorares as notas que tiveste este ano, o que seria normal e compreensível dado que, como dizes, encontras-te desmotivada. Portanto, vamos partir do pressuposto que aproveitarias este ano como pudesses, para tentares puxar por ti nas disciplinas que sabes que para o ano vais repetir, mais que não seja para melhorares resultados. No fundo, seria usares este ano como um ano de treino para o teu recomeço no próximo.

Faço esta recomendação porque estou a partir da hipótese em que tu precisas mesmo de FQ como disciplina e como prova de ingresso e as minhas razões para fazê-lo é porque já demonstraste que estás a ter dificuldades em gerir o estudo independente de FQ com o estudo das outras disciplinas, o que coloca bastante em causa a possibilidade de fazeres o secundário em 3 anos e consigas ainda fazer o exame de FQ e passar no mesmo ou obter uma nota que te sirva para concorreres aos cursos que pretendes no ensino superior, até porque não estás a considerar assistir a aulas ou ter explicações. Portanto, na minha óptica, acho bastante provável que, mesmo que consigas fazer os 3 anos de Socioeconómicas, é bastante difícil fazer isso com os resultados que pretendes (vamos tomar em consideração que esperas alcançar uma média de 18 valores) e ainda obter aprovação (ou talvez 18 valores, não sei qual é o teu objectivo com FQ) no exame de FQ, disciplina que nunca tiveste no secundário. Isto não é para desmotivar, há vários casos de pessoas aqui no Uniarea que foram fazer exames como autopropostos, mas normalmente tiraram 1 ano ou mais para poderem estudar a disciplina à qual queriam fazer exame, portanto, acho que, se o teu objectivo for fazer a disciplina, mais vale mudares de curso, seja este ou no próximo ano lectivo, mesmo que isso signifique que regresses ao 10º ano, uma vez que me parece a opção mais viável para fazeres o curso sem teres de pagar por explicações, etc.

Novamente, se FQ não fizer parte do tipo de áreas e cursos em que achas que tens interesse no ensino superior (e considera os teus interesses mais a longo prazo), se não tiveres obrigatoriamente de ter a prova de ingresso para concorreres aos cursos que te interessam (quando completares o 12º ano, vais preencher uma candidatura ao ensino superior com o máximo 6 opções de cursos/instituições, por ordem da tua preferência, sendo que ingressarás numa delas, de acordo com a seriação dos candidatos a esses cursos no ano em que te candidatares, entrando numa dessas opções), então desconsidera a ideia de fazeres um exame que não precisas realmente, uma vez que, no ensino superior, a condição de ingresso são as provas de ingresso e não o curso a partir do qual te candidataste. Isto quer dizer que um aluno de Socioeconómicas pode candidatar-se a cursos da área das Ciências e Tecnologias, desde que tenha as provas de ingresso pedidas pelo curso que pretende.

É normal que fiques com dúvidas depois desta informação toda, pelo que peço-te que disponhas qualquer dúvida que tenhas, a mim ou a qualquer outra pessoa do fórum, uma vez que é habitual conseguires respostas de alguém por aqui. Com isto, vou só responder-te rapidamente às tuas últimas questões.

1) Nada é propriamente impossível, mas dado que entraste um pouco com o pé esquerdo e te encontras desmotivada, eu diria que é bastante complicado que consigas acabar o 10º ano com média de 18, embora desconheça todas as outras notas que tens tido até agora. Quanto a terminar o secundário com 18 valores, acho que é possível, especialmente com muito trabalho, esforço, vontade de melhorar e foco em desenvolveres as capacidades pedidas. Procura expor todas as tuas dúvidas aos professores: se não estás a entender nada de determinada matéria, fala com o professor, expõe as tuas dúvidas dentro e fora de aula. Sempre que a aula acaba e tens dúvidas, pergunta aos teus professores se podes enviar email com questões e coisas do género. Se achares que podes perguntar-lhes esse tipo de questões, pergunta-lhes o que acham que podes fazer para melhorares os teus resultados. No fundo, tens de trabalhar bastante e ter uma capacidade de reconhecer que tipo de falhas tens e o que há a melhorar, para que o teu esforço corresponda aos teus resultados.

