Engenharia Informática onde estudar engenharia informática? em que universidade?

Qual?


  • Total voters
    17

Maria João .

Membro Caloiro
Matrícula
9 Julho 2020
Mensagens
7
Olá!
Para o ano gostava de ir para engenharia informática no ensino superior, mas não sei para que universidades/politécnicos me deva candidatar, nem a ordem que deva pôr.
Estou indecisa entre:
Universidade de Aveiro
Instituto Técnico De Lisboa
Universidade do Minho
Instituto Superior de Engenharia no Porto (Politécnico)
 

fsantos02

Membro Veterano
Matrícula
10 Setembro 2019
Mensagens
112
Curso
Ciências e Tecnologias
Olá!
Para o ano gostava de ir para engenharia informática no ensino superior, mas não sei para que universidades/politécnicos me deva candidatar, nem a ordem que deva pôr.
Estou indecisa entre:
Universidade de Aveiro
Instituto Técnico De Lisboa
Universidade do Minho
Instituto Superior de Engenharia no Porto (Politécnico)
Acho que deverias ver a questão da localização, já que são universidades bastantes distantes umas das outras. Será que valeria a pena ires para Lisboa quando vives por exemplo no Norte, ou então no Sul e ires para alguma universidade do Norte? Geralmente, quanto mais longe de casa, mais caro fica.
Posto isto, acho que deverias ver o plano curricular dos cursos e ver o que se encaixa melhor na área da engenharia informática em que gostarias de trabalhar.
Espero ter ajudado
 

Wraak

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
5 Dezembro 2015
Mensagens
1,274
Curso
Computer Science
Instituição
Algures na Europa
Olá!
Para o ano gostava de ir para engenharia informática no ensino superior, mas não sei para que universidades/politécnicos me deva candidatar, nem a ordem que deva pôr.
Estou indecisa entre:
Universidade de Aveiro
Instituto Técnico De Lisboa
Universidade do Minho
Instituto Superior de Engenharia no Porto (Politécnico)
Há uma série de fatores a ter em conta, eu sou biased em relação ao Técnico mas acho que não serve de muito dizer-te para ires para o Técnico só porque sim. Porque é que estás indecisa em faculdades tão distantes uma da outra? Que critérios é que usaste para chegar a esse lista com 4 institutos?
 
  • Like
Reactions: Maria João .

ACA

Membro Veterano
Matrícula
3 Dezembro 2019
Mensagens
159
Olá, tudo bem? :)
Estou neste momento no 1º ano de EI no ISEP. Apesar de recomendar o ISEP, não votei em nenhuma opção, pois o ISEP é a única realidade que verdadeiramente conheço e, não tendo frequentado as outras faculdades, apenas me posso basear no feedback que ouvi de pessoas em relação às outras opções.

Em relação ao ISEP e baseando-me na minha experiência até agora (que ainda não é muita, visto que ainda estou só no 1º ano), é que o curso é orientado de forma a que te prepare para o mercado de trabalho. Ou seja, a ideia que eu tenho, é que é um pouco mais prático que noutras faculdades, como essas que referiste aí. Por exemplo, nós temos todos os semestres uma cadeira designada por "Laboratório/Projeto" que consiste em trabalhar em equipa (grupos) no desenvolvimento de um determinado(s) projeto(s), aliando conhecimento de entre as cadeiras do semestre em questão. Honestamente, e isto sim é a minha opinião pessoal, é o carácter diferenciador nesta licenciatura nesta faculdade em relação às outras, uma vez que, que eu saiba, não têm uma cadeira que se assemelhe. E, honestamente, é mesmo muito vantajoso, uma vez que neste curso, é importantíssimo desenvolveres as chamadas soft skills (comunicação, saber trabalhar em equipa, fatores humanos) pois vais ter inevitavelmente inúmeros trabalhos em equipa depois no futuro (e ao longo do curso também!) e vais ter de saber lidar com os mais variados tipos de pessoas com personalidades distintas. Não te adianta de nada seres, por exemplo, um excelente programador, se depois não consegues comunicar com os teus colegas. Ser EI é muito mais do que ser um mero programador por variadas razões - compreende saber toda a logística e gestão envolvida no projeto e a melhor forma de o desenvolver, por exemplo. E tantas outras coisas mais que eu não mencionei aqui for the sake of simplicity ou que eu própria também ainda não tenho o conhecimento.

Em relação ao ambiente - é muito bom. Contrariamente ao que acontece em várias faculdades, existe alguma proximidade entre aluno e professor e os professores, regra geral, são muito acessíveis e dispostos a esclarecer qualquer dúvida. Agora, claro que podes encontrar um professor ou outro que não vai querer saber, mas isso é em todo o lado e não é a regra.

Isto foi assim um apanhado muito geral do que é estudar EI no ISEP, uma vez que não fizeste nenhuma questão em específico, mas estás à vontade para perguntar qualquer coisa que queiras saber :)
 
Última edição:

Maria João .

