Devia mudar de curso? Ou insistir?

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Olá! Entrei este ano em direito depois de 3 anos a lutar para o conseguir e, depois de muito sacrifício, ainda que na segunda fase, consegui entrar finalmente onde queria. Escolhi Direito porque sempre me disseram que dava um grande leque de possibilidades e de saídas, sempre soube que não queria ser advogada nem nada que se parecesse. No entanto, à medida que vai passando o semestre, sinto-me completamente desmotivada e que não estou mesmo a gostar nada do curso. Não me consigo concentrar, chega quase até ser fisicamente doloroso estudar. O facto de estar numa das faculdades mais exigentes (FDUL) também não ajuda nada. A minha grande paixão são as letras e a literatura. Fiquei colocada no curso de LLC na FLUL na primeira fase mas como estava a insistir no Direito, consegui entrar na segunda fase e deixei o curso de letras para trás. Por mim até mudava de curso, mas tenho muito medo do desemprego e das poucas saídas que podem trazer. Uma parte de mim diz que não devia desistir (toda a gente diz que é da adaptação), mas a outra parte pergunta-se se devia investir tanto esforço e tanto sacrifício numa coisa que nem gosto. I would really like some advice.
 

Rui C

Membro Veterano
Matrícula
4 Setembro 2020
Mensagens
131
Curso
Engenharia Informática
Instituição
FCT UNL
Olá,
Eu acho que entrar num curso "porque tem um grande leque de possibilidades e saídas" não é correto. Queres mesmo passar o resto da tua vida a trabalhar em algo que não te identificas?
Qualquer curso tem possibilidades e saídas para os bons profissionais, e ser um bom profissional começa por se gostar do que se está a fazer.
 

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Olá,
Eu acho que entrar num curso "porque tem um grande leque de possibilidades e saídas" não é correto. Queres mesmo passar o resto da tua vida a trabalhar em algo que não te identificas?
Qualquer curso tem possibilidades e saídas para os bons profissionais, e ser um bom profissional começa por se gostar do que se está a fazer.
Sim, por isso é que eu estou muito indecisa :') quando digo que não quero nenhuma profissão jurídica dizem-me sempre que posso seguir mais profissões para além disso. Não me importava de seguir alguma coisa relacionada, por exemplo, com relações internacionais. Algo não ligado ao Direito tradicional. Mas até lá não sei se estou disposta a aguentar tanto esforço a estudar uma coisa que não me diz nada. Obrigada pelo conselho :))
 
  • Like
Reactions: Rui C

Quelra

Membro Veterano
Apoiante Uniarea
Matrícula
6 Agosto 2020
Mensagens
189
Curso
Recursos (Des)humanos
Bem, de facto podes "aguentar"/testar este ano e ver como te sentes: se as notas são do teu agrado, se o esforço para os exames foi minimamente útil e prazeroso, se gostas dos colegas, métodos, se entretanto descobriste algo que te faz gostar de curso...

Se não, tens sempre a opção de mudar no ano que vem :)
 
  • Like
Reactions: davis

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Bem, de facto podes "aguentar"/testar este ano e ver como te sentes: se as notas são do teu agrado, se o esforço para os exames foi minimamente útil e prazeroso, se gostas dos colegas, métodos, se entretanto descobriste algo que te faz gostar de curso...

Se não, tens sempre a opção de mudar no ano que vem :)
Algumas pessoas com quem já falei disseram-me isso, acho que em princípio vou mesmo tentar aguentar este ano, ou pelo menos fazer as cadeiras do primeiro semestre. Não está a ser nada fácil, mas posso ver até onde eu consigo chegar. Obrigada :))
 
  • Like
Reactions: Quelra

SóniaLTR

Membro Caloiro
Matrícula
19 Novembro 2021
Mensagens
2
estou a tentar inscrever-me para uma bolsa e colocoos meus dados e nada. Acho q estão a fazer nos perder tempo pr prazo passar. Sei porque aconteceu o esmo a minha prima e o nr estava correto. Diziam que n tem credenciais qd esta na faculdade j ha dois anos
 

