Exame Nacional de Biologia e Geologia 702 2020

O que é que achaste do exame, em termos do grau de dificuldade (em comparação com anos anteriores)?

  • Bastante acessível

    Votes: 80 16.5%
  • Acessível

    Votes: 148 30.5%
  • Equilibrado

    Votes: 152 31.3%
  • Difícil

    Votes: 95 19.5%
  • Muito difícil

    Votes: 11 2.3%

  • Total voters
    486
Estou confuso. O DNA, de 5' para 3', não teria o mRNA começando a ler na 5' também? Sendo assim, 5' para 3'?
Ia agora corrigir. Na verdade, não sabemos como iria ser lida...
1595013518178.png
Tanto pode ser de 3´-5´ como 5´-3´, depende. Só sabemos que a cadeia de mRNA tem de ser antiparalela!
E não, o mRNA seria antiparalelo.Se a cadeia molde for 3´-5´, o mRNA será ao contrário, de 3´-5´
 
Ia agora corrigir. Na verdade, não sabemos como iria ser lida...
Ver anexo 13622
Tanto pode ser de 3´-5´ como 5´-3´, depende. Só sabemos que a cadeia de mRNA tem de ser antiparalela!
E não, o mRNA seria antiparalelo.Se a cadeia molde for 3´-5´, o mRNA será ao contrário, de 3´-5´
Ah, perfeito. Então a minha professora acabou ensinando o padrão de 5' para 3', mas não sabia se era sempre assim ou poderia haver alguma variação! Agora sei. Obrigado.

Sim, são antiparalelas, por causa dos carbonos.
 
  • Like
Reactions: Andreia C.
Ah, perfeito. Então a minha professora acabou ensinando o padrão de 5' para 3', mas não sabia se era sempre assim ou poderia haver alguma variação! Agora sei. Obrigado.

Sim, são antiparalelas, por causa dos carbonos.
O DNA é construido sempre por 2 cadeias antiparalelas. Então terás uma 5´3´e outra 3´5´, visto que têm de ser antiparalelas. O mRNA ligar-se-à a uma delas e, dependendo da leitura da cadeia, lerá de 5´3´ou 3´5´.
 
Ia agora corrigir. Na verdade, não sabemos como iria ser lida...
Ver anexo 13622
Tanto pode ser de 3´-5´ como 5´-3´, depende. Só sabemos que a cadeia de mRNA tem de ser antiparalela!
E não, o mRNA seria antiparalelo.Se a cadeia molde for 3´-5´, o mRNA será ao contrário, de 3´-5´
Se calhar sou eu que estou a interpretar mal, mas se a cadeia molde for 3'-5' então o mRNA não seria 5'-3', ou seja, ao contrário, como dizes?
 
O DNA é construido sempre por 2 cadeias antiparalelas. Então terás uma 5´3´e outra 3´5´, visto que têm de ser antiparalelas. O mRNA ligar-se-à a uma delas e, dependendo da leitura da cadeia, lerá de 5´3´ou 3´5´.
Perfeito. Obrigado!
Post automatically merged:

A RNA polimerase constroi sempre a cadeia de RNA da 5' para a 3', por isso, começa sempre na extremidade 3' do DNA.
Etapas da transcrição (artigo) | Transcrição | Khan Academy
Ahhh, sim, perfeito!

Era isso que tinha aprendido, mas acabei interpretando mal.

Ele lê do 5' para 3', mas como começa no 5', a antiparalela é 3'. Obrigado!
 
  • Like
Reactions: Sandra Cristina
Se calhar sou eu que estou a interpretar mal, mas se a cadeia molde for 3'-5' então o mRNA não seria 5'-3', ou seja, ao contrário, como dizes?
sim, foi o que disse. Se a cadeia for 3´-5´ o mRNA seria 5´-3´.
 
  • Like
Reactions: tiago_mb_f8
o exame incidia muito mais em aspetos experimentais pelo menos a biologia relativamente aos anos passados
Concordo contigo, acho que é por isso que há pessoas que têm a sensação de que houve mais perguntas sobre geologia do que sobre biologia, apesar de estarem bastante equilibradas (17 geologia, 16 biologia, como já disseram).
 