Membro Caloiro
Matrícula
9 Julho 2020
Mensagens
7
Olá, tudo bem? :)
Estou neste momento no 1º ano de EI no ISEP. Apesar de recomendar o ISEP, não votei em nenhuma opção, pois o ISEP é a única realidade que verdadeiramente conheço e, não tendo frequentado as outras faculdades, apenas me posso basear no feedback que ouvi de pessoas em relação às outras opções.

Em relação ao ISEP e baseando-me na minha experiência até agora (que ainda não é muita, visto que ainda estou só no 1º ano), é que o curso é orientado de forma a que te prepare para o mercado de trabalho. Ou seja, a ideia que eu tenho, é que é um pouco mais prático que noutras faculdades, como essas que referiste aí. Por exemplo, nós temos todos os semestres uma cadeira designada por "Laboratório/Projeto" que consiste em trabalhar em equipa (grupos) no desenvolvimento de um determinado(s) projeto(s), aliando conhecimento de entre as cadeiras do semestre em questão. Honestamente, e isto sim é a minha opinião pessoal, é o carácter diferenciador nesta licenciatura nesta faculdade em relação às outras, uma vez que, que eu saiba, não têm uma cadeira que se assemelhe. E, honestamente, é mesmo muito vantajoso, uma vez que neste curso, é importantíssimo desenvolveres as chamadas soft skills (comunicação, saber trabalhar em equipa, fatores humanos) pois vais ter inevitavelmente inúmeros trabalhos em equipa depois no futuro (e ao longo do curso também!) e vais ter de saber lidar com os mais variados tipos de pessoas com personalidades distintas. Não te adianta de nada seres, por exemplo, um excelente programador, se depois não consegues comunicar com os teus colegas. Ser EI é muito mais do que ser um mero programador por variadas razões - compreende saber toda a logística e gestão envolvida no projeto e a melhor forma de o desenvolver, por exemplo. E tantas outras coisas mais que eu não mencionei aqui for the sake of simplicity ou que eu própria também ainda não tenho o conhecimento.

Em relação ao ambiente - é muito bom. Contrariamente ao que acontece em várias faculdades, existe alguma proximidade entre aluno e professor e os professores, regra geral, são muito acessíveis e dispostos a esclarecer qualquer dúvida. Agora, claro que podes encontrar um professor ou outro que não vai querer saber, mas isso é em todo o lado e não é a regra.

Isto foi assim um apanhado muito geral do que é estudar EI no ISEP, uma vez que não fizeste nenhuma questão em específico, mas estás à vontade para perguntar qualquer coisa que queiras saber :)
obrigada pelo feedback! Eu estava em dúvida entre colocar em segunda opção o ISEP ou o técnico em Lisboa
Só que não me apetecia muito ir para Lisboa pela cidade em si e também por ser mais longe que o Porto...
A minha única dúvida é quanto à empregabilidade depois de tirar o curso aí no isep, por ser um politécnico... Mas já andei a ler e pelo que entendi há empresas que até preferem "ir buscar pessoas" aos politécnicos mesmo pela sua parte prática, é verdade?
Mensagem fundida automaticamente:

Há uma série de fatores a ter em conta, eu sou biased em relação ao Técnico mas acho que não serve de muito dizer-te para ires para o Técnico só porque sim. Porque é que estás indecisa em faculdades tão distantes uma da outra? Que critérios é que usaste para chegar a esse lista com 4 institutos?
Aveiro estou a pensar colocar em primeira opção, porque já me andei a informar do curso e mesmo pela proximidade acho que é a melhor (moro em Viseu)
Mas depois estou indecisa mais entre o técnico de lisboa e o isep para segunda /terceira opção. Pois já ouvi falar muito bem dos dois, e por um lado gosto mais do programa do do isep pois é mais prático, mas por outro lado não sei quanto a empregabilidade depois do curso, por ser um politécnico. Quanto ao Técnico, também já ouvi falar muito bem, e até tenho casa de família em Lisboa, mas ao mesmo tempo Lisboa ainda é longe de Viseu
Mensagem fundida automaticamente:

Acho que deverias ver a questão da localização, já que são universidades bastantes distantes umas das outras. Será que valeria a pena ires para Lisboa quando vives por exemplo no Norte, ou então no Sul e ires para alguma universidade do Norte? Geralmente, quanto mais longe de casa, mais caro fica.
Posto isto, acho que deverias ver o plano curricular dos cursos e ver o que se encaixa melhor na área da engenharia informática em que gostarias de trabalhar.
Espero ter ajudado
obrigada :)
 
Última edição:

ACA

Membro Veterano
Matrícula
3 Dezembro 2019
Mensagens
159
obrigada pelo feedback! Eu estava em dúvida entre colocar em segunda opção o ISEP ou o técnico em Lisboa
Só que não me apetecia muito ir para Lisboa pela cidade em si e também por ser mais longe que o Porto...
A minha única dúvida é quanto à empregabilidade depois de tirar o curso aí no isep, por ser um politécnico... Mas já andei a ler e pelo que entendi há empresas que até preferem "ir buscar pessoas" aos politécnicos mesmo pela sua parte prática, é verdade?
Olá novamente!!
Eu estive na tua situação ano passado, uma vez que tinha média para entrar no Técnico e também tive essas mesmas dúvidas. No meu caso, acabei por colocar o ISEP como 2a opção (coloquei a FEUP como 1ª), mas tive indecisa se colocaria o ISEP mesmo em 1o também.