pancakes

Membro Veterano
Matrícula
26 Julho 2017
Mensagens
237
Curso
Direito
Instituição
FDUC
Sim, por isso é que eu estou muito indecisa :') quando digo que não quero nenhuma profissão jurídica dizem-me sempre que posso seguir mais profissões para além disso. Não me importava de seguir alguma coisa relacionada, por exemplo, com relações internacionais. Algo não ligado ao Direito tradicional. Mas até lá não sei se estou disposta a aguentar tanto esforço a estudar uma coisa que não me diz nada. Obrigada pelo conselho :))
Olá! Entendo perfeitamente o que sentes. Entrei em direito na fduc, que foi a minha primeira opção, mas sempre disse que não queria nada relacionado com direito no futuro. Só vim para este curso porque tinha muitas saídas, gostava imenso de filosofia (e o direito está muito ligado à ética), e também gostava de argumentar, mas sempre disse que depois faria mestrado noutra área, talvez jornalismo, ciência política, e outras ideias que tinha.
No ano passado desmotivei imenso com o curso, não correspondeu minimamente às minhas expectativas e, para ''ajudar'' na situação, não gosto propriamente da minha faculdade. Pensei em pedir transferência de instituição (esta hipótese ainda não descartei) e até mesmo mudar de curso e ir para filosofia ou psicologia (dois cursos que acho extremamente interessantes). Este ano a parte de não gostar da minha faculdade mantém-se (e entendo o que dizes a nível da exigência, porque a fduc assemelha-se bastante à fdul nesse aspeto ), mas tenho percebido que se calhar até me imagino a exercer algumas profissões jurídicas, em particular a advocacia. No entanto, não percebi isso com a minha faculdade, percebi-o ao pesquisar sobre temas que me interessavam no âmbito do direito (coisas mais específicas, que não são tão abordadas na licenciatura, em que é suposto dar as bases apenas, mas abordadas em contexto de mestrados e pós graduações ) e ao ver que alguns advogados exerciam nessas áreas e que existia forma de interligar o direito a outras áreas do saber que me interessavam.
Posto isto, não te estou a dizer que se procurares por ti outras coisas vais encontrar algo no direito que te faça gostar mais dele, mas acho que não perdes nada em tentar até porque este ano estás aí e estás e, por isso, até é uma forma de te ajudar a perceber se consegues gostar se forem coisas mais específicas do teu agrado, ou não (até porque até que alguém se possa especializar em algo, primeiro tem de ter as bases, mesmo que isso implique levar com coisas que ache chatas (e eu que o diga 😅)).

Se gostas de relações internacionais, recomendo-te a procurares sobre direito internacional (na fdul penso que só dão no 2º ano, na fduc temos logo no 1º e até é uma cadeira interessante se tentares enquadrar a matéria teórica em contextos práticos) e procurares sobre as saídas profissionais que o direito te pode dar nessas áreas, como a diplomacia, trabalhar em organizações da UE, empresas multinacionais que contratam pessoas para departamentos jurídicos, etc, e veres se o trabalho que essas pessoas desenvolvem é algo que te imaginarias a fazer. Com a licenciatura em direito também podes tirar mestrado em relações internacionais, btw.

Acredito que ninguém se deve sentir inteiramente contrariado naquilo que faz. Claro que por vezes temos de nos sujeitar a coisas chatas para que mais tarde possamos fazer algo de que gostamos, mas há uma diferença entre viver em sacrifício ou fazer sacrifícios por vezes...

Isto em relação ao direito em si, que é aquilo em que te consigo ajudar mais. Agora, em relação às linguas e literaturas, é verdade que os cursos dessas áreas são mais limitados em termos de saídas profissionais, mas elas existem à mesma! Se o que te está a deixar de pé atrás em relação à mudança é mesmo só a questão das saídas profissionais, sugiro que faças o mesmo que te aconselhei a fazer com direito: ires ver concretamente o que são as saídas. Não pensar só ''ah posso ser professora, tradutora, etc'' mas ver mesmo ''o que faz realmente um professor ou um tradutor no seu dia a dia?'' (dei o exemplo destas duas saídas porque são logo aquelas que me vêm à cabeça quando penso nesse curso ) e veres se são coisas que te imaginas a fazer.

Por último, quero dizer também que, por vezes, até chegarmos a um sítio de que gostamos temos de passar por caminhos mais atribulados, mas são alguns momentos mais exigentes até que no final tenhamos uma recompensa satisfatória e duradoura.

E em relação aos cursos, desejo-te a maior sorte do mundo nessa decisão (se alguma vez precisares de desabafar sobre o curso hmu, ajudo no que puder :) ) e quero lembrar-te que, mesmo que continues em direito, nada te impede de mais tarde ires tirar uma licenciatura em LLC ou outra similar dentro daquilo que te apaixona, conheço várias pessoas que fizeram isso! Nada é 100% definitivo e o importante é que estejamos felizes
 

Ariana_

Mod Bolinhos
Equipa Uniarea
Moderador
Apoiante Uniarea
Matrícula
26 Junho 2017
Mensagens
11,661
Curso
Estudos de Teatro
Instituição
FLUL
Olá! Entrei este ano em direito depois de 3 anos a lutar para o conseguir e, depois de muito sacrifício, ainda que na segunda fase, consegui entrar finalmente onde queria. Escolhi Direito porque sempre me disseram que dava um grande leque de possibilidades e de saídas, sempre soube que não queria ser advogada nem nada que se parecesse. No entanto, à medida que vai passando o semestre, sinto-me completamente desmotivada e que não estou mesmo a gostar nada do curso. Não me consigo concentrar, chega quase até ser fisicamente doloroso estudar. O facto de estar numa das faculdades mais exigentes (FDUL) também não ajuda nada. A minha grande paixão são as letras e a literatura. Fiquei colocada no curso de LLC na FLUL na primeira fase mas como estava a insistir no Direito, consegui entrar na segunda fase e deixei o curso de letras para trás. Por mim até mudava de curso, mas tenho muito medo do desemprego e das poucas saídas que podem trazer. Uma parte de mim diz que não devia desistir (toda a gente diz que é da adaptação), mas a outra parte pergunta-se se devia investir tanto esforço e tanto sacrifício numa coisa que nem gosto. I would really like some advice.
Olá, Bia! Acho que a reflexão sobre a mudança de curso é uma decisão que deves considerar por ti própria, independentemente de todos os conselhos que possas encontrar aqui. A verdade é que nos cursos de Letras vais enfrentar um cenário provavelmente mais fechado do que encontras em cursos como Direito, mas isso não implica necessariamente que o teu futuro é o desemprego garantido, de todo. Aliás, a nível académico, parece-me que os cursos de Letras oferecem algumas possibilidades, pelo que estudares Literatura pode ser interessante se tiveres interesse em investigação ou docência universitária, embora implique bastante esforço e investires numa formação avançada (diga-se, Doutoramento).

