Psicologia

Ana Noronha

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
23 Junho 2016
Mensagens
3,325
Curso
Ciências e Tecnologias 12º. Ano
Não sei o que o @student01 quis dizer ao certo, mas sem Mestrado não podes exercer a profissão na área. Ou seja, apenas a Licenciatura em Psicologia não é suficiente para começares a trabalhar na área, basicamente sem Mestrado não podes exercer, mesmo.
Acho que o @student01 deve estar enganado. Para fazer um mestrado, é preciso primeiro ter a licenciatura em Psicologia. Primeiro faz-se a licenciatura que são 6 semestres (3 anos) e depois é preciso fazer um mestrado que dura 2 anos.
Pois, daí a minha confusão, porque tenho consciência de que, pelo menos cá em Portugal, necessito de concluir o Mestrado para poder me inscrever na Ordem e exercer o cargo de Psicóloga/o.
 

Tiago89

Membro Dux
Matrícula
15 Novembro 2015
Mensagens
875
Pois, daí a minha confusão, porque tenho consciência de que, pelo menos cá em Portugal, necessito de concluir o Mestrado para poder me inscrever na Ordem e exercer o cargo de Psicóloga/o.
E depois do mestrado é preciso 1 ano de estágio supervisionado para se candidatar à ordem.
 
  • Like
Reactions: Ana Noronha

SaraBF

Membro
Matrícula
10 Setembro 2018
Mensagens
11
Pois, daí a minha confusão, porque tenho consciência de que, pelo menos cá em Portugal, necessito de concluir o Mestrado para poder me inscrever na Ordem e exercer o cargo de Psicóloga/o.
Exatamente! Com mestrado estás apta para entrares na Ordem dos Psicólogos e para exercer a profissão!
 
  • Like
Reactions: Ana Noronha

student01

Membro
Matrícula
28 Junho 2016
Mensagens
39
Curso
Psicologia
Instituição
FPCEUP
Acho que o @student01 deve estar enganado. Para fazer um mestrado, é preciso primeiro ter a licenciatura em Psicologia. Primeiro faz-se a licenciatura que são 6 semestres (3 anos) e depois é preciso fazer um mestrado que dura 2 anos.
O que estava a tentar dizer é que podes fazer um mestrado em Psicologia sem a licenciatura na área, o que te dá competências em termos de comportamento/mente humanas, mas não te habilita a trabalhar como Psicólogo. Deixo o link.

Aproveito para dizer que existem ainda casos de pessoas com licenciatura e mestrado (em POST), que exercem sem estágio profissional. Não são considerados "psicólogos" dado não estarem inscritos na ordem, mas na prática exercem as mesmas funções. Não é uma opção seguida pela maioria dos estudantes, mas existem alguns argumentos a favor (questões de empregabilidade, continuar o ciclo de estudos lá fora, etc.).
 
Última edição:
  • Like
Reactions: Ana Noronha

Ana Noronha

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
23 Junho 2016
Mensagens
3,325
Curso
Ciências e Tecnologias 12º. Ano
E depois do mestrado é preciso 1 ano de estágio supervisionado para se candidatar à ordem.
Não, depois do mestrado tem que se fazer 1 ano de estágio.
Ai é? Achava que o estágio era feito no último ano do mestrado...

O que estava a tentar dizer é que podes fazer um mestrado em Psicologia sem a licenciatura na área, o que te dá competências em termos de comportamento/mente humanas, mas não te habilita a trabalhar como Psicólogo. Deixo o link.

Aproveito para dizer que existem ainda casos de pessoas com licenciatura e mestrado (em POST), que exercem sem estágio profissional. Não são considerados "psicólogos" dado não estarem inscritos na ordem, mas na prática exercem as mesmas funções. Não é uma opção seguida pela maioria dos estudantes, mas existem alguns argumentos a favor (questões de empregabilidade, continuar o ciclo de estudos lá fora, etc.).
Ahhh, percebi!
 

student01

Membro
Matrícula
28 Junho 2016
Mensagens
39
Curso
Psicologia
Instituição
FPCEUP
Ai é? Achava que o estágio era feito no último ano do mestrado...
Em psicologia existem 2 tipos de estágio:

Existe um estágio curricular (não renumerado e realizado no último ano do mestrado), que é acordado entre a faculdade e uma instituição/serviço/empresa (os estudantes podem submeter os seus próprios locais de estágio, mas a faculdade é quem decide se aceita ou não). Em certos casos, este estágio está relacionado com a tese de mestrado do estudante.

Após o curso - ou seja, já não estando o estudante vinculado a nenhuma faculdade, para ingressar na ordem dos psicólogos portugueses, é necessário fazer um estágio profissional (renumerado), mais uma vez com regras e requisitos específicos (uma coisa que nem todos os estudantes sabem é que determinadas bolsas de investigação podem ser consideradas para efeitos de estágio profissional).
 
