Eng. Eletrotécnica e de Computadores vs Eng. Informática

Marco Ramos

Membro Veterano
Matrícula
27 Janeiro 2018
Mensagens
493
Curso
Engenharia Fisica
Instituição
FCUP
Eu não gostava muito de estudar fisica em Portugal se fosse escolher fisica acho que iria para uma faculdade estrangeira mas quem sabe até lá mude
Mensagem fundida automaticamente:


Eu não gostava muito de estudar fisica em Portugal se fosse escolher fisica acho que iria para uma faculdade estrangeira mas quem sabe até lá mude
Já entendi isso , mas a cena é que não tens razões para isso... e para além disso , se o teu objetivo seria ires estudar para fora , o teu melhor caminho era tirares licenciatura em fisica em portugal e só depois disso te candidatares para lá para mestrado e depois doutoramento.. de resto ia ser muito dificil...
Mensagem fundida automaticamente:

ou então ias tar em piores condições do que em portugal...
 
  • Like
Reactions: Rui Veiga

luisd105

Membro
Matrícula
27 Dezembro 2017
Mensagens
19
Bom dia, eu estou no 11 ano com uma média de 16, antes de realizar os exames nacionais(por isso creio que esta desça), ja tendo chegado a conclusão que nao tenho notas para o IST ou a universidade do porto, gostava que me indiquem uma boa universidade bem vista pelas empresas e com boa empregabilidade no curso de engenharia eletrotécnica e de computadores. A FCTUC seria uma boa opçao?se nao qual seria?
A esperança é a ultima a morrer,ainda tens um ano para fazer e ainda tens o exame dá o teu melhor,caso corra mal tens a UC e a Nova
Mensagem fundida automaticamente:

Já entendi isso , mas a cena é que não tens razões para isso... e para além disso , se o teu objetivo seria ires estudar para fora , o teu melhor caminho era tirares licenciatura em fisica em portugal e só depois disso te candidatares para lá para mestrado e depois doutoramento.. de resto ia ser muito dificil...
Mensagem fundida automaticamente:

ou então ias tar em piores condições do que em portugal...
Não dava para eu acabar o meu curso aqui em engenharia e depois tirar PhD ou mestrado no exterior com outro curso(fisica ou matematica pura)?
 

Marco L.

marq muito físiq
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
8 Julho 2016
Mensagens
10,628
Curso
Física
Instituição
FCUP
Não dava para eu acabar o meu curso aqui em engenharia e depois tirar PhD ou mestrado no exterior com outro curso(fisica ou matematica pura)?
Duvido que te aceitem para um doutoramento em Matemática/Física lá fora com um curso de engenharia (nem em Portugal). Se queres fazer isso, o ideal seria mesmo seguir um desses dois cursos já na licenciatura.
 
  • Like
Reactions: Rui Veiga

Sousa_Vector

Membro Veterano
Matrícula
25 Julho 2016
Mensagens
159
Curso
Engenharia Electrotécnica
Instituição
FEUP
Obrigado @luisd105 , vou dar o meu melhor, e tentar melhorar a situação!
Mensagem fundida automaticamente:


Obrigado pela resposta, vou tentar aplicar-me, e ver como as coisas correm, só uma coisa, em qual das tres áreas é a melhor para eu me de especializar , tendo em conta a taxa de empregabilidade?
A taxa de empregabilidade é mais ao menos igual nos 3 ramos, mas há mais gente neste momento a ir para automação, conselho vai para a área que gostas mais, tens sempre mercado em qualquer dos ramos.
 

luisd105

Membro
Matrícula
27 Dezembro 2017
Mensagens
19
Duvido que te aceitem para um doutoramento em Matemática/Física lá fora com um curso de engenharia (nem em Portugal). Se queres fazer isso, o ideal seria mesmo seguir um desses dois cursos já na licenciatura.
Então acho q vou ficar pela engenharia eletrotecnica e de computadores porque é uma area que eu gosto muito mas muito obrigado pelas dicas
 

Marco Ramos

Membro Veterano
Matrícula
27 Janeiro 2018
Mensagens
493
Curso
Engenharia Fisica
Instituição
FCUP
A esperança é a ultima a morrer,ainda tens um ano para fazer e ainda tens o exame dá o teu melhor,caso corra mal tens a UC e a Nova
Mensagem fundida automaticamente:


Não dava para eu acabar o meu curso aqui em engenharia e depois tirar PhD ou mestrado no exterior com outro curso(fisica ou matematica pura)?
Pois , é nisso que não tas bem informado, é muito dificil depois de tirares engenharia ir para um PhD ou mestrado em fisica ou matématica pura...
Mensagem fundida automaticamente:

Alguma dica espetacular para ter 19 no exame?
estuda , come bem , dorme bem e calma no exame..
 