Tens certamente outras opções, nomeadamente, LLC é um curso que pode dirigir-te aos mestrados em Ensino, sendo também uma possibilidade que possas ter em conta. Para além disso, a formação em Letras, a meu ver, pressupõe que acabes por pelo menos seguir um percurso no mestrado e felizmente temos casos de alunos que diversificam a área no mestrado, optando por áreas mias próximas da Economia, Tecnologias, Ciências Sociais e isso não lhes fechou portas. Portanto, se estás francamente infeliz a estudar Direito, o meu maior conselho é que não fiques a estudar algo que não te dá assim grande gosto - obviamente que nem em Letras vais sentir que tudo é um mar de rosas, mas gostares muito do que estudas é meio caminho andado para que o teu esforço seja mais recompensador.

Alguma questão que tenhas sobre a FLUL, estou sempre disponível 😛 Boa sorte, qualquer que seja a tua escolha!
 

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Olá! Entendo perfeitamente o que sentes. Entrei em direito na fduc, que foi a minha primeira opção, mas sempre disse que não queria nada relacionado com direito no futuro. Só vim para este curso porque tinha muitas saídas, gostava imenso de filosofia (e o direito está muito ligado à ética), e também gostava de argumentar, mas sempre disse que depois faria mestrado noutra área, talvez jornalismo, ciência política, e outras ideias que tinha.
No ano passado desmotivei imenso com o curso, não correspondeu minimamente às minhas expectativas e, para ''ajudar'' na situação, não gosto propriamente da minha faculdade. Pensei em pedir transferência de instituição (esta hipótese ainda não descartei) e até mesmo mudar de curso e ir para filosofia ou psicologia (dois cursos que acho extremamente interessantes). Este ano a parte de não gostar da minha faculdade mantém-se (e entendo o que dizes a nível da exigência, porque a fduc assemelha-se bastante à fdul nesse aspeto ), mas tenho percebido que se calhar até me imagino a exercer algumas profissões jurídicas, em particular a advocacia. No entanto, não percebi isso com a minha faculdade, percebi-o ao pesquisar sobre temas que me interessavam no âmbito do direito (coisas mais específicas, que não são tão abordadas na licenciatura, em que é suposto dar as bases apenas, mas abordadas em contexto de mestrados e pós graduações ) e ao ver que alguns advogados exerciam nessas áreas e que existia forma de interligar o direito a outras áreas do saber que me interessavam.
Posto isto, não te estou a dizer que se procurares por ti outras coisas vais encontrar algo no direito que te faça gostar mais dele, mas acho que não perdes nada em tentar até porque este ano estás aí e estás e, por isso, até é uma forma de te ajudar a perceber se consegues gostar se forem coisas mais específicas do teu agrado, ou não (até porque até que alguém se possa especializar em algo, primeiro tem de ter as bases, mesmo que isso implique levar com coisas que ache chatas (e eu que o diga 😅)).

Se gostas de relações internacionais, recomendo-te a procurares sobre direito internacional (na fdul penso que só dão no 2º ano, na fduc temos logo no 1º e até é uma cadeira interessante se tentares enquadrar a matéria teórica em contextos práticos) e procurares sobre as saídas profissionais que o direito te pode dar nessas áreas, como a diplomacia, trabalhar em organizações da UE, empresas multinacionais que contratam pessoas para departamentos jurídicos, etc, e veres se o trabalho que essas pessoas desenvolvem é algo que te imaginarias a fazer. Com a licenciatura em direito também podes tirar mestrado em relações internacionais, btw.

Acredito que ninguém se deve sentir inteiramente contrariado naquilo que faz. Claro que por vezes temos de nos sujeitar a coisas chatas para que mais tarde possamos fazer algo de que gostamos, mas há uma diferença entre viver em sacrifício ou fazer sacrifícios por vezes...

Isto em relação ao direito em si, que é aquilo em que te consigo ajudar mais. Agora, em relação às linguas e literaturas, é verdade que os cursos dessas áreas são mais limitados em termos de saídas profissionais, mas elas existem à mesma! Se o que te está a deixar de pé atrás em relação à mudança é mesmo só a questão das saídas profissionais, sugiro que faças o mesmo que te aconselhei a fazer com direito: ires ver concretamente o que são as saídas. Não pensar só ''ah posso ser professora, tradutora, etc'' mas ver mesmo ''o que faz realmente um professor ou um tradutor no seu dia a dia?'' (dei o exemplo destas duas saídas porque são logo aquelas que me vêm à cabeça quando penso nesse curso ) e veres se são coisas que te imaginas a fazer.