2) Isso depende da ponderação que os exames tenham na CFD (Classificação Final da Disciplina). Durante a pandemia, os exames deixaram de ter ponderação na nota, para não prejudicarem os alunos, mas o mais provável é que a situação reverta para o que acontecia antes, que é o seguinte: a tua nota interna da disciplina (CIF - Classificação Interna Final) é a média dos dois anos (no caso das disciplinas bienais, como FQ, BG, Economia,...) ou três anos (no caso de Matemática A e Português). Imagina a tua situação a Matemática A. Se acabares com menos de 8 este ano, não podes inscrever-te no ano seguinte da disciplina. Ou seja, imaginando que o 5,8 tinha sido a tua nota final do período. Tinhas 6 na pauta e se esta nota for a tua nota no 3º período, ficas chumbada a Matemática e podias inscrever-te a todas as outras disciplinas de 11º ano, excepto Matemática, que estarias a repetir o 10º ano da mesma. Se tiveres 8 valores no final do 10º ano, nos outros anos de Matemática, terás de fazer com que a média dos 3 anos fique em 10 ou mais valores, ou seja, a seguir ao 8, terias de conseguir 11 no 11º ano para progredires para o 12º ano com a disciplina como interna. Se tirares 10, no 12º ano terias de tirar 11 para terminares a disciplina com 10 valores. Se tirares negativa, reprovas à disciplina, porque tiveste negativa em dois anos consecutivos. Encontras mais informações aqui: https://www.dge.mec.pt/sites/default/files/Basico/Legislacao/portaria_243_2012.pdf (na página 7 do documento)
Isto tudo foi para te explicar como funcionam as notas internas e tu fizeste a suposição de que, por exemplo, terminavas a disciplina internamente com 13 valores. Ias a exame e tiravas 19. Ora, em tempos de pandemia (caso de 2020), a tua CFD continuaria a ser 13 valores e tinhas uma prova de ingresso de Matemática A de 19 valores. No caso das regras normais dos exames, estes contam para 30% da CFD. Ou seja, 70% da CFD são os 13 valores e 30% os 19 do exame. Isto dá uma nota final de 15 valores. Aconselho-te este quadro, que foi bastante útil durante o meu secundário: Com que nota fico à disciplina considerando o exame? Vê aqui | Uniarea
No entanto, vamos imaginar que tinhas efectivamente essas notas: 13 na CIF, 19 no exame, CFD de 15 valores e, por qualquer motivo, achavas que estes 15 valores não eram suficientes para a tua média para ingressares no ensino superior. Aí o que terias de fazer é a melhoria através do exame nacional, que podes fazer no ano a seguir à conclusão da disciplina e seguintes (indeterminadamente). Portanto, imagina que acabavas com 15 de nota final e, como tiveste 19 no exame, achavas que conseguias genuinamente melhor. No ano a seguir (portanto, vamos supor que fazias esse exame no ano de 2020), em 2021 podias repetir o exame e supondo que voltavas a tirar 19, esta nota passa a ser a tua CFD. Na verdade, qualquer nota que fosse superior ao 15 que tinhas, substituía a nota. Se for inferior, nada acontece e manténs o 15. Sobre melhorias, recomendo que leias aqui: Como fazer melhorias com os Exames Nacionais? | Uniarea (Como verás, no caso de 2020, as melhorias não foram permitidas, devido à pandemia).

3) Não podes, uma vez que nunca estiveste matriculada em FQ de 10º ano. O que podes tentar ver com a tua escola, seria se, por teres o currículo tão parecido com um aluno de CT, se seria possível transitares para o 11º ano de CT, em que te matriculas no 10º ano de FQ (o que significaria que no teu 12º ano, estarias ainda matriculada em 11º ano de FQ). Esta transição só seria feita excepcionalmente, caso reúnas condições para transitar para o 11º ano nas disciplinas e caso exista compatibilidade de horários para que possas estar a frequentar todas as disciplinas do 11º de CT expeto FQ, em que frequentarias a turma do 10º ano. Diria que vale a pena colocares esta questão à secretaria da tua escola.