Sousa_Vector

Membro Veterano
Matrícula
25 Julho 2016
Mensagens
159
Curso
Engenharia Electrotécnica
Instituição
FEUP
Alguma dica espetacular para ter 19 no exame?
Fazer muitos exames e refaze-los na recta final para ganhar confiança (anotar o tempo que se demorou, o que errou em cada vez), estudo continuado durante um ano, preparação mental, no dia anterior estudar pouco e fazer muito exercício físico, preparar o dia do exame ao minuto, chegar com antecedência, ver a sala de exame dias antes para visualização mental, ver os critérios de correção minuciosamente.
É como se preparar para uma final, tudo conta.
Trabalhar para tirar 20 e entrar na sala de exames com o objectivo de tirar 20, independentemente de isso acontecer ou não.
 
Última edição:

Luís Todo Bom

Membro Dux
Matrícula
23 Agosto 2016
Mensagens
1,595
Curso
Engenharia dos juros
Instituição
ISEG
Duvido que te aceitem para um doutoramento em Matemática/Física lá fora com um curso de engenharia (nem em Portugal). Se queres fazer isso, o ideal seria mesmo seguir um desses dois cursos já na licenciatura.
Nao tem bem a ver com isso. Podem aceitar na mesma. Depende de varias coisas.
 

Marco Ramos

Membro Veterano
Matrícula
27 Janeiro 2018
Mensagens
493
Curso
Engenharia Fisica
Instituição
FCUP
Pois depende! a questão é mesmo essa , por isso é que lhe aconselhei (visto que ele queria depois doutoramento ou mestrado em física ou matemática pura) fazer uma licenciatura em matemática ou física pura porque pelo que vejo é a maneira mais fácil de aceder a esse tipo de instituições .
 

luisd105

Membro
Matrícula
27 Dezembro 2017
Mensagens
19
Pois depende! a questão é mesmo essa , por isso é que lhe aconselhei (visto que ele queria depois doutoramento ou mestrado em física ou matemática pura) fazer uma licenciatura em matemática ou física pura porque pelo que vejo é a maneira mais fácil de aceder a esse tipo de instituições .
De qualquer modo tenho que pensar mas obrigado pelas dicas
Mensagem fundida automaticamente:

Fazer muitos exames e refaze-los na recta final para ganhar confiança (anotar o tempo que se demorou, o que errou em cada vez), estudo continuado durante um ano, preparação mental, no dia anterior estudar pouco e fazer muito exercício físico, preparar o dia do exame ao minuto, chegar com antecedência, ver a sala de exame dias antes para visualização mental, ver os critérios de correção minuciosamente.
É como se preparar para uma final, tudo conta.
Trabalhar para tirar 20 e entrar na sala de exames com o objectivo de tirar 20, independentemente de isso acontecer ou não.
Achei as dicas muito boas vou usar no futuro
 
  • Like
Reactions: Sousa_Vector

João.Cruz

Membro Caloiro
Matrícula
14 Julho 2017
Mensagens
4
Acabei de finalizar o 12º ano, e estou entre estes 2 cursos, quais são as diferenças entre estes dois cursos em termos de aprendizagem e em termos de saída para o mundo do trabalho?
 

Wraak

Membro Dux
Matrícula
5 Dezembro 2015
Mensagens
900
Curso
Engenharia Informática e de Computadores
Instituição
IST
Acabei de finalizar o 12º ano, e estou entre estes 2 cursos, quais são as diferenças entre estes dois cursos em termos de aprendizagem e em termos de saída para o mundo do trabalho?
Heya,

Engenharia Informática e de Computadores é muito mais focado em ciência da computação, estudas imenso algoritmia, bases de dados, computabilidade e complexidade de programas e algoritmos, compiladores, computação gráfica, redes, programação, problem solving em geral, ... dás também alguns ares de arquitetura de computadores em Introdução à Arquitetura de Computadores (no IST) e Organização de Computadores (IST também). Ou seja, é um curso muito focado no poder do computador e no que podes fazer com ele em termos de software (claro que sempre respeitando os limites físicos do mesmo).