Por último, quero dizer também que, por vezes, até chegarmos a um sítio de que gostamos temos de passar por caminhos mais atribulados, mas são alguns momentos mais exigentes até que no final tenhamos uma recompensa satisfatória e duradoura.

E em relação aos cursos, desejo-te a maior sorte do mundo nessa decisão (se alguma vez precisares de desabafar sobre o curso hmu, ajudo no que puder :) ) e quero lembrar-te que, mesmo que continues em direito, nada te impede de mais tarde ires tirar uma licenciatura em LLC ou outra similar dentro daquilo que te apaixona, conheço várias pessoas que fizeram isso! Nada é 100% definitivo e o importante é que estejamos felizes
Olaaa!! Muito obrigado pelos conselhos e o pelo tempo para responder às minhas dúvidas :D Também já tenho posta a hipótese de mudar de faculdade para a Nova, já que (pelo que ouvi dizer, não tenho bem a certeza) não é uma faculdade tanto direcionada para o Direito "duro e cru" ao contrário da fdul e da fduc. Mas acho que também vou começar a pesquisar sobre direito internacional, porque é uma área que deixa com muita curiosidade e pode ser que até venha a gostar. Acho que ainda não sei bem o que quero mesmo fazer no futuro e isso ainda torna as decisões mais difíceis, mas lá está, nada é definitivo. É por isso que vou tentar aguentar o 1 ano e entretanto ver o que dá. Assim ter a cabeça mais aberta para muitas possibilidades. Muito muito obrigado pela ajuda :)) boa sorte para ti também!!
Post automatically merged:

Olá, Bia! Acho que a reflexão sobre a mudança de curso é uma decisão que deves considerar por ti própria, independentemente de todos os conselhos que possas encontrar aqui. A verdade é que nos cursos de Letras vais enfrentar um cenário provavelmente mais fechado do que encontras em cursos como Direito, mas isso não implica necessariamente que o teu futuro é o desemprego garantido, de todo. Aliás, a nível académico, parece-me que os cursos de Letras oferecem algumas possibilidades, pelo que estudares Literatura pode ser interessante se tiveres interesse em investigação ou docência universitária, embora implique bastante esforço e investires numa formação avançada (diga-se, Doutoramento).

Tens certamente outras opções, nomeadamente, LLC é um curso que pode dirigir-te aos mestrados em Ensino, sendo também uma possibilidade que possas ter em conta. Para além disso, a formação em Letras, a meu ver, pressupõe que acabes por pelo menos seguir um percurso no mestrado e felizmente temos casos de alunos que diversificam a área no mestrado, optando por áreas mias próximas da Economia, Tecnologias, Ciências Sociais e isso não lhes fechou portas. Portanto, se estás francamente infeliz a estudar Direito, o meu maior conselho é que não fiques a estudar algo que não te dá assim grande gosto - obviamente que nem em Letras vais sentir que tudo é um mar de rosas, mas gostares muito do que estudas é meio caminho andado para que o teu esforço seja mais recompensador.

Alguma questão que tenhas sobre a FLUL, estou sempre disponível 😛 Boa sorte, qualquer que seja a tua escolha!
Olaaa muito obrigada pela resposta :D é um bocado isso do percurso ser fechado que me prendeu e colocar Direito como primeira opção. Sempre tive a ideia de seguir um mestrado mesmo em Direito, acho que isso acaba sempre por abrir mais portas e até especializar-me em algo que se calhar iria gostar mais. Quanto a LLC é mesmo aquele curso que me dá imensa curiosidade porque envolve muito as coisas que eu gosto, tanto as línguas como a literatura. Sei que nem tudo ia ser fácil, em nenhum curso é, mas às vezes penso que se estivesse noutro curso talvez faria as coisas e estudava com muito mais vontade. Vou dar tempo ao tempo e ver se consigo ganhar "o gosto" pelo Direito e o que eu realmente gostava de fazer no futuro. Muito obrigada pelo conselho, aprecio imenso :)) boa sorte para ti também!!
 
Última edição:

LanasDaVida

Membro Caloiro
Matrícula
19 Janeiro 2018
Mensagens
7
Curso
Direito
Instituição
FDUL
Olá! Entrei este ano em direito depois de 3 anos a lutar para o conseguir e, depois de muito sacrifício, ainda que na segunda fase, consegui entrar finalmente onde queria. Escolhi Direito porque sempre me disseram que dava um grande leque de possibilidades e de saídas, sempre soube que não queria ser advogada nem nada que se parecesse. No entanto, à medida que vai passando o semestre, sinto-me completamente desmotivada e que não estou mesmo a gostar nada do curso. Não me consigo concentrar, chega quase até ser fisicamente doloroso estudar. O facto de estar numa das faculdades mais exigentes (FDUL) também não ajuda nada. A minha grande paixão são as letras e a literatura. Fiquei colocada no curso de LLC na FLUL na primeira fase mas como estava a insistir no Direito, consegui entrar na segunda fase e deixei o curso de letras para trás. Por mim até mudava de curso, mas tenho muito medo do desemprego e das poucas saídas que podem trazer. Uma parte de mim diz que não devia desistir (toda a gente diz que é da adaptação), mas a outra parte pergunta-se se devia investir tanto esforço e tanto sacrifício numa coisa que nem gosto. I would really like some advice.
Olá Bia! Devo admitir que estava à espera de encontrar uma mensagem como a tua para sentir que não estou sozinha nesta luta!
Também entrei este ano na FDUL e, embora planeasse isto à anos, agora que cá estou sinto que não sei muito bem o que estou a fazer.
Sinto que a maior parte da minha turma já sabe tudo o que há para saber sobre direito (sabem os autores, as doutrinas, todos os conceitos mais fancy) e a mim ninguém me avisou que devia entrar na faculdade já ensinada. Sinto que a base que me estão a dar não é assim tão básica e fazem-me sentir extremamente burra, e eu sei que não sou burra (talvez seja por ter vindo para a FDUL).
Odeio a maior parte das disciplinas e a maneira como estão estruturadas (para mim aprender não é decorar e muito menos dar graxa a assistentes com complexos de superioridade). Mas depois também adoro Teoria (por enquanto, quando receber a frequência a minha opinião pode mudar) e isso dá-me um pouco de confiança porque é das cadeiras que para mim mais têm a ver com direito, e faz-me sempre ficar com aquele desejo de querer saber mais.
Talvez por ser mais tímida também não me esteja a sair tão bem no método de avaliação contínua e isso me prejudique, mas método A não é para todos.
Por fim, compreendo perfeitamente o "vou para direito porque tem muitas saídas". Sempre pensei que gostasse de direito, agora percebo que gosto apenas da ideia que tenho de direito. Sei que não é isto que quero fazer na vida mas também sei o peso e a segurança de uma licenciatura em direito. Vou ver como este semestre corre para decidir o que fazer da minha vida académica (mudar de faculdade, mudar de curso, uma incógnita).
Desejo-te sorte na época de exames e espero que as frequências te tenham corrido bem (por aqui desmotivação total para a frequência de sexta (já chega de mental breakdowns neste mês))! Vais ver que tudo se resolve!
 
  • Like
Reactions: llaurallourenco

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Olá Bia! Devo admitir que estava à espera de encontrar uma mensagem como a tua para sentir que não estou sozinha nesta luta!
Também entrei este ano na FDUL e, embora planeasse isto à anos, agora que cá estou sinto que não sei muito bem o que estou a fazer.
Sinto que a maior parte da minha turma já sabe tudo o que há para saber sobre direito (sabem os autores, as doutrinas, todos os conceitos mais fancy) e a mim ninguém me avisou que devia entrar na faculdade já ensinada. Sinto que a base que me estão a dar não é assim tão básica e fazem-me sentir extremamente burra, e eu sei que não sou burra (talvez seja por ter vindo para a FDUL).
Odeio a maior parte das disciplinas e a maneira como estão estruturadas (para mim aprender não é decorar e muito menos dar graxa a assistentes com complexos de superioridade). Mas depois também adoro Teoria (por enquanto, quando receber a frequência a minha opinião pode mudar) e isso dá-me um pouco de confiança porque é das cadeiras que para mim mais têm a ver com direito, e faz-me sempre ficar com aquele desejo de querer saber mais.
Talvez por ser mais tímida também não me esteja a sair tão bem no método de avaliação contínua e isso me prejudique, mas método A não é para todos.
Por fim, compreendo perfeitamente o "vou para direito porque tem muitas saídas". Sempre pensei que gostasse de direito, agora percebo que gosto apenas da ideia que tenho de direito. Sei que não é isto que quero fazer na vida mas também sei o peso e a segurança de uma licenciatura em direito. Vou ver como este semestre corre para decidir o que fazer da minha vida académica (mudar de faculdade, mudar de curso, uma incógnita).
Desejo-te sorte na época de exames e espero que as frequências te tenham corrido bem (por aqui desmotivação total para a frequência de sexta (já chega de mental breakdowns neste mês))! Vais ver que tudo se resolve!
Olaa!! Não fazes ideia o quão aliviada estou ao saber que afinal também não sou só eu a passar por isto!!
Identifico-me com absolutamente tudo o que disseste, só troco dizeres que adoras Teoria com Constitucional (uma das cadeiras mais difíceis mas que está a ser a minha favorita por alguma razão).
A parte em que disseste dos nossos colegas parecerem que parece que já vêm ensinados é demasiado verdade, e torna as coisas ainda piores. Porque já te sentes desmotivada e ficas a pensar ainda que não és inteligente o suficiente quando te comparas com eles (que parece que já sabem tudo). Por outro lado, também tenho um grupo de colegas em que estamos todas a desesperar com isto tudo (a fdul adora mesmo ver sofrer toda a gente). A diferença é que elas dizem que, apesar de tudo, estão a gostar imenso do curso. E eu fico "Bem... Eu nem isso posso dizer que esteja a acontecer". Se já para quem gosta está a ser um murro no estômago, imagina para quem nem sequer está a gostar.
O método A para mim também é um pesadelo autêntico, também sou muito tímida e tenho muita ansiedade. Mas essa parte dizem que também melhora com o tempo e com o quão seguras acabamos por estar.
Acho que devias tentar fazer o 1 ano tho, a não ser que não consigas mesmo aguentar isto tudo e que a tua saúde mental esteja mesmo a piorar cada vez mais. É o primeiro semestre e, apesar de eu ter quase a certeza que quero mesmo mudar de curso, pode ser que algo entretanto mude.
Boa sorte para ti também na época de frequências!! São semanas infernais mesmo, mas pelo menos acaba já amanhã!! (fora os exames mas isso preocupamo-nos mais tarde xD) . Boa sorte!! <33
 