Uma vez que ainda só estou no 1º ano, não tenho contacto real com o mercado de trabalho. Mas vou partilhar contigo o que várias pessoas na área me disseram ou coisas que li aqui pelo fórum:
- Engenharia Informática é um curso alta taxa de empregabilidade e, em Portugal, há muito mais procura do que oferta de momento
- Os formados no ISEP em EI têm boa cotação no/vão bem preparados para o mercado de trabalho
- A faculdade onde tiras EI tem pouca relevância. Daquilo que sei, apenas pode ter alguma relevância quando és recém-licenciada ou mestre, ou seja, quando és completamente inexperiente porque passado poucos anos depois de já estares no mercado de trabalho, as empresas já ligam muito mais à tua experiência propriamente dita e àquilo que sabes fazer e às tuas skills e não propriamente onde tiraste o curso
- O que tu aprendes em EI depende muito de ti. Na faculdade, apenas te dão as bases, porque é um curso que preza pelo constante querer saber/aprender mais, uma vez que as tecnologias estão em constante atualização, assim como podes ter projetos teus de lado de forma a enriquecer o teu currículo. E é um curso que, na minha experiência, só se aprende mesmo praticando. Não basta ler.
- Decorrente do ponto anterior, não é por tirares numa faculdade X que necessariamente vai fazer de ti um excelente ou péssimo EI

Agora pegas nesta informação e retiras as tuas próprias conclusões. Como é óbvio, eu não te posso dizer o que é melhor para ti. Mas, a meu ver, tendo em conta aquilo que li/me disseram não só acerca de EI como do ISEP, que não compensa uma pessoa estar a ir para tão longe.

Seja qual for a decisão que tomes, eu acredito que estarás bem servida em qualquer uma dessas opções. Pelo menos, o feedback que tenho de todas é bom. Só mesmo em relação à UA é que eu tenho pouca info em relação ao curso de EI (também por ser um curso recente lá), mas pelo menos da faculdade em si tenho um bom feedback.

Boa sorte! :)
 
  • Like
Reactions: Maria João .

Wraak

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
5 Dezembro 2015
Mensagens
1,274
Curso
Computer Science
Instituição
Algures na Europa
Aveiro estou a pensar colocar em primeira opção, porque já me andei a informar do curso e mesmo pela proximidade acho que é a melhor (moro em Viseu)
Mas depois estou indecisa mais entre o técnico de lisboa e o isep para segunda /terceira opção. Pois já ouvi falar muito bem dos dois, e por um lado gosto mais do programa do do isep pois é mais prático, mas por outro lado não sei quanto a empregabilidade depois do curso, por ser um politécnico. Quanto ao Técnico, também já ouvi falar muito bem, e até tenho casa de família em Lisboa, mas ao mesmo tempo Lisboa ainda é longe de Viseu
O curso no ISEP e no Técnico têm diferentes abordagens tanto no plano como no ensino. O curso do ISEP parece-me ser muito mais orientado para Tecnologias da Informação e Sistemas Empresarias enquanto que o Técnico tem uma abordagem muito mais abrangente daquilo que é Engenharia Informática através de cadeiras como Inteligência Artificial, Compiladores, Sistemas Distribuídos e muitas outras.

Eu não diria que o curso no ISEP é mais prático, até porque no Técnico todas as cadeiras com exceção de matemáticas têm projetos (vários por cadeira). Inclusive, é tão prático que no último ano damos um bocado em loucos com o número de entregas que temos por semestre (que devem rondar as 15 ou mais). Vais estar a programar durante o semestre inteiro durante a licenciatura (e eventual mestrado) toda. Para além disso, temos várias competições ao longo do ano e normalmente o pessoal adere e diverte-se com projetos extra-curriculares.

Acho que podes tentar perceber que áreas de informática tens interesse e do que é que queres tirar do curso. Se tens interesse em trabalhar em Engenharia de Software, Data Science, Compiladores/Middleware (por exemplo em empresas como NVIDIA, Intel, AMD, ...), Inteligência Artificial, Sistemas Distribuídos, Arquitetura de Software, ... diria que o curso mais indicado seria o Técnico. Se tens mais interesse em trabalhar em Tecnologias de Informação e Sistemas Empresarias (administração de sistemas, desenvolvimento e manutenção de bases de dados, ...) o ISEP parece-me ser uma excelente opção.