Por outro lado, Engenharia Eletrotécnica e de Computadores dás arquitetura de computadores mais a sério (Sistemas Digitais e Arquitetura de Computadores no IST), tens alguma programação (muito mais fácil e básica do que em EI mas ainda alguma em Programação e Algoritmos e Estruturas de Dados no IST) mas de resto é completamente focado em eletrotecnica, ondas, circuitos, telecomunicações, energia, ... é um curso que envolve uma grande componente de física (nomeadamente nas áreas de eletromagnetismo e ondas) enquanto que EI não. Uma das vantagens de MEEC é que te permite mudar para MEIC (Mestrado em Eng. Informática e de Computadores) caso queiras e, frequentemente, algumas especializações do mestrado são super dedicadas a computadores. O contrário não acontece.

Já estive nos 2 cursos, se gostas de circuitos, física, eletromagnetismo e isso a sério, podes considerar Eng. Eletrotécnica. Se não, nem consideres, vais perder 1 ano para mudar para EI mais tarde.

Abraço
 
  • Like
Reactions: davis

João.Cruz

Membro Caloiro
Matrícula
14 Julho 2017
Mensagens
4
Heya,

Engenharia Informática e de Computadores é muito mais focado em ciência da computação, estudas imenso algoritmia, bases de dados, computabilidade e complexidade de programas e algoritmos, compiladores, computação gráfica, redes, programação, problem solving em geral, ... dás também alguns ares de arquitetura de computadores em Introdução à Arquitetura de Computadores (no IST) e Organização de Computadores (IST também). Ou seja, é um curso muito focado no poder do computador e no que podes fazer com ele em termos de software (claro que sempre respeitando os limites físicos do mesmo).

Por outro lado, Engenharia Eletrotécnica e de Computadores dás arquitetura de computadores mais a sério (Sistemas Digitais e Arquitetura de Computadores no IST), tens alguma programação (muito mais fácil e básica do que em EI mas ainda alguma em Programação e Algoritmos e Estruturas de Dados no IST) mas de resto é completamente focado em eletrotecnica, ondas, circuitos, telecomunicações, energia, ... é um curso que envolve uma grande componente de física (nomeadamente nas áreas de eletromagnetismo e ondas) enquanto que EI não. Uma das vantagens de MEEC é que te permite mudar para MEIC (Mestrado em Eng. Informática e de Computadores) caso queiras e, frequentemente, algumas especializações do mestrado são super dedicadas a computadores. O contrário não acontece.

Já estive nos 2 cursos, se gostas de circuitos, física, eletromagnetismo e isso a sério, podes considerar Eng. Eletrotécnica. Se não, nem consideres, vais perder 1 ano para mudar para EI mais tarde.

Abraço
Obrigado pela resposta
 

Blurft

Membro Caloiro
Matrícula
20 Junho 2017
Mensagens
1
Olá, eu entrei em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores no ISEP e apesar de ter noção do que escolhi continuo sem saber muito sobre esta área. Gostava de saber se o curso se dedica exclusivamente a componentes elétricas e abrange um pouco de computadores ou se 50% deste se dedica ao computador em si, em termos de hardware e assim e se abrange o suficiente de programação para facilitar o que possa querer aprender para a frente quanto a software ou até mesmo saber resolver os problemas mais avançados do meu computador sem usar o google :p . Além disso, gostaria que saber qual o ramo ao fazer mestrado que foca mais os computadores (se é que existe). Estava a pensar no final do ano ne candidatar a Engenharia Informática se o curso não me agradar...
 

Sofia Luís

Membro
Matrícula
22 Junho 2017
Mensagens
72
Boa noite. Tenho andado a pensar muito sobre o meu futuro e estou bastante indecisa entre eng. eletrotécnica e de computadores e eng. informática. Sempre estive inclinada para engenharia eletrotécnica porque também nunca tinha considerado a opção de informática, não me perguntem porquê. Agora vem o meu dilema: será que o curso de eng. eletrotécnica é melhor para mim porque é mais abrangente e tanto tem a parte da eletrotécnica como também a parte da programação (embora pouca) e, deste modo, posso vir a descobrir a minha área de interesse? E se fizer eletrotecnica, posso aprender por mim a programar ou fazer cursos de programação, enquanto que em informática se quiser aprender conteúdos ligados à eletrotecnica torna-se mais dificil fazê-lo sozinha...
Sou uma pessoa que gosta muito de matemática, se for para informática acabo por estudar mais a ciência da computação do que matemática em si? Enquanto que eletrotécnica tenho muita matemática e claro, conjuntamente com a parte da física ligada aos circuitos eletricos etc. Estou errada? Espero mesmo que isto não tenha ficado muito confuso.
E desculpem por este texto enorme e obrigada aos que leram tudo ahah
Tenho média para ambos, só não sei qual colocar em primeiro lugar. Ajudem-me, todas as opiniões são bem vindas!
 