  • Like
Reactions: Andreia C.
Tens um vulcão cujos flancos se estavam a movimentar. Isto indica presença de movimento, o que indica que poderá haver alguma atividade tectónica, embora que lenta, poderá tornar-se noutro tipo de atividade. Ora, "Durante o ano de 2018, a monitorização por satélite e as observações no terreno mostraram que o Anak Krakatau apresentou um elevado estado de atividade, e que os flancos sudoeste e sul do vulcão estavam a mover-se lentamente para oeste. A 30 de junho, registou-se um aumento da atividade eruptiva que se manteve até 22 de dezembro, quando o colapso repentino dos referidos flancos originou um tsunami que atingiu as vulneráveis costas de Sumatra e de Java, ilhas densamente povoadas. As estações sismográficas das principais regiões de alerta de tsunamis registaram um evento de alta frequência, apenas 115 segundos antes de os flancos colapsarem e decapitarem o cone vulcânico."
Se olhares para a imagem, podemos inferir que o movimento dos flancos para sudoeste iria colidir exatamente na zona de falha. Logo sim, está certa.
Obrigado pela resposta mas tenho de dizer que continuo a achar esta pergunta problemática em termos de critérios.
Primeiro, em relação à frase de aumento da atividade eruptiva que sublinhaste acho que aqui é completamente desvalorizável, nada permite concluir que um aumento da atividade eruptiva causa por si só seja implicativo de que o movimento passe a ser brusco.
A questão central é a frase do colapso repentino, analisando o texto apenas isso pode levar a que tenham considerado a hipótese III certa, no entanto não posso de deixar de considerar que a pergunta está formulada de forma incorreta, mesmo estando claro que não sou especialista na matéria e por isso concerteza não sei mais do que os membros do IAVE, mas chamar movimento para oeste dos flancos do vulcão a um colapso parece-me completamente incorrento, um colapso é antes de tudo um abatimento, pode até ter havido movimento de blocos rochosos para oeste após esse colapso, mas o texto diz que o cone vulcânico foi decapitado, o que significa que ao colapsarem as rochas desprenderam-se do cone, deixando assim de ser flancos do vulcão, se não pertencem mais à estrutura do vulcão mesmo que se tenham movido para oeste esse movimento não é o movimento dos flancos do vulcão, mas pronto isto é apenas a minha opinião, ao menos eles nos critérios dão 4 valores a quem não pôs isso já é melhor que nada
 
Obrigado pela resposta mas tenho de dizer que continuo a achar esta pergunta problemática em termos de critérios.
Primeiro, em relação à frase de aumento da atividade eruptiva que sublinhaste acho que aqui é completamente desvalorizável, nada permite concluir que um aumento da atividade eruptiva causa por si só seja implicativo de que o movimento passe a ser brusco.
A questão central é a frase do colapso repentino, analisando o texto apenas isso pode levar a que tenham considerado a hipótese III certa, no entanto não posso de deixar de considerar que a pergunta está formulada de forma incorreta, mesmo estando claro que não sou especialista na matéria e por isso concerteza não sei mais do que os membros do IAVE, mas chamar movimento para oeste dos flancos do vulcão a um colapso parece-me completamente incorrento, um colapso é antes de tudo um abatimento, pode até ter havido movimento de blocos rochosos para oeste após esse colapso, mas o texto diz que o cone vulcânico foi decapitado, o que significa que ao colapsarem as rochas desprenderam-se do cone, deixando assim de ser flancos do vulcão, se não pertencem mais à estrutura do vulcão mesmo que se tenham movido para oeste esse movimento não é o movimento dos flancos do vulcão, mas pronto isto é apenas a minha opinião, ao menos eles nos critérios dão 4 valores a quem não pôs isso já é melhor que nada
acho que os critérios é so a versao de trabalho! ainda podem mudar
 
acham que a utilização do termo “concentração de CO2” em vez de “pCO2” é considerado um erro científico?
A pressão parcial de um gás numa mistura gasosa é a força que esse gás exerce no compartimento em que se encontra (Dalton’s Law of partial pressures). É utilizada para calcular a Concentração de um gás numa solução ( Cx=Px * Solubilidade) mas são coisas diferentes.

Posto isto, não me lembro de falar disto no secundário pelo que vai depender do corretor.
 
  • Like
Reactions: Andreia C.
Não sei se fui o único, mas na pergunta 14.1 da versão 2 diz:
o mRNA transcrito possui uma cadeia antiparalela à cadeia molde de DNA

Eu tomei isto como errado visto que seria válido para o RNA Pré-mensageiro visto que ainda é preciso ser processado e removido os intrões para ser transformado em, efetivamente, mRNA.
 
  • Like
Reactions: Sofia122