Rendimentos para bolsa dges

Matrícula
21 Fevereiro 2021
Mensagens
30
Boa tarde.
Eu não coloquei nenhuma informação na