Regime de Estudos em Tempo Parcial

Rubito

Membro
Matrícula
5 Outubro 2016
Mensagens
13
Bom dia.

A quem se inscreva em regime de estudos a tempo parcial em 30 unidades de crédito, é possível efectuar uma candidatura á bolsa da DGES?
 
Olá @Rubito

É possível, sim.

Boa tarde, em relação a este tema tenho esta questão:

Matriculei-me em 1ª fase e em regime total num curso (para 1º e 2º semestre). Existe alguma possibilidade de alterar o regime total para parcial e inscrever-me em apenas algumas das cadeiras?

Grata pela atenção!
 
Olá @mariaclara
Matriculei-me em 1ª fase e em regime total num curso (para 1º e 2º semestre). Existe alguma possibilidade de alterar o regime total para parcial e inscrever-me em apenas algumas das cadeiras?
Depende do regulamento da instituição em causa, cada uma define um prazo máximo em que o aluno pode fazer essa alteração.
 
Bom dia,

Como funciona o regime de estudante a tempo parcial na ESCS, alguém sabe concretamente? É possível que um aluno que não estude na faculdade se candidate a este regime? Se sim, porque é que a candidatura é efetuada apenas em outubro/novembro? Assim quando soubesse os resultados o semestre já ia em novembro e eu perderia imensas aulas ou não?
 
Olá @CarlotaSottomayor
Como funciona o regime de estudante a tempo parcial na ESCS, alguém sabe concretamente? É possível que um aluno que não estude na faculdade se candidate a este regime? Se sim, porque é que a candidatura é efetuada apenas em outubro/novembro? Assim quando soubesse os resultados o semestre já ia em novembro e eu perderia imensas aulas ou não?
O regime é para alunos matriculados na instituição em causa.
 
Alguém me pode esclarecer se na escolha de tempo parcial estou apenas a escolher quantos créditos quero fazer esse ano?
Ou também tenho de escolher quais as cadeiras a que esses créditos que eu quero correspondem?

Já agora, caso queira a escolha de tempo parcial posso fazê-la quando for tratar da matrícula ou existe algum período próprio para tal? Obrigado
 
Olá @Jorge_
Alguém me pode esclarecer se na escolha de tempo parcial estou apenas a escolher quantos créditos quero fazer esse ano?
Ou também tenho de escolher quais as cadeiras a que esses créditos que eu quero correspondem?
O que o regime diz é que passas a poder fazer metade do limite de créditos por semestre/ano definido pela instituição. Dentro desse limite escolhes depois as cadeiras.
Já agora, caso queira a escolha de tempo parcial posso fazê-la quando for tratar da matrícula ou existe algum período próprio para tal?
Cada instituição define o seu próprio prazo.
 
  • Like
Reactions: Jorge_
Olá @Jorge_

O que o regime diz é que passas a poder fazer metade do limite de créditos por semestre/ano definido pela instituição. Dentro desse limite escolhes depois as cadeiras.

Cada instituição define o seu próprio prazo.

Obrigado pela ajuda Davis, só tenho mais uma dúvida. Na escolha das cadeiras tenho de dizer logo as que eu quero exatamente ou tenho-as todas disponíveis durante o ano?
 
Obrigado pela ajuda Davis, só tenho mais uma dúvida. Na escolha das cadeiras tenho de dizer logo as que eu quero exatamente ou tenho-as todas disponíveis durante o ano?
Quando fazes a matrícula escolhes quais é que pretendes fazer.
 
Olá!
Estou no 1º ano de mestrado inscrita em regime integral, mas gostava de saber se há a possibilidade de mudar para regime parcial no 2º Semestre.

Obrigada pela atenção
 
Olá @Paula C.
Estou no 1º ano de mestrado inscrita em regime integral, mas gostava de saber se há a possibilidade de mudar para regime parcial no 2º Semestre.
Dependerá do regulamento da própria instituição, mas muitas deixam mudar entre semestres, sim.
 
Boas a tempos fiz a mudança de regime geral a parcial. Estou no primeiro ano. A minha questão é, entretanto vi que tenho pelo. Menos duas cadeiras no segundo semestre que me podem dar equivalência também. Sendo que começo a pensar que talvez fosse melhor estar no regime normal há forma de mudar de novo antes do segundo semestre começar? Isto porque estou inscrita aos 30 ecs do primeiro semestre.
 
