Mudança para Engenharia Biomédica

Catarina0808

Membro Caloiro
Matrícula
16 Setembro 2019
Mensagens
4
Olá!
Entrei em Biologia Celular e Molecular este ano e sinceramente não estou muito satisfeita... foi uma escolha feita sem sequer ter posto os pés na faculdade antes ou ter falado com alguém do curso uma vez que pensei que entrava numa das minhas duas primeiras opções.
Sinto falta da matemática e a biologia a que achava tanta piada já não é assim tão apelativa. Tenho tirado boas notas e ainda que este semestre ainda não tenha acabado já estou a pensar no que posso fazer no próximo ano letivo já que no de 2020/2021 não é possível fazer nada.
Dito isto, sinto-me bastante tentada a candidatar-me a Engenharia Biomédica por mudança de par instituição/curso no IST mas não quero cometer o mesmo erro. As unidades curriculares interessam-me especialmente depois das mudanças que vão ocorrer a nível dos planos curriculares em 2021 pois deixam algumas das cadeiras da física mais "teórica" de parte.
Será que alguém podia dar-me um pouco de insight do curso e das saídas profissionais?
 

Bea M

Membro
Matrícula
16 Julho 2019
Mensagens
16
Curso
Engenharia Biomédica
Instituição
IST
Olá Catarina! Sou aluna do 1° ano de Engenharia Biomédica no IST e, apesar de ainda só ter passado um semestre, vou tentar ajudar 😅 A Engenharia Biomédica tem componentes de física nas áreas da eletrotécnica e biomecânica por exemplo, mas também é abordada noutras áreas como a imagiologia. A física ao início pode parecer um bocado teórica, mas depois terá bastante utilidade em termos práticos, na resolução de problemas da medicina fundamental e da clínica médica (pois é o curso que faz a interface entre a engenharia e a medicina). Mas claro que tens muitas mais áreas que podes explorar, como a medicina regenerativa, a engenharia clínica, os biossinais, as neurociências... Além disso, a engenharia biomédica tem sido responsável por muitos dos avanços no diagnóstico e tratamento médico e é uma das áreas científicas mais relevantes e dinâmicas atualmente, logo a empregabilidade é bastante elevada (e fazendo o curso no IST, diria que ficas uns "two steps ahead" ou mais :p)
Relativamente às mudanças no plano curricular, ainda não percebi muito bem como é que as coisas vão funcionar mas não te preocupes com isso da física ser demasiado teórica. O Técnico dá-nos as ferramentas e nós depois aprendemos a trabalhar e a desenrascarmo-nos com elas 😄
Espero não me ter enganado em nada do que referi e, acima de tudo, ter ajudado! Aconselho-te ainda assim a falares com alguém mais velho, porque eu ainda estou à descoberta 😅 Ah, e conheço uma rapariga que também está no 1° ano de MEBiom e que veio de Biologia Celular e Molecular da FCT/NOVA. Se quiseres, posso dar-te o contacto dela 🙂