4 e 5) Novamente, não é impossível, mas depende do que consideras uma "boa nota", visto que isso é altamente subjectivo. Se para ti, boa nota for 18 ou acima disso, eu diria que é muito muito complicado e trabalhoso alcançares isso quando não estás disposta a pagar por explicações, não consegues assistir a aulas e estás a estudar para todas as outras disciplinas que tens no secundário e que terás de fazer exame (lembrando que, se quiseres fazer o exame de FQ no 11º ano, estarias a fazer 3 exames nesses mesmo ano: BG, Economia (como interna em ambas) e FQ (como autoproposta), isto caso a escola não permita que anules Economia e faças FQ para que termines o secundário com equivalência ao curso de CT. Considerando que nunca tiveste a disciplina do secundário, eu talvez considerasse que chegar ao exame e tirar um 12, um 13, já é uma boa nota, dado que estudaste absolutamente sozinha. Tudo depende dos objectivos que tenhas. Outra coisa que podes fazer é prosseguir Economia normalmente (porque aí tens nota interna a Economia e não corres tanto o risco de chegares ao exame de FQ e não conseguires passar) e no 11º fazes exames a Economia e BG e no 12º ano fazes Matemática, Português e FQ. Digo isto porque, habitualmente, os horários do 12º ano são bastante mais leves, tens menos disciplinas e há muitas pessoas que aproveitam o 12º ano para fazer mais exames/repetir exames, pelo que não seria absolutamente terrível se decidisses fazer o exame no 12º, em vez do 11º. Também podes fazer em ambos os anos, mesmo que sintas que no 11º ano vais menos bem preparada - pelo menos ganhas algum tacto quanto ao exame e usas isso como "treino" para repetires no 12º ano. Tudo depende daquilo que achas que é mais viável para ti e das possibilidades que tenhas para estudar de forma independente.

Honestamente, não sei como terminar de te responder à tua última questão - acho que tudo depende das respostas que tenhas quanto a todas as sugestões e informações que dei ao longo do texto. Ambas as opções me parecem viáveis, em situações diferentes e reforço que nenhuma delas me parece perda de tempo e provavelmente elas demorarão mais ou menos o mesmo, no fundo. Penso que ficar 1 ano, seja a repetir o 10º ano, seja a estudar para repetir exames não é uma real perda de tempo, até porque no ensino superior ninguém quer saber da idade com que entras no curso, nem pouco mais ou menos. A decisão cabe-te a ti e escolhe de acordo com aquilo que achas que te faria sentir melhor, sendo que, caso mudes de curso, tens a sensação de estar a ir para o "curso certo", enquanto que, permanecendo em Socioeconómicas, terás de aguentar a disciplina de Economia A. É pesares todos estes dados e veres o que achas que se enquadra mais nos teus objectivos.

Peço imensa desculpa pelo tamanho enorme da resposta, mas creio que precisavas desta informação toda para poderes pensar no assunto. Boa sorte! ☺
Olá muito obrigada pela resposta esclareceu me muitas dúvidas, até as que eu não coloquei aqui.
Eu ainda estou muito confusa em relação ao ensino superior que quero frequentar mas queria ir para a parte de saúde. Tou em dúvida entre psicologia ou medicina e mais tarde fazer faculdade de neurociências que é o meu principal objetivo. Pelas minhas pesqueira posso fazer neurociências com medicina e psicológica mas cada uma leva a um ramo diferente da neurociência. Mas pelo sim pelo não eu sempre me interessei pela disciplina de físico química e biologia e também matemática, porém quanto a matemática tou numa situação complicada.

Ainda fiquei com algumas questões em relação as opções que você me deu.

2..Caso eu ainda consiga mudar o curso ( oq acho impossível ) como eu poderia "repor" a matéria que perdi durante o primeiro período inteiro?

3. Acha que compensa anular este ano a disciplina de economia?(tendo em conta que para o ano faço de novo o 10 ano) Apesar de que tirei 17,8 no primeiro teste pois as questões do teste são as mesmas do manual e mesmo sem estudar consigo ter uma nota alta, o que penso eu que me ajuda a aumentar a média deste ano.