ShadowWing

Membro Veterano
Matrícula
10 Abril 2015
Mensagens
185
será que o curso de eng. eletrotécnica é melhor para mim porque é mais abrangente e tanto tem a parte da eletrotécnica como também a parte da programação (embora pouca) e, deste modo, posso vir a descobrir a minha área de interesse? E se fizer eletrotecnica, posso aprender por mim a programar ou fazer cursos de programação, enquanto que em informática se quiser aprender conteúdos ligados à eletrotecnica torna-se mais dificil fazê-lo sozinha...
Sou uma pessoa que gosta muito de matemática, se for para informática acabo por estudar mais a ciência da computação do que matemática em si? Enquanto que eletrotécnica tenho muita matemática e claro, conjuntamente com a parte da física ligada aos circuitos eletricos etc. Estou errada?
Estás certa em que tudo o que dizes. No entanto, o que eu tenho vindo a verificar é que muita gente chega ao 2º/3º ano de Eletro e percebe que o que gosta mesmo é de programar, acabando por mudar para informática.
Como em Eletro costumas aprender C é uma linguagem que dá boa bagagem para depois aprenderes outras sozinha (se assim for do teu interesse).
Em Informática, eles têm algumas coisas sobre hardware, mas não muito. A parte de arquiteturas de computadores interessa-te? A nível de circuitos elétricos é que eles não têm nada, penso eu.
Para que faculdade te vais candidatar? No IST informática é bastante carregada em termos de matemática/física: tens Cálculo I e II, ACED, Álgebra, Probabilidades, Mecânica e Ondas e Eletromagnetismo. Portanto não ficas com isso "em falta" :) mais alguma dúvida, está à vontade.
 

ShadowWing

Membro Veterano
Matrícula
10 Abril 2015
Mensagens
185
Olá, eu entrei em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores no ISEP e apesar de ter noção do que escolhi continuo sem saber muito sobre esta área. Gostava de saber se o curso se dedica exclusivamente a componentes elétricas e abrange um pouco de computadores ou se 50% deste se dedica ao computador em si, em termos de hardware e assim e se abrange o suficiente de programação para facilitar o que possa querer aprender para a frente quanto a software ou até mesmo saber resolver os problemas mais avançados do meu computador sem usar o google :p . Além disso, gostaria que saber qual o ramo ao fazer mestrado que foca mais os computadores (se é que existe). Estava a pensar no final do ano ne candidatar a Engenharia Informática se o curso não me agradar...
Não ando no ISEP mas dei uma vista de olhos no plano de estudos deles para te tentar responder...
O curso de lá parece ser até mais completo na parte de Computadores do que o que eu ando. Tens:
Algoritmia e Programação - aprendes linguagem C, que é uma linguagem que te dá boa bagagem para conseguires aprender outras daí para a frente.
Desenvolvimento de Aplicações Computacionais - mais programação e dás bases de dados.
Sistemas Digitais - aprendes funções lógicas, alguns circuitos lógicos (portas lógicas, multiplexers, descodificadores, flip-flops), aprendes o que é uma memória de um computador, máquinas de estado... É a cadeira base para a arquitetura de computadores.
Microprocessadores e microcontroladores - é a continuação de SD. Dás linguagem Assembly, que é a linguagem baixo nível que se usa para programar microprocessadores. Eu não gostei nada, mas há quem adore :p
Sistemas Computacionais - mais C, com foco no Linux e na programação de sistemas.
Sistemas Computacionais Avançados - continuação, pareceme ser uma cadeira fixe que relaciona a programação de sistemas com as outras aplicações de eletrotécnica.

TL;DR: O curso tem mais ou menos em média 1 cadeira de Computadores por semestre mais focado em linguagens de baixo nível (Assembly e C) e em arquiteturas de computadores.
Acho que se essa parte te interessar é um curso que vale a pena. Se tiveres mais interesse em aprenderes múltiplas linguagens de programação e mais foco no software, então informática é uma melhor opção. Todas as restantes cadeiras focam-se na parte da eletrotecnia e circuitos elétricos.

No ISEP o ramo mais focado em computadores parece-me ser o de Automação e Sistemas, embora dê muito ênfase à parte de Controlo e Sistemas Eletrónicos de Processamento de Sinal.
 

Sofia Luís

Membro
Matrícula
22 Junho 2017
Mensagens
72
Estás certa em que tudo o que dizes. No entanto, o que eu tenho vindo a verificar é que muita gente chega ao 2º/3º ano de Eletro e percebe que o que gosta mesmo é de programar, acabando por mudar para informática.
Como em Eletro costumas aprender C é uma linguagem que dá boa bagagem para depois aprenderes outras sozinha (se assim for do teu interesse).
Em Informática, eles têm algumas coisas sobre hardware, mas não muito. A parte de arquiteturas de computadores interessa-te? A nível de circuitos elétricos é que eles não têm nada, penso eu.
Para que faculdade te vais candidatar? No IST informática é bastante carregada em termos de matemática/física: tens Cálculo I e II, ACED, Álgebra, Probabilidades, Mecânica e Ondas e Eletromagnetismo. Portanto não ficas com isso "em falta" :) mais alguma dúvida, está à vontade.
Desde já obrigada pela resposta! Não, vou para a FCT ahah
Se for trabalhar para uma empresa de informática também não quero que os meus dias se resumem a programar... Gosto também de interagir com pessoas, trabalhar em equipa etc... No entanto se for para eletro tenho uma maior variedade de escolhas pois é um curso mais abrangente?? (tanto posso programar como trabalhar na parte da eletrotecnica em si?). Se estiver errada diz. E mais uma coisa, um engenheiro eletrotecnico pode desempenhar o trabalho de um engenheiro informático (vá, ou parte dele) e não o contrário? Desculpa a quantidade de perguntas, é que eu estou mesmo confusa ahah
 

ShadowWing

Membro Veterano
Matrícula
10 Abril 2015
Mensagens
185
Desde já obrigada pela resposta! Não, vou para a FCT ahah
Se for trabalhar para uma empresa de informática também não quero que os meus dias se resumem a programar... Gosto também de interagir com pessoas, trabalhar em equipa etc... No entanto se for para eletro tenho uma maior variedade de escolhas pois é um curso mais abrangente?? (tanto posso programar como trabalhar na parte da eletrotecnica em si?). Se estiver errada diz. E mais uma coisa, um engenheiro eletrotecnico pode desempenhar o trabalho de um engenheiro informático (vá, ou parte dele) e não o contrário? Desculpa a quantidade de perguntas, é que eu estou mesmo confusa ahah
Na boa!
Estive a dar uma vista de olhos no plano de estudos de informática deles e têm de facto um bocadinho menos de Matemática e de Física.
Olha que uma grande parte dos empregos de Engenharia Informática também mobilizam essas skills que referiste, o pessoal não anda só à procura de "code monkeys" :P Já pensaste numa carreira em consultoria?
Sim, em Eletro acabas por dar um pouco de software, hardware e depois a parte de eletrónica aplicada a telecomunicações, energia e ainda controlo (robótica). No entanto sou obrigado também a dizer-te que a maioria dos meus colegas que acabaram o curso foram para uma consultora, ou seja, para um trabalho mais virado para programação. É o que o mercado está a pedir neste momento, mas daqui a 5 anos provavelmente as coisas já vão estar um pouco diferentes.
O engenheiro eletrotécnico tem mais facilidade em se adaptar ao trabalho do engenheiro informático. Isto porque em eletro aprendes linguagens de programação de nível mais baixo (C e Assembly) que te dão bagagem para depois aprenderes autonomamente linguagens de mais alto nível (que são as usadas nas empresas, Python, C++, Java...). Pelo contrário, o engenheiro informático não cadeiras de eletrónica e de eletrotecnia tem mais dificuldade em conseguir fazer esse trabalho. No entanto, também deves ter em conta que em muitas empresas eles já pedem experiência na linguagem x ou y e aí sendo de informática estás claramente em vantagem (não quer dizer que não te contratem se não fores de informática, tens é menos prática do que um informático).
Não tem problema, essas dúvidas são normais :)
 
  • Like
Reactions: Sousa_Vector