  • Like
Reactions: Ana Noronha

Ana Noronha

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
23 Junho 2016
Mensagens
3,325
Curso
Ciências e Tecnologias 12º. Ano
Em psicologia existem 2 tipos de estágio:

Existe um estágio curricular (não renumerado e realizado no último ano do mestrado), que é acordado entre a faculdade e uma instituição/serviço/empresa (os estudantes podem submeter os seus próprios locais de estágio, mas a faculdade é quem decide se aceita ou não). Em certos casos, este estágio está relacionado com a tese de mestrado do estudante.

Após o curso - ou seja, já não estando o estudante vinculado a nenhuma faculdade, para ingressar na ordem dos psicólogos portugueses, é necessário fazer um estágio profissional (renumerado), mais uma vez com regras e requisitos específicos (uma coisa que nem todos os estudantes sabem é que determinadas bolsas de investigação podem ser consideradas para efeitos de estágio profissional).
Ahh, não sabia... E como será para pessoal que, após o mestrado, pretende prosseguir com um doutoramento?
 

student01

Membro
Matrícula
28 Junho 2016
Mensagens
39
Curso
Psicologia
Instituição
FPCEUP
Ahh, não sabia... E como será para pessoal que, após o mestrado, pretende prosseguir com um doutoramento?
Esse é um dos 3 casos onde se poderá justificar não fazer/adiar o estágio profissional (sendo os outros os que já mencionei: exercer lá fora, ou trabalhar em cargos/funções que não exigem o estatuto de psicólogo, como acontece em POST).

Para doutoramento não é necessário que o psicólogo esteja creditado na ordem, por isso existem casos em que o estudante se matricula logo após o mestrado. Porventura isto dificulta um bocado a candidatura (porque se coloca aqui a falta de experiência), mas é viável. No final do doutoramento, caso seja sua intenção exercer Psicologia fora da investigação - em Portugal - continua a ser necessário fazer o estágio profissional.

É legítimo pensar-se que por ser apenas cerca de um ano, e ser renumerado, é insensato não se fazer o estágio profissional. O problema é que, precisamente por ser difícil para muitos psicólogos arranjá-lo (há aqui questões de financiamento com as quais se poderiam argumentar, mas passando isso à frente), é que a decisão se torna menos preto no branco.
 
  • Like
Reactions: Ana Noronha

Moonpie

Membro Dux
Matrícula
23 Julho 2018
Mensagens
1,215
Olá a todos , este ano encontro-me na universidade mas pretendo mudar para psicologia na Universidade de Aveiro . Gostaria que alguém da área me pudesse responder a duas questões :
- A primeira tem a ver com o facto do curso de psicologia na UA ser de apenas 3 anos visto que é só licenciatura . Sendo assim gostava de saber se para se ser psicólogo ( e , portanto , ser acreditado na ordem dos psicólogos ) é apenas necessária a licenciatura ou se é preciso o mestrado.
-A segunda questão é um pouco mais subjectiva, ainda assim, arrisco-me a perguntar , gostava de saber que tipo de possibilidades têm os psicólogos que tiram o curso em portugal de arranjar emprego no estrangeiro . E também se acham viável seguir investigação na área de psicologia , no estrangeiro, ou seja, se há oportunidades neste ramo.
Desde já obrigada ! :)
 

Cristiano CM

Membro Caloiro
Matrícula
6 Março 2019
Mensagens
5
A primeira tem a ver com o facto do curso de psicologia na UA ser de apenas 3 anos visto que é só licenciatura . Sendo assim gostava de saber se para se ser psicólogo ( e , portanto , ser acreditado na ordem dos psicólogos ) é apenas necessária a licenciatura ou se é preciso o mestrado.
Só podes exercer com mestrado. Apenas com licenciatura não podes exercer.

A segunda questão é um pouco mais subjectiva, ainda assim, arrisco-me a perguntar , gostava de saber que tipo de possibilidades têm os psicólogos que tiram o curso em portugal de arranjar emprego no estrangeiro .
Quanto a isso, penso que para exerceres no estrangeiro tens que fazer toda a formação lá porque há designações diferentes em relação a determinados conceitos, etc.
Contudo, se quiseres fazer formações lá penso que não há problema, mas exercer penso que não.
 
  • Like
Reactions: Ana Noronha

Ana Noronha

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
23 Junho 2016
Mensagens
3,325
Curso
Ciências e Tecnologias 12º. Ano
Para doutoramento não é necessário que o psicólogo esteja creditado na ordem, por isso existem casos em que o estudante se matricula logo após o mestrado. Porventura isto dificulta um bocado a candidatura (porque se coloca aqui a falta de experiência), mas é viável. No final do doutoramento, caso seja sua intenção exercer Psicologia fora da investigação - em Portugal - continua a ser necessário fazer o estágio profissional.
Candidatura... do doutoramento?
 

Ana Noronha

Membro Dux
Colaborador Editorial
Matrícula
23 Junho 2016
Mensagens
3,325
Curso
Ciências e Tecnologias 12º. Ano
Exato, para te inscreveres no doutoramento tens de submeter uma candidatura à faculdade, mesmo porque existe um número limitado de vagas.
Ah, certo, queria ter a certeza que era relativamente ao doutoramento. Obrigada desde já pela informação toda :)
 

Tópicos Semelhantes