4. Se eu repetir o 10 ano, este ano conta para alguma coisa? Pode me afetar nos anos seguintes?
É que em princípio a minha ideia é repetir mesmo (tendo em conta as alternativa e informações que você me deu acho que a mais confiável é essa, por muito que eu não queira tendo em conta que serei a única da família a repetir o ano), se repetir o ano não queria me esforçar muito nesse se não me afetasse o meu 10 ano seguinte, e utilizar este ano tal como você referiu para treino, mas sem muito esforço. Do tipo tentar encontrar os meus erros e dúvidas e tambem de certa forma procurar e testar os métodos de estudo melhores para mim e para cada disciplina, pois accho que esse é o meu maior problema e acho que se tivesse num ano normal não conseguiria explorar esses promenores, mas como é obvio não me desleixar para a escola, mas sim usar como um preparo. Acho que não consegui explicar muito bem o que eu quis dizer, mas espero que entenda.

Desde já obrigada pa paciência e por me ajudar ☺
 
Última edição:
  • Like
Reactions: Cristiana Matos

Ariana_

Mod Bolinhos
Equipa Uniarea
Moderador
Apoiante Uniarea
Matrícula
26 Junho 2017
Mensagens
10,848
Curso
Estudos Artísticos
Instituição
FLUL
Olá muito obrigada pela resposta esclareceu me muitas dúvidas, até as que eu não coloquei aqui.
Eu ainda estou muito confusa em relação ao ensino superior que quero frequentar mas queria ir para a parte de saúde. Tou em dúvida entre psicologia ou medicina e mais tarde fazer faculdade de neurociências que é o meu principal objetivo. Pelas minhas pesqueira posso fazer neurociências com medicina e psicológica mas cada uma leva a um ramo diferente da neurociência. Mas pelo sim pelo não eu sempre me interessei pela disciplina de físico química e biologia e também matemática, porém quanto a matemática tou numa situação complicada.

Ainda fiquei com algumas questões em relação as opções que você me deu.

2..Caso eu ainda consiga mudar o curso ( oq acho impossível ) como eu poderia "repor" a matéria que perdi durante o primeiro período inteiro?

3. Acha que compensa anular este ano a disciplina de economia?(tendo em conta que para o ano faço de novo o 10 ano) Apesar de que tirei 17,8 no primeiro teste pois as questões do teste são as mesmas do manual e mesmo sem estudar consigo ter uma nota alta, o que penso eu que me ajuda a aumentar a média deste ano.

4. Se eu repetir o 10 ano, este ano conta para alguma coisa? Pode me afetar nos anos seguintes?
É que em princípio a minha ideia é repetir mesmo (tendo em conta as alternativa e informações que você me deu acho que a mais confiável é essa, por muito que eu não queira tendo em conta que serei a única da família a repetir o ano), se repetir o ano não queria me esforçar muito nesse se não me afetasse o meu 10 ano seguinte, e utilizar este ano tal como você referiu para treino, mas sem muito esforço. Do tipo tentar encontrar os meus erros e dúvidas e tambem de certa forma procurar e testar os métodos de estudo melhores para mim e para cada disciplina, pois accho que esse é o meu maior problema e acho que se tivesse num ano normal não conseguiria explorar esses promenores, mas como é obvio não me desleixar para a escola, mas sim usar como um preparo. Acho que não consegui explicar muito bem o que eu quis dizer, mas espero que entenda.

Desde já obrigada pa paciência e por me ajudar ☺
Olá! Em primeiro lugar, não precisas tratar-me por você, ainda nem a minha licenciatura terminei 🤣

Okay, sendo assim faz sentido que precises de FQ, pelo menos para o caso de Medicina, em que garantidamente precisas de FQ, BG e Matemática. Quanto a Psicologia, a maioria das faculdades aceita provas como BG e Português. Acho que vale a pena não desistires já de Matemática, mesmo que tenhas começado com o pé esquerdo. Às vezes as coisas demoram até nos adaptarmos, mesmo que depois decidas que não queres concorrer a uma ou outra área, pelo menos ficas com uma diversidade de provas de ingresso que te permitem ingressar em várias áreas, desde as ciências às engenharias. Deixo-te aqui um testemunho de alguém que passou por uma situação difícil com a disciplina: O inverno não dura para sempre | Uniarea