Eu vim da Madeira para Lisboa e por isso estar longe foi algo que tive de aprender muito cedo a lidar com. Para mim foi das melhores decisões que tive porque aprendi logo de início a fazer uma boa gestão de dinheiro e de tempo para tarefas que muitos alunos não têm de se preocupar (fazer comida, lavar roupa, etc). Foi um desafio adicional mas que sem dúvida tornou a experiência ainda mais recompensadora.

Boa sorte! :)
 
  • Like
Reactions: Maria João .

Maria João .

Membro Caloiro
Matrícula
9 Julho 2020
Mensagens
7
O curso no ISEP e no Técnico têm diferentes abordagens tanto no plano como no ensino. O curso do ISEP parece-me ser muito mais orientado para Tecnologias da Informação e Sistemas Empresarias enquanto que o Técnico tem uma abordagem muito mais abrangente daquilo que é Engenharia Informática através de cadeiras como Inteligência Artificial, Compiladores, Sistemas Distribuídos e muitas outras.

Eu não diria que o curso no ISEP é mais prático, até porque no Técnico todas as cadeiras com exceção de matemáticas têm projetos (vários por cadeira). Inclusive, é tão prático que no último ano damos um bocado em loucos com o número de entregas que temos por semestre (que devem rondar as 15 ou mais). Vais estar a programar durante o semestre inteiro durante a licenciatura (e eventual mestrado) toda. Para além disso, temos várias competições ao longo do ano e normalmente o pessoal adere e diverte-se com projetos extra-curriculares.

Acho que podes tentar perceber que áreas de informática tens interesse e do que é que queres tirar do curso. Se tens interesse em trabalhar em Engenharia de Software, Data Science, Compiladores/Middleware (por exemplo em empresas como NVIDIA, Intel, AMD, ...), Inteligência Artificial, Sistemas Distribuídos, Arquitetura de Software, ... diria que o curso mais indicado seria o Técnico. Se tens mais interesse em trabalhar em Tecnologias de Informação e Sistemas Empresarias (administração de sistemas, desenvolvimento e manutenção de bases de dados, ...) o ISEP parece-me ser uma excelente opção.

Eu vim da Madeira para Lisboa e por isso estar longe foi algo que tive de aprender muito cedo a lidar com. Para mim foi das melhores decisões que tive porque aprendi logo de início a fazer uma boa gestão de dinheiro e de tempo para tarefas que muitos alunos não têm de se preocupar (fazer comida, lavar roupa, etc). Foi um desafio adicional mas que sem dúvida tornou a experiência ainda mais recompensadora.

Boa sorte! :)
muito obrigada pela tua opinião e feedback :))
Mensagem fundida automaticamente:

Olá novamente!!
Eu estive na tua situação ano passado, uma vez que tinha média para entrar no Técnico e também tive essas mesmas dúvidas. No meu caso, acabei por colocar o ISEP como 2a opção (coloquei a FEUP como 1ª), mas tive indecisa se colocaria o ISEP mesmo em 1o também.

Uma vez que ainda só estou no 1º ano, não tenho contacto real com o mercado de trabalho. Mas vou partilhar contigo o que várias pessoas na área me disseram ou coisas que li aqui pelo fórum:
- Engenharia Informática é um curso alta taxa de empregabilidade e, em Portugal, há muito mais procura do que oferta de momento
- Os formados no ISEP em EI têm boa cotação no/vão bem preparados para o mercado de trabalho
- A faculdade onde tiras EI tem pouca relevância. Daquilo que sei, apenas pode ter alguma relevância quando és recém-licenciada ou mestre, ou seja, quando és completamente inexperiente porque passado poucos anos depois de já estares no mercado de trabalho, as empresas já ligam muito mais à tua experiência propriamente dita e àquilo que sabes fazer e às tuas skills e não propriamente onde tiraste o curso
- O que tu aprendes em EI depende muito de ti. Na faculdade, apenas te dão as bases, porque é um curso que preza pelo constante querer saber/aprender mais, uma vez que as tecnologias estão em constante atualização, assim como podes ter projetos teus de lado de forma a enriquecer o teu currículo. E é um curso que, na minha experiência, só se aprende mesmo praticando. Não basta ler.
- Decorrente do ponto anterior, não é por tirares numa faculdade X que necessariamente vai fazer de ti um excelente ou péssimo EI

Agora pegas nesta informação e retiras as tuas próprias conclusões. Como é óbvio, eu não te posso dizer o que é melhor para ti. Mas, a meu ver, tendo em conta aquilo que li/me disseram não só acerca de EI como do ISEP, que não compensa uma pessoa estar a ir para tão longe.