  • Like
Reactions: LanasDaVida

LanasDaVida

Membro Caloiro
Matrícula
19 Janeiro 2018
Mensagens
7
Curso
Direito
Instituição
FDUL
Olaa!! Não fazes ideia o quão aliviada estou ao saber que afinal também não sou só eu a passar por isto!!
Identifico-me com absolutamente tudo o que disseste, só troco dizeres que adoras Teoria com Constitucional (uma das cadeiras mais difíceis mas que está a ser a minha favorita por alguma razão).
A parte em que disseste dos nossos colegas parecerem que parece que já vêm ensinados é demasiado verdade, e torna as coisas ainda piores. Porque já te sentes desmotivada e ficas a pensar ainda que não és inteligente o suficiente quando te comparas com eles (que parece que já sabem tudo). Por outro lado, também tenho um grupo de colegas em que estamos todas a desesperar com isto tudo (a fdul adora mesmo ver sofrer toda a gente). A diferença é que elas dizem que, apesar de tudo, estão a gostar imenso do curso. E eu fico "Bem... Eu nem isso posso dizer que esteja a acontecer". Se já para quem gosta está a ser um murro no estômago, imagina para quem nem sequer está a gostar.
O método A para mim também é um pesadelo autêntico, também sou muito tímida e tenho muita ansiedade. Mas essa parte dizem que também melhora com o tempo e com o quão seguras acabamos por estar.
Acho que devias tentar fazer o 1 ano tho, a não ser que não consigas mesmo aguentar isto tudo e que a tua saúde mental esteja mesmo a piorar cada vez mais. É o primeiro semestre e, apesar de eu ter quase a certeza que quero mesmo mudar de curso, pode ser que algo entretanto mude.
Boa sorte para ti também na época de frequências!! São semanas infernais mesmo, mas pelo menos acaba já amanhã!! (fora os exames mas isso preocupamo-nos mais tarde xD) . Boa sorte!! <33
Quem me dera adorar constitucional, não faço ideia de como vou fazer essa cadeira. Só de pensar que continua no segundo semestre...
Infelizmente, já não posso dizer que tenho um grupo de colegas para desesperar junto porque só tenho uma amiga (eu sei triste, não me consegui mesmo enquadrar) e ela tá a dispensar a tudo com altas notas enquanto eu vou a exame a tudo com 11 (aparentemente não me podem dar mais porque não participo mesmo tendo frequências até bastante boas para as notas na FDUL). Ah e claro, ela adora o curso e tem a certeza que é isto que quer para a vida. Claro que fico feliz por ela mas também me sinto bastante em baixo, eu aqui a ir aos exames todos e ela a decidir se deve ir a oral de melhoria a uma disciplina a que já tem 14.
Uma das coisas que me arrependo efetivamente foi ter deixado tudo em método A. Os veteranos e em geral a maior parte dos outros estudantes fazem o método B parecer a pior coisa do mundo e a realidade é que se tivesse posto algumas cadeiras em método B teria diminuído os meus problemas pela metade (especialmente a ansiedade que senti durante todo o semestre).
Não digo que vou tentar ficar até ao final do primeiro ano (ainda não sei se me quero comprometer com o sofrimento a longo prazo) mas vou sem dúvida tentar ultrapassar este semestre, depois vejo como corre.
Também tenho esse medo de estar a desistir cedo demais quando o melhor pode estar mesmo ao virar da esquina. Mas eu diria que o direito tem tido o poder de me fazer bipolar, num dia quero desistir e estou farta disto tudo e no outro já adoro.
Espero que tenhas dispensado a algumas cadeiras (se dispensaste a todas PARABÉNS), senão não te preocupes porque há imensa gente a ir a exame a tudo e não há nada de mal nisso.
 