2) Normalmente, quando um aluno muda de curso no final do 1º período, o aluno deve conversar com os próprios professores e juntos decidir como vai ser feita a tua avaliação, posto que vais estar a apanhar matéria que já não é a inicial. A forma como resolvem esse assunto dependerá mesmo do teu professor de FQ. Não é impossível mudares, tens pelo menos até ao 5º dia útil do 2º período, volta a falar com a secretaria da escola e pede um requerimento de mudança de curso.

3) Depende do que acontecer quanto ao que acima falámos. Se conseguires mudar de curso, não precisas anular Economia. Se ficares em Socioeconómicas, terás de ser tu a pensar na questão: achas que vale mais a pena anulares a disciplina e fazeres exame a FQ, para teres equivalência ao curso de CT, sendo que não consegues obter explicações e tens de pedir à escola autorização para poderes assistir às aulas (o que, com a situação pandémica, deve estar mais complicado)? É um pouco arriscado, porque se chumbasses terias de repetir o exame de FQ, se é uma prova de ingresso que precisas. Se não quiseres mudar de curso e achas que a média de Economia até favorece o teu secundário, o meu conselho seria aplicares-te para terminares o secundário com boa nota e talvez dedicar 1 ano após o secundário para estudares só para FQ e fazeres outras coisas, como voluntariado, trabalho em part-time e coisas do género. Estudar tudo ao mesmo tempo que estudas FQ independentemente parece-me difícil. A única forma em que me parece razoável anulares Economia é se achas que consegues fazer FQ com uma nota tão boa quanto Economia e se consegues assistir a aulas da disciplina.

4) Conta, mas seria algo do género - repetes as disciplinas todas do 10º ano, porque compensa mais, visto teres a chance de melhorares. Imagina que tinhas 15 a Português e reprovas o ano para poderes repetir o 10º ano e ao repetir tiras 17 a Português. A tua nota passa a ser 17. Mas, imaginemos que tens um azar e em vez de melhorares, tiraste 14 - a tua nota ficaria o 15, porque foi a melhor nota. Portanto, se reprovas o ano para mudares de curso e melhorares, é uma boa ocasião para tentares melhorar, sem medos.

Quanto a seres a única da família a repetir o ano, não podes dar muita importância a isso, porque não vai ser isso que vai definir o teu futuro, não é esse ano que vai fazer com que no futuro não consigas X ou Y. É muito mais importante os resultados que consigas alcançar do que o tempo que demorares a fazê-lo. Sê franca com os teus pais e familiares e diz-lhes que estás interessada em áreas que envolvem FQ e que convinha teres essa disciplina para ingressares nos cursos que te interessam e nada substitui as aulas que possas ter sem teres de pagar a explicadores ou matares-te a estudar e negligenciares as outras disciplinas. Mas não desistas, possa ser que ainda consigas mudar de curso este ano, pelo que pode significar que não tenhas de repetir o 10º ano. Continua a esforçar-te, mas claro que podes abrandar o ritmo e sentires-te menos pressionada se quiseres repetir o ano, uma vez que contará sempre a tua melhor nota.

De nada!
 