Olá @Saralvesfalardo
Boas a tempos fiz a mudança de regime geral a parcial. Estou no primeiro ano. A minha questão é, entretanto vi que tenho pelo. Menos duas cadeiras no segundo semestre que me podem dar equivalência também. Sendo que começo a pensar que talvez fosse melhor estar no regime normal há forma de mudar de novo antes do segundo semestre começar? Isto porque estou inscrita aos 30 ecs do primeiro semestre.
Estes processos são regulamentos por cada instituição, pelo que tens de pedir mais info na tua faculdade.
 
Boa tarde. O meu curso tinha a duração de 3 anos, contudo deixei 5 cadeiras obrigatórias para trás (terei de fazer um 4°ano para obter os 180 ECTS necessários). Estas 5 cadeias equivalem a 30 ECTS - regime parcial.
Como vou ficar mais um ano (a fazer estas 5 cadeiras) estava a pensar inscrever-me em mais 1 cadeira (6 ECTS) e passava assim, para regime integral.
Deste modo, posso usufruir de bolsa de estudos a regime integral, sendo que esta cadeira nao faz parte dos 180 ECTS obrigatórios?
Aguardo resposta!
 
Boa tarde. O meu curso tinha a duração de 3 anos, contudo deixei 5 cadeiras obrigatórias para trás (terei de fazer um 4°ano para obter os 180 ECTS necessários). Estas 5 cadeias equivalem a 30 ECTS - regime parcial.
Como vou ficar mais um ano (a fazer estas 5 cadeiras) estava a pensar inscrever-me em mais 1 cadeira (6 ECTS) e passava assim, para regime integral.
Deste modo, posso usufruir de bolsa de estudos a regime integral, sendo que esta cadeira nao faz parte dos 180 ECTS obrigatórios?
Aguardo resposta!
Já te respondi na outra mensagem.
 
Olá ! Estou bastante indecisa entre escolher o regime de tempo integral ou parcial, gostava de saber como funciona o regime em tempo integral e parcial. Estive a ver os horários dos cursos em regime integral dos anos anteriores e vi que eram das 9h as 18h podendo em alguns dias sair às 20h30 e isso assustou-me um bocado. Estes horários estão realmente certos ou são horários da turma da manhã ou turma da tarde todos juntos ?no regime de tempo integral estudas o dia todo e no regime parcial algumas horas por dia ? No regime de tempo parcial deve demorar mais tempo para concluir o curso, quanto tempo mais ou menos ? A diferença entre estes dois regimes está somente no tempo de aulas e tempo de conclusão ? E outra coisa nada a ver, os diplomados dos ensinos politécnicos são tão valorizados quanto os das universidades ou há uma discriminação na empregabilidade e salário e se houver não se aplica a cursos que só dão nos institutos politécnicos ? Os institutos politécnicos mais prestigiados em Portugal são o de Porto, Lisboa, Coimbra, Setúbal e Aveiro ?
Obrigada desde já
 
Olá @Abreu123Geovanna
Estive a ver os horários dos cursos em regime integral dos anos anteriores e vi que eram das 9h as 18h podendo em alguns dias sair às 20h30 e isso assustou-me um bocado. Estes horários estão realmente certos ou são horários da turma da manhã ou turma da tarde todos juntos ?no regime de tempo integral estudas o dia todo e no regime parcial algumas horas por dia ?
Os horários variam muito conforme o curso/faculdade. A ideia do regime parcial é fazeres metade das candeiras do regime integral, pelo que em termos de horário terias metade das horas.
No regime de tempo parcial deve demorar mais tempo para concluir o curso, quanto tempo mais ou menos ? A diferença entre estes dois regimes está somente no tempo de aulas e tempo de conclusão ?
Se fizeres metade das cadeiras de cada vez demorarias o dobro do tempo.
E outra coisa nada a ver, os diplomados dos ensinos politécnicos são tão valorizados quanto os das universidades ou há uma discriminação na empregabilidade e salário e se houver não se aplica a cursos que só dão nos institutos politécnicos ?
Isso depende muito da área em causa. Muitos dos cursos dados nos politécnicos são exclusivos destas instituições, pelo que esta questão nem se coloca.
 
  • Like
Reactions: Abreu123Geovanna
Obrigada Davis ! Só tenho mais uma última dúvida, andei a ler sobre as prescrições e pelo que eu percebi é como quando chumba se na escola só que na suniversidades não pode inscrever se 2 semestres consecutivos em nenhuma outra universidade gostava de saber quando prescreve se no curso ( Li e não percebi muito bem ) as prescrições são avaliadas por semestre ou ano ? E com quantas caldeiras chumbadas prescreve se / o máximo ? E se caso prescreva depois é se matrícula normalmente sem ter que recorrer novamente ao concurso nacional?
 
Última edição: