Não sei o que fazer

Rita Miriam

Membro Caloiro
Matrícula
8 Maio 2021
Mensagens
1
Oi malta,
Estou no curso de Economia e este ano vou acabar o secundário, mas estou muito indecisa relativamente ao que vou fazer. A ideia de ir para a universidade não me assusta mas sim o não saber o que seguir. Já estive a estudar as várias opções mas não há nenhuma que me chame verdadeiramente a atenção. Estive também a informar-me acerca do exercito mas há sempre aquela pressão de ter de ir para a universidade. Estou mesmo à derivada.
 

Paulo Inácio

Membro
Matrícula
24 Abril 2020
Mensagens
21
Curso
PERDIDO XDD
Instituição
NEPTUNE PLANET
Oi malta,
Estou no curso de Economia e este ano vou acabar o secundário, mas estou muito indecisa relativamente ao que vou fazer. A ideia de ir para a universidade não me assusta mas sim o não saber o que seguir. Já estive a estudar as várias opções mas não há nenhuma que me chame verdadeiramente a atenção. Estive também a informar-me acerca do exercito mas há sempre aquela pressão de ter de ir para a universidade. Estou mesmo à derivada.

Olá, Rita!

Antes de mais, relaxa! Assim como tu, eu também estou indeciso de tal forma que parece que me sinto impotente, desanimado e, de certa forma, faz-me crer que nada encaixa em mim com a mesma facilidade como nos meus colegas. Embora os nossos percursos sejam um pouco diferentes, na medida em que estou em LH e tu em CS, eu procuro algo que me permita trabalhar com números e escolher um curso que me permita ter a desenvoltura necessária para tal é fulcral.

Uma coisa que eu fiz foi escrever todos os cursos a que eu podia entrar com as provas de ingresso que me comprometi a fazer: Literatura Portuguesa, Português e História. Pelo meio estão licenciaturas como Filosofia, Teatro, Desporto, etc, que apesar de não me dizerem nada em termos cadeiras ou saídas profissionais, senti-me na obrigação de ler um pouco sobre eles, o que, a meu ver, contribuiu para eu, não só não querer aquele curso para mim, como, também, me ajudou a saber o motivo. Depois, na margem esquerda, especifiquei com qual dos exames é que dava realmente para entrar e, na margem direita, a nota do último colocado que, embora não seja de carácter vinculativo, dá para termos uma ideia do que temos de ter ou manter. Quando terminei esta minha lista, alguns dos meus amigos perguntaram-me onde é que eu tinha batido com a cabeça. E eu fiquei do tipo "wtf porque dizem isso?"; agora dou por mim a ajudá-los, pois eles estão mais perdidos do que eu, o que me faz sentir um pouco orgulhoso e lisonjeado hehe.

Na minha modesta opinião, é mais fácil excluirmos algo consoante o nosso (des)interesse do que efetivamente eleger 6 opções porque supostamente são as nossas favoritas e, seguindo esta linha de raciocínio, eu consegui encontrar-me, parcialmente, sim, mas já sei que cursos ligados a determinadas áreas, como as que eu mencionei anteriormente, não são bem a minha "onda". Atualmente, só tenho 2 páginas. Claro, continua a ser um número demasiado elevado, mas esta não é uma decisão que tem de ser necessariamente tomada rapidamente, até porque depressa e bem não há quem, não é verdade?

Relativamente ao Exército, apenas sei o que uma vez ouvi numa palestra que houve na minha escola: ir para lá não significa deixar de estudar, apenas tens de saber gerir o tempo para teu próprio benefício. Aliás, há até bastantes apoios para quem quer prosseguir os estudos a nível superior. Aqui no fórum, há um tópico onde há um jovem que te pode ajudar melhor nisso, pois, pelo que já li, ele fez parte da FAP. Pode ser uma boa opção para ti, talvez ainda não tenhas é ouvido o que realmente te interessa e fazer-te-á ter aquele click, mas não excluas a vida militar só por causa da pressão exterior. Deixa os outros para segundo plano, se for este, realmente, o teu problema, até porque quem vive a tua vida és tu e não outrem.

O que eu gostaria de te aconselhar seria ires aos open days, que agora até são virtuais, dos vários cursos e universidades. Eu já tive em diversos e ajudou-me a riscar alguns da lista, outros eu fiquei mais interessado! Sei que o Inspiring Future tem coisas bastante boas, do ponto de vista informativo, como por exemplo, a Feira Virtual, em que tu tens a oportunidade de falar com alguém que pertence ao curso, quer seja professor ou estudante, isso é algo aleatório, eu acho. Eu já fiz duas vezes, o que me ajudou a ver que se eu quiser estudar Geografia, fá-lo-ei na Universidade de Lisboa, a Clássica, e não na NOVA. Podes fazer o mesmo e assim vais comparando melhor os cursos de universidade para universidade, o que facilitará a redução de opções. E o bom desta feira é que não existem datas, pois tu combinas a hora que te dá mais jeito com as pessoas de determinada instituição.

Qualquer coisa, dispõe! E não te martirizes tanto por ainda teres tomado a tal decisão. A sério, o que quer que seja que tu escolhas, tenho a certeza que te vai correr bem!

Boa sorte, Rita! 🍀
 

Akiani

Membro Veterano
Matrícula
14 Julho 2019
Mensagens
140
Curso
Psicologia
Instituição
FPIE - UL
Oi malta,
Estou no curso de Economia e este ano vou acabar o secundário, mas estou muito indecisa relativamente ao que vou fazer. A ideia de ir para a universidade não me assusta mas sim o não saber o que seguir. Já estive a estudar as várias opções mas não há nenhuma que me chame verdadeiramente a atenção. Estive também a informar-me acerca do exercito mas há sempre aquela pressão de ter de ir para a universidade. Estou mesmo à derivada.

Olá!

Concordo e aconselho tudo o que o Paulo disse.
Só te queria dar alguma mais (pouca) informação sobre o exército: há mesmo certos cursos que podes tirar no exército (sei que podes tirar Medicina, Engenharia Informática, embora hajam mais engenharias; acho que também há Psicologia e há mais cursos, é uma questão de procurares) caso seja algo que te interesse. Para além disso, até aos 45 anos, podes entrar a qualquer momento no exército. Podes tirar uma licenciatura, mestrado, etc e ir para o exército. Podes acabar o secundário e querer ir logo para o exército (neste caso, tens duas opções: ou vais como voluntária, e depois podes ingressar como efetiva, ou entras como trabalhadora mesmo e sei que tens de fazer um exame, mas não me lembro qual) e lá podes ter uma carreira como tens noutras profissões. Eu já tive o meu Dia da Defesa Nacional e sinto que é nesse dia que percebes muito do exército e do que se pode fazer lá.
Não estou muito interessada no exército, no entanto deixo-te o link desse tópico, lá podem informar-te bem melhor do que eu: Público Militar e Policial
Beijinhos e boa sorte! A ambos!