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Quem me dera adorar constitucional, não faço ideia de como vou fazer essa cadeira. Só de pensar que continua no segundo semestre...
Infelizmente, já não posso dizer que tenho um grupo de colegas para desesperar junto porque só tenho uma amiga (eu sei triste, não me consegui mesmo enquadrar) e ela tá a dispensar a tudo com altas notas enquanto eu vou a exame a tudo com 11 (aparentemente não me podem dar mais porque não participo mesmo tendo frequências até bastante boas para as notas na FDUL). Ah e claro, ela adora o curso e tem a certeza que é isto que quer para a vida. Claro que fico feliz por ela mas também me sinto bastante em baixo, eu aqui a ir aos exames todos e ela a decidir se deve ir a oral de melhoria a uma disciplina a que já tem 14.
Uma das coisas que me arrependo efetivamente foi ter deixado tudo em método A. Os veteranos e em geral a maior parte dos outros estudantes fazem o método B parecer a pior coisa do mundo e a realidade é que se tivesse posto algumas cadeiras em método B teria diminuído os meus problemas pela metade (especialmente a ansiedade que senti durante todo o semestre).
Não digo que vou tentar ficar até ao final do primeiro ano (ainda não sei se me quero comprometer com o sofrimento a longo prazo) mas vou sem dúvida tentar ultrapassar este semestre, depois vejo como corre.
Também tenho esse medo de estar a desistir cedo demais quando o melhor pode estar mesmo ao virar da esquina. Mas eu diria que o direito tem tido o poder de me fazer bipolar, num dia quero desistir e estou farta disto tudo e no outro já adoro.
Espero que tenhas dispensado a algumas cadeiras (se dispensaste a todas PARABÉNS), senão não te preocupes porque há imensa gente a ir a exame a tudo e não há nada de mal nisso.

Quem me dera adorar constitucional, não faço ideia de como vou fazer essa cadeira. Só de pensar que continua no segundo semestre...
Infelizmente, já não posso dizer que tenho um grupo de colegas para desesperar junto porque só tenho uma amiga (eu sei triste, não me consegui mesmo enquadrar) e ela tá a dispensar a tudo com altas notas enquanto eu vou a exame a tudo com 11 (aparentemente não me podem dar mais porque não participo mesmo tendo frequências até bastante boas para as notas na FDUL). Ah e claro, ela adora o curso e tem a certeza que é isto que quer para a vida. Claro que fico feliz por ela mas também me sinto bastante em baixo, eu aqui a ir aos exames todos e ela a decidir se deve ir a oral de melhoria a uma disciplina a que já tem 14.
Uma das coisas que me arrependo efetivamente foi ter deixado tudo em método A. Os veteranos e em geral a maior parte dos outros estudantes fazem o método B parecer a pior coisa do mundo e a realidade é que se tivesse posto algumas cadeiras em método B teria diminuído os meus problemas pela metade (especialmente a ansiedade que senti durante todo o semestre).
Não digo que vou tentar ficar até ao final do primeiro ano (ainda não sei se me quero comprometer com o sofrimento a longo prazo) mas vou sem dúvida tentar ultrapassar este semestre, depois vejo como corre.
Também tenho esse medo de estar a desistir cedo demais quando o melhor pode estar mesmo ao virar da esquina. Mas eu diria que o direito tem tido o poder de me fazer bipolar, num dia quero desistir e estou farta disto tudo e no outro já adoro.
Espero que tenhas dispensado a algumas cadeiras (se dispensaste a todas PARABÉNS), senão não te preocupes porque há imensa gente a ir a exame a tudo e não há nada de mal nisso.
Olaaa desculpa só ter respondido agora mas tenho estado "off" da uniarea desde o inicio da época de frequencias xD

É mesmo uma pena não te teres conseguido enquadrar :'( acho que se não fosse pelas pessoas que conheci aqui já tinha desistido há muito, quase que vale a pena por causa das amigas que fiz aqui, o que até foi surpreendente porque sou muito introvertida e não consigo fazer amizades muito facilmente xD. Se não te sentires melhor podes sempre mandar me mensagem em privado e encontramo-nos algum dia para falar, se quiseres claro :)

E sim, percebo a situação de veres as pessoas ao teu lado conseguirem e tu simplesmente sem qualquer motivação para continuar e a tirar notas baixas. A realidade é que também todos temos ritmo de adaptação e aprendizagem diferente, mas custa imenso. Não, não consegui dispensar a nenhuma cadeira xD tive de ir a exame a todas e só consegui passar por oral de passagem a economia e a ied, sim, isto está tão mal quanto parece. Depois de um semestre passado tenho cada vez mais a certeza que não é isto que quero para mim.

Anyways, passado a época de frequências tens-te sentido melhor e ficado menos indecisa? Se precisares de alguma coisa, é só dizer :)
 

LanasDaVida

Membro Caloiro
Matrícula
19 Janeiro 2018
Mensagens
7
Curso
Direito
Instituição
FDUL
Olaaa desculpa só ter respondido agora mas tenho estado "off" da uniarea desde o inicio da época de frequencias xD

É mesmo uma pena não te teres conseguido enquadrar :'( acho que se não fosse pelas pessoas que conheci aqui já tinha desistido há muito, quase que vale a pena por causa das amigas que fiz aqui, o que até foi surpreendente porque sou muito introvertida e não consigo fazer amizades muito facilmente xD. Se não te sentires melhor podes sempre mandar me mensagem em privado e encontramo-nos algum dia para falar, se quiseres claro :)

E sim, percebo a situação de veres as pessoas ao teu lado conseguirem e tu simplesmente sem qualquer motivação para continuar e a tirar notas baixas. A realidade é que também todos temos ritmo de adaptação e aprendizagem diferente, mas custa imenso. Não, não consegui dispensar a nenhuma cadeira xD tive de ir a exame a todas e só consegui passar por oral de passagem a economia e a ied, sim, isto está tão mal quanto parece. Depois de um semestre passado tenho cada vez mais a certeza que não é isto que quero para mim.