Seja qual for a decisão que tomes, eu acredito que estarás bem servida em qualquer uma dessas opções. Pelo menos, o feedback que tenho de todas é bom. Só mesmo em relação à UA é que eu tenho pouca info em relação ao curso de EI (também por ser um curso recente lá), mas pelo menos da faculdade em si tenho um bom feedback.

Boa sorte! :)
okay
obrigadaa:))
 
  • Like
Reactions: ACA

Pepper456

Membro Dux
Matrícula
29 Janeiro 2016
Mensagens
631
Curso
LEC
Instituição
ISEP
Anda para o ISEP, somos de longe o melhor politécnico do país (ranking é assim: IST; FEUP e FCT/UNL; FCTUC, ISEP, EEUM, UA e UBI; o resto), LEI é um excelente curso (principalmente as LAPRs).
Informática, para qualquer faculdade que vás vai ser prático, não é como civil que tens de saber uma carrada de normas harmonizadas para exerceres, apesar de teres laboratórios...
Não sei de onde és, mas se fores do Porto nem penses mais...
 
Última edição:
  • Like
Reactions: Maria João .

Maria João .

Membro Caloiro
Matrícula
9 Julho 2020
Mensagens
7
Anda para o ISEP, somos de longe o melhor politécnico do país (ranking é assim: IST; FEUP e FCT/UNL; FCTUC, ISEP, EEUM, UA e UBI; o resto), LEI é um excelente curso (principalmente as LAPRs).
Informática, para qualquer faculdade que vás vai ser prático, não é como civil que tens de saber uma carrada de normas harmonizadas para exerceres, apesar de teres laboratórios...
Não sei de onde és, mas se fores do Porto nem penses mais...
obrigada :))
 

GL03

Membro Caloiro
Matrícula
19 Abril 2021
Mensagens
9
Anda para o ISEP, somos de longe o melhor politécnico do país (ranking é assim: IST; FEUP e FCT/UNL; FCTUC, ISEP, EEUM, UA e UBI; o resto), LEI é um excelente curso (principalmente as LAPRs).
Informática, para qualquer faculdade que vás vai ser prático, não é como civil que tens de saber uma carrada de normas harmonizadas para exerceres, apesar de teres laboratórios...
Não sei de onde és, mas se fores do Porto nem penses mais...
Esse ranking foi retirado de onde? Também estou com algumas dúvidas e gostava de me esclarecer melhor em relação ao assunto.
 
  • Like
Reactions: Maria João .

fsantos02

Membro Veterano
Matrícula
10 Setembro 2019
Mensagens
112
Curso
Ciências e Tecnologias
A FCTUC está à frente da UA e da UM, como? 😂

Quando oiço falar de grandes escolas de engenharia de Portugal é quase sempre referente às de Lisboa, Norte (Porto e Braga) e Aveiro, nunca Coimbra

Talvez Coimbra tenha grande prestígio sobretudo em áreas como Direito, Letras e Medicina, mas não tenho ouvido falar de todo em engenharias em Coimbra (provavelmente devo ser eu 😅)
 

GL03

Membro Caloiro
Matrícula
19 Abril 2021
Mensagens
9
Seria melhor entrar na UM ou no ISEP? Qual a vossa opinião?
 

Wraak

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
5 Dezembro 2015
Mensagens
1,274
Curso
Computer Science
Instituição
Algures na Europa
Só uma nota geral relativamente a rankings: os rankings "a sério" usam certas métricas para classificar as instituições de ensino superior de forma a criar um ponto de comparação que possa ser geralmente aceite. As métricas podem ser qualquer coisa e podem ser completamente irrelevantes relativamente ao prestígio da universidade aos olhos do mercado de trabalho ou irrelevante do ponto de vista do ensino.

Os institutos de ensino superior são máquinas com muitas mais funções do que "dar aulas para os alunos tirarem o curso" que é aquilo que nós acabamos por reduzí-los e, quando vemos estes rankings, temos logo a falsa perceção que se está em 1º que as aulas devem ser melhores, que as as condições para os alunos são melhores, ... tudo o que é extremamente falacioso, para não falar de, em alguns casos, subjetivo.

De todas as métricas usadas as que são provavelmente mais úteis são as faculty/student ratio (que favorece universidades mais pequenas desproporcionalmente) e a reputação académica que muitas vezes é mais avaliada tendo em conta muito mais o lado da investigação do que do ensino, que é aquilo que vos interessa.

Isto para dizer que as métricas usadas pelos rankings são, de modo geral, inúteis para vocês. O que é importante é cada um de vocês crie o seu próprio ranking. Que métricas é vocês consideram importantes? A proximidade a casa? As parcerias da instituição com organizações e empresas? A cultura/espírito da instituição? O plano de estudos que mais vos agrada? O custo de estudar? As melhores instalações possíveis? Proximidade com professores? Possibilidades fáceis de integrar equipas de investigação mesmo durante os estudos? (...) A partir do momento em que as vossas métricas estão definidas e têm noção do peso de cada uma, as escolhas começam a tornar-se mais fácil e podem verdadeiramente ter um ranking que é útil para vocês.

Só porque grande parte das pessoas diz que o Técnico é a melhor faculdade, isso não o torna de facto a melhor. Tenho a certeza que há pessoas que se dariam muito melhor em outros ambientes como a FCT, IPS, ... do que propriamente no Técnico e é importante percebermos isto. Onde os alunos se sentem melhor é onde eles vão poder estar no máximo da sua performance e aproveitar mais o curso e as oportunidades que aparecem.

EDIT: Para não falar, obviamente, da disparidade da palavra "prestígio" no contexto universitário. Para maior parte das pessoas "prestígio" é ser procurado por uma empresa e conseguir facilmente um trabalho bem pago enquanto em contextos mais formais "prestígio" é (quase) sempre associado à performance académica da instituição em termos de investigação. A segunda definição é a usada com maior peso em grande parte dos rankings.
 
Última edição:

Pepper456

Membro Dux
Matrícula
29 Janeiro 2016
Mensagens
631
Curso
LEC
Instituição
ISEP
Esse ranking foi retirado de onde? Também estou com algumas dúvidas e gostava de me esclarecer melhor em relação ao assunto.
Ordem totalmente arbitrária
Mensagem fundida automaticamente:

Só uma nota geral relativamente a rankings: os rankings "a sério" usam certas métricas para classificar as instituições de ensino superior de forma a criar um ponto de comparação que possa ser geralmente aceite. As métricas podem ser qualquer coisa e podem ser completamente irrelevantes relativamente ao prestígio da universidade aos olhos do mercado de trabalho ou irrelevante do ponto de vista do ensino.

Os institutos de ensino superior são máquinas com muitas mais funções do que "dar aulas para os alunos tirarem o curso" que é aquilo que nós acabamos por reduzí-los e, quando vemos estes rankings, temos logo a falsa perceção que se está em 1º que as aulas devem ser melhores, que as as condições para os alunos são melhores, ... tudo o que é extremamente falacioso, para não falar de, em alguns casos, subjetivo.

De todas as métricas usadas as que são provavelmente mais úteis são as faculty/student ratio (que favorece universidades mais pequenas desproporcionalmente) e a reputação académica que muitas vezes é mais avaliada tendo em conta muito mais o lado da investigação do que do ensino, que é aquilo que vos interessa.

Isto para dizer que as métricas usadas pelos rankings são, de modo geral, inúteis para vocês. O que é importante é cada um de vocês crie o seu próprio ranking. Que métricas é vocês consideram importantes? A proximidade a casa? As parcerias da instituição com organizações e empresas? A cultura/espírito da instituição? O plano de estudos que mais vos agrada? O custo de estudar? As melhores instalações possíveis? Proximidade com professores? Possibilidades fáceis de integrar equipas de investigação mesmo durante os estudos? (...) A partir do momento em que as vossas métricas estão definidas e têm noção do peso de cada uma, as escolhas começam a tornar-se mais fácil e podem verdadeiramente ter um ranking que é útil para vocês.

Só porque grande parte das pessoas diz que o Técnico é a melhor faculdade, isso não o torna de facto a melhor. Tenho a certeza que há pessoas que se dariam muito melhor em outros ambientes como a FCT, IPS, ... do que propriamente no Técnico e é importante percebermos isto. Onde os alunos se sentem melhor é onde eles vão poder estar no máximo da sua performance e aproveitar mais o curso e as oportunidades que aparecem.

EDIT: Para não falar, obviamente, da disparidade da palavra "prestígio" no contexto universitário. Para maior parte das pessoas "prestígio" é ser procurado por uma empresa e conseguir facilmente um trabalho bem pago enquanto em contextos mais formais "prestígio" é (quase) sempre associado à performance académica da instituição em termos de investigação. A segunda definição é a usada com maior peso em grande parte dos rankings.
Depende, tens que perceber que a maior parte das pessoas que mandam esses bitaites são pessoas que tiraram os cursos pré 25/4, em que o ISEP não existia como é hoje (nós temos uma história muito parecida com o Técnico, surgimos como Instituto Industrial também), a FCT-NOVA, o IPS, a UM e a UA nem existiam, a FEUP não era no local onde é hoje (era onde é hoje a FDUP e era muito mais pequena), só o IST é que tinha o tal prestígio porque era praticamente a única faculdade que prnt, tem aquela fachada toda e isso, além do ensino e dos nomes ahahah...
Pós 25/4, houve uma reforma GIGANTE no ensino superior, começaram a surgir mais universidades, os institutos de engenharia, as privadas e os politécnicos em todo o lado e prnt, mais Bolonha e pronto chegamos ao que é hoje o ensino superior...
Tens de perceber que há uma certa resistência à mudança pelo português, principalmente por esses velhos todos, mas eles vão começar a ir para a reforma e prnt...
Se eu vos dissesse que o atual presidente das Infraestruturas de Portugal é formado no ISEL que diziam?
 
Última edição:
  • Like
Reactions: GL03

davis

Administrador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
13 Outubro 2014
Mensagens
21,724
Curso
MEAer + MEGIE
Instituição
Técnico - ULisboa
Depende, tens que perceber que a maior parte das pessoas que mandam esses bitaites são pessoas que tiraram os cursos pré 25/4, em que o ISEP não existia como é hoje (nós temos uma história muito parecida com o Técnico, surgimos como Instituto Industrial também), a FCT-NOVA, o IPS, a UM e a UA nem existiam, a FEUP não era no local onde é hoje (era onde é hoje a FDUP e era muito mais pequena), só o IST é que tinha o tal prestígio porque era praticamente a única faculdade que prnt, tem aquela fachada toda e isso...
Pós 25/4, houve uma reforma GIGANTE no ensino superior, começaram a surgir mais universidades, os institutos de engenharia, as privadas e os politécnicos em todo o lado e prnt, mais Bolonha e pronto chegamos ao que é hoje o ensino superior...
Tens de perceber que há uma certa resistência à mudança pelo português, principalmente por esses velhos todos, mas eles vão começar a ir para a reforma e prnt...
Portanto, o Técnico tinha prestígio porque tinha uma fachada catita.

 
  • Haha
Reactions: Teresa P. and Wraak

Wraak

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
5 Dezembro 2015
Mensagens
1,274
Curso
Computer Science
Instituição
Algures na Europa
Depende, tens que perceber que a maior parte das pessoas que mandam esses bitaites são pessoas que tiraram os cursos pré 25/4, em que o ISEP não existia como é hoje (nós temos uma história muito parecida com o Técnico, surgimos como Instituto Industrial também), a FCT-NOVA, o IPS, a UM e a UA nem existiam, a FEUP não era no local onde é hoje (era onde é hoje a FDUP e era muito mais pequena), só o IST é que tinha o tal prestígio porque era praticamente a única faculdade que prnt, tem aquela fachada toda e isso, além do ensino e dos nomes ahahah...
Pós 25/4, houve uma reforma GIGANTE no ensino superior, começaram a surgir mais universidades, os institutos de engenharia, as privadas e os politécnicos em todo o lado e prnt, mais Bolonha e pronto chegamos ao que é hoje o ensino superior...
Tens de perceber que há uma certa resistência à mudança pelo português, principalmente por esses velhos todos, mas eles vão começar a ir para a reforma e prnt...
Se eu vos dissesse que o atual presidente das Infraestruturas de Portugal é formado no ISEL que diziam?
Eu percebo, não te preocupes 😅 mas tu tens de perceber que não tens razão... O Técnico mantém o prestígio (ou no mínimo a ideia de, se formos por aí) não porque está a aproveitar a boleia de coisas que aconteceram antes do 25 de Abril mas porque têm investido imenso em redes sociais, divulgação das conquistas da universidade e dos seus alumni, parcerias na ordem das 6 figuras com várias empresas conhecidas (e por si só, prestigiosas), registo de patentes, dezenas de eventos por ano ligados à inovação e ao contacto direto dos alunos com as empresas. Isto para não falar do trabalho incrível da Área de Transferência de Tecnologia que tem dado um apoio enorme aos alunos através dos núcleos de estudantes, contactos e organizações diretas com empresas e puxado imenso para a criação de uma cultura baseada na inovação e no empreendedorismo.

A IST Spin-Off Community | Área de Transferência de Tecnologia do IST • TT tem 56 empresas criadas por alunos ou desenvolvidas no contexto do Técnico, muitas delas com escritórios nos US e em vários pontos da Europa e com investimentos de milhões e milhões de euros. Estares a dizer que diz-se que o Técnico tem "prestígio" porque tinha uma fachada bonita antes do 25 de Abril e que agora estamos a viver o reminescente desse falso prestígio, é completamente errado. O Técnico tem muitas falhas (e também podia passar um dia inteiro a numerá-las) mas o que disseste não faz sentido nenhum. O Técnico continua a ser uma instituição fundamental e extremamente relevante no que toca ao ensino de Engenharia em Portugal e vai continuar a sê-lo durante muito tempo.

Não estou a dizer isto para lamber as botas do Técnico e mantenho aquilo que disse no meu post anterior, diferentes alunos têm diferentes personalidades e vão dar-se melhor em outras faculdades que não o Técnico. Há imensas instituições muito boas e com imenso prestígio (tanto a nível de investigação como de mercado de trabalho) mas, sem dúvida, que o Técnico também está entre elas (e as pessoas continuam a ter o direito de dizer que X tem mais prestígio porque Y na sua opinião, seja o Técnico ou não).

Deixo-te aqui algumas das notícias mais relevantes do último mês da faculdade da fachada bonitinha:
 
Última edição:
Tópicos Semelhantes
Thread starter Título Fórum Respostas Dia
P Onde estudar Engenharia Informática em Lisboa Tecnologias 17
R Mudança de CBL para Engenharia Informática Mudança de Curso, Transferência e Reingresso 2
L ISCTE Ciência de dados, informática e gestão de empresas ou engenharia informática? ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa 0
Daniel Madureira Engenharia Informática e Design Ensino Superior - Geral 1
LeonardoFidalgo Como vou para Engenharia Informática tendo matemática B e preciso de exame de matemática A? Tecnologias 4
Sofia Mota Rodrigues ISEL Engenharia Informática e multimédia no ISEL Instituto Politécnico de Lisboa 0
namondor UAb Engenharia Informática | Universidade Aberta Universidade Aberta 0
RitaTeixeira1708 Engenharia Informática E Engenharia de Dados Tecnologias 4
A Engenharia física ou engenharia informática ou física Tecnologias 0
A Diferença entre Engenharia Informática e Engenharia Computacional Tecnologias 5
U Engenharia Informática v. Engenharia Eletrotécnica v. Engenharia de Telecomunicações Tecnologias 17
A Explicações Engenharia Informática 3ºano Ensino Superior - Geral 2
Inês Almeida Oliveira IPV Engenharia Informática no ESGTV Instituto Politécnico de Viseu 0
4 Portátil para engenharia informática Tecnologias 1
S UA Transferência Engenharia Informática Universidade de Aveiro 0
S Transferência Engenharia Informática Tecnologias 0
S UBI Transferência Engenharia Informática Universidade da Beira Interior 0
fsantos02 Engenharia Informática ou Engenharia Eletrotécnica? Tecnologias 5
Mariana Lança FEUP Mestrado em Engenharia Informática na UP Universidade do Porto 0
A Engenharia Informática ou Astrofísica? Tecnologias 2
U Destas universidades qual é a melhor opção para Engenharia Informática? Tecnologias 0
Ricardo Luís É física de 12ºano importante para engenharia informática do IST? Tecnologias 4
D Apontamentos em Engenharia Informática Tecnologias 0
fsantos02 Engenharia informática universidade vs politécnico Tecnologias 1
G Cursos que compartilhem cadeiras com engenharia informática Tecnologias 3
Tomás_Santos Sessão de Boas vindas - Núcleo de Estudantes de Tecnologias - ISCTE - Engenharia Informática - Engenharia de Telecomunicações e Informática Tecnologias 0
M ISEP Caloiros Engenharia Informática ISEP 2020/2021 Instituto Politécnico do Porto 1
J ISCTE ou ISEP engenharia informática Tecnologias 2
J Caloiros Engenharia Informática FCUL Candidatos 2020/2021 - Discussão Geral 111
C Engenharia Informática e Multimédia ou Engenharia Informática e de Computadores? (ISEL) Tecnologias 5
D ULusíada Matéria de Engenharia Informática do 1º ano Universidade Lusíada 0
G Engenharia Informática - Linux - Dual-Boot Ou Virtual Machine Tecnologias 2
Artur Putyato Engenharia Informática vs Engenharia de Software Tecnologias 7
S Ano Zero em engenharia informática Ensino Superior - Geral 3
Rodrigoofig Engenharia informática em Aveiro Candidatos 2020/2021 - Discussão Geral 2
J FEUP Candidatos Engenharia Informática e Computação FEUP 2020/2021 Universidade do Porto 1
gmcgs ISCTE Caloiros Engenharia informática ISCTE 2020/2021 ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa 42
S Melhores politécnicos para Engenharia Informática? Tecnologias 0
millenafs27 UMinho Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação vs. Engenharia Informática Universidade do Minho 2
G UMinho Matemática (e Computação) vs Engenharia Informática Universidade do Minho 3
F Engenharia Informática: FCT vs FCUL Tecnologias 2
Gonçalo_Almeida_911 Engenharia informática - Caderno ou tablet Tecnologias 6
J Transferência para Engenharia Informática no IST Mudança de Curso, Transferência e Reingresso 1
A Engenharia Informática: FEUP ou ISEP Tecnologias 16
C Engenharia Informática - Universidade/Politécnico Tecnologias 1
A Ciência de Computadores na FCUP ou Engenharia Informática na FCTUC Tecnologias 15
A Licenciatura em Engenharia Informática ISEP vs UC vs UM Tecnologias 4
J Engenharia Informática e Computação vs Engenharia Computacional vs Engenharia Informática Tecnologias 9
gmcgs Engenharia informática - ISCTE vs FCUL Tecnologias 13
K UAb Engenharia Informática Universidade Aberta 0

Tópicos Semelhantes