  • Like
Reactions: davis
Tópicos Semelhantes
Thread starter Título Fórum Respostas Dia
NeiaJ Dúvidas sobre anulação e repetição de disciplinas do secundário Ensino Secundário 3
N Dúvidas sobre cursos do secundário Ensino Básico 66
H Dúvidas sobre o secundário Ensino Secundário 7
Raquelp.santos Dúvidas sobre os exames nacionais Exames Nacionais e Provas de Ingresso 5
I Dúvidas sobre a candidatura em Ciências Forenses Concurso Nacional e Locais - Público 3
R Dúvidas sobre a documentação Mudança de Curso, Transferência e Reingresso 2
Lopes0999999 FEP Dúvidas sobre o curso de gestão na Fep Universidade do Porto 0
StudyBanana Dúvidas sobre a inscrição para os exames nacionais Exames Nacionais e Provas de Ingresso 2
Tiz Dúvidas sobre Medicina Veterinária - Podcast VetScape Recursos Naturais 4
B Dúvidas sobre Analises Clínicas e Saúde Pública Saúde 0
Andrea Paula de Moraes Dúvidas sobre o ensino recorrente Ensino Secundário 1
C Dúvidas sobre o Doutoramento Ensino Superior - Geral 2
L Dúvidas sobre a conclusão do 12ºano Ensino Secundário 2
B Dúvidas sobre as provas de ingresso Exames Nacionais e Provas de Ingresso 2
Spew09 Dúvidas/Informações sobre o Ensino Superior Ensino Superior - Geral 2
S Dúvidas sobre o futuro e o curso em que estou Ensino Superior - Geral 0
MárioJoão2 ESTG ESTG Dúvidas sobre o horário Instituto Politécnico do Porto 0
J Dúvidas sobre a matrícula Candidatos 2020/2021 - Discussão Geral 1
M FCUP Dúvidas sobre horário Universidade do Porto 8
Beatriz Wenceslau FCSH Dúvidas sobre a candidatura em Tradução na Nova-FCSH Universidade Nova de Lisboa 2
R Dúvidas sobre a segunda fase de candidatura. Concurso Nacional e Locais - Público 34
A Dúvidas sobre o 2º ano Universidade de Évora 1
NoNameBoys1904 Dúvidas sobre a candidatura Mudança de Curso, Transferência e Reingresso 13
10paulo14 Dúvidas sobre a nota de candidatura Concurso Nacional e Locais - Público 10
M Dúvidas sobre o futuro... Candidatos 2020/2021 - Discussão Geral 5
M Dúvidas sobre inscrição Exames Nacionais e Provas de Ingresso 10
J Dúvidas sobre acesso a Engenharia Informática Concurso Nacional e Locais - Público 2
C Dúvidas sobre Design - Porto Arquitetura, Artes Plásticas e Design 0
Q Dúvidas sobre programas para computador exigidos em Medicina Saúde 1
I Sistema Nervoso (dúvidas sobre cursos) Saúde 1
leonordeleuze Dúvidas sobre curso especializado artístico Ensino Secundário 2
G Dúvidas sobre a escolha de curso e escola para o 10º ano Ensino Secundário 2
M Dúvidas sobre entrada na 2ªfase na NOVA SBE / entrada noutra instituição e mudança para a NOVA SBE Candidatos 2019/2020 3
C FDUNL dúvidas sobre a matricula na universidade e nos horários Universidade Nova de Lisboa 6
voidlessmind Algumas dúvidas sobre o ensino superior! Concurso Nacional e Locais - Público 1
N Dúvidas sobre opcionais no 12º e acesso ao superior Ensino Secundário 3
E Dúvidas sobre a folha amarela (inscrição exames) Exames Nacionais e Provas de Ingresso 2
M Dúvidas sobre mestrado Mestrados: Candidaturas e Dúvidas 0
A Dúvidas sobre que curso escolher Ensino Superior - Geral 0
L Dúvidas sobre frequências/exames Ensino Superior - Geral 0
P Dúvidas sobre cursos de Informática Tecnologias 0
Jojo G. Dúvidas sobre o concurso e os primeiros meses no ensino superior Ensino Superior - Geral 4
J ISCTE Dúvidas sobre disciplinas ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa 0
L Dúvidas sobre o curso de ciências Ensino Secundário 3
Meireles Dúvidas sobre as matérias que saem em exame (Antigo programa e Novo programa) Ensino Secundário 1
vug Duas dúvidas sobre os exames Ensino Secundário 1
O Dúvidas sobre as mudanças acerca dos programas de certas disciplinas e sobre os exames nacionais Ensino Secundário 15
T Dúvidas sobre o ensino superior Ensino Superior - Geral 12
deltabit Esclarecendo dúvidas sobre cursos TDT Saúde 13
A Dúvidas sobre acesso a Engenharia Informática Arquivo 1

Tópicos Semelhantes