Anyways, passado a época de frequências tens-te sentido melhor e ficado menos indecisa? Se precisares de alguma coisa, é só dizer :)
Desculpa só responder agora mas este inicio de semestre tem sido caótico 😅
Lamento que o primeiro semestre não te tenha corrido bem! Eu quando percebi que ia a exame a tudo também foi bastante desapontante, mas também admito que à medida a que fui despachando as cadeiras ia sentindo-me melhor e mais confiante! Foi bastante gratificante no final e dei por mim a pensar que não foi assim tão mau (o que é mentira porque foi horrível). Ainda não tenho a certeza de ser isto o que quero mas as coisas têm vindo a melhorar com o tempo e a realidade é que, mesmo não sendo extremamente inteligente e muitas das vezes não percebendo parte do que eles falam, apesar de todos os aspetos negativos (que são muitos) ainda há algo que me faz querer continuar.
Sobre teres deixado cadeiras para trás, não é sem dúvida alguma o fim do mundo! Mais importante acho que é refletires o que queres (eu sei que não é fácil). Pode ser que até gostes de direito mas não na FDUL (não julgo, já estive a falar com pessoas da nova e a ponderar pedir transferência se isto continuar assim tão tóxico), ou então não queiras mesmo direito e descubras o que realmente queres. A sociedade em geral faz muita pressão aos jovens para saberem desde cedo o que querem, mas a maior parte não o sabe e passa vários anos a tentar descobrir, e isso sim é normal! Ainda temos muito tempo para descobrir o que queremos, acredito que não haja necessidade para pressas!
Boa sorte com o segundo semestre, que corra melhor que o primeiro e que no final consigas tomar uma decisão com a qual te sintas confortável!
(voltarei a entrar em contacto para saber como correu 😊)
 

biaacm.02

Membro Caloiro
Matrícula
25 Setembro 2021
Mensagens
7
Desculpa só responder agora mas este inicio de semestre tem sido caótico 😅
Lamento que o primeiro semestre não te tenha corrido bem! Eu quando percebi que ia a exame a tudo também foi bastante desapontante, mas também admito que à medida a que fui despachando as cadeiras ia sentindo-me melhor e mais confiante! Foi bastante gratificante no final e dei por mim a pensar que não foi assim tão mau (o que é mentira porque foi horrível). Ainda não tenho a certeza de ser isto o que quero mas as coisas têm vindo a melhorar com o tempo e a realidade é que, mesmo não sendo extremamente inteligente e muitas das vezes não percebendo parte do que eles falam, apesar de todos os aspetos negativos (que são muitos) ainda há algo que me faz querer continuar.
Sobre teres deixado cadeiras para trás, não é sem dúvida alguma o fim do mundo! Mais importante acho que é refletires o que queres (eu sei que não é fácil). Pode ser que até gostes de direito mas não na FDUL (não julgo, já estive a falar com pessoas da nova e a ponderar pedir transferência se isto continuar assim tão tóxico), ou então não queiras mesmo direito e descubras o que realmente queres. A sociedade em geral faz muita pressão aos jovens para saberem desde cedo o que querem, mas a maior parte não o sabe e passa vários anos a tentar descobrir, e isso sim é normal! Ainda temos muito tempo para descobrir o que queremos, acredito que não haja necessidade para pressas!
Boa sorte com o segundo semestre, que corra melhor que o primeiro e que no final consigas tomar uma decisão com a qual te sintas confortável!
(voltarei a entrar em contacto para saber como correu 😊)
Aloo!! Fico mesmo contente ao saber que as coisas já te estão a correr melhor 🥰🥰 acho que no ínicio tudo acaba por ser complicado e melhora com o tempo, especialmente quando é algo que gostas. E se há algo que te faz querer continuar, acho que deves continuar. As minhas amigas também querem desistir muitas vezes, mas no final existe sempre aquele gosto e objetivo que as faz querer continuar. E tens razão, a sociedade faz imensa pressão nos jovens para saberem aquilo que querem desde cedo, o que é um bocado estúpido. Porque quem é que sabe qual é realmente o caminho que quer tomar aos 18 anos. Acho que um dos meus piores medos é fazer uma escolha que me vai fazer arrepender no futuro por estar a viver demasiado no presente e o que eu quero no momento, mas não entendo como é que se pode pensar mais no futuro quando ele é tão incerto e tanta coisa pode acontecer. Sinto que é mais essa dúvida que me está a fazer hesitar, mas já esteve mais, porque inscrevi me em dois exames nacionais ahahah
Espero que te continue a correr bem e que continues a sentir-te mais realizada💖 depois conta-me como está a correr o 2 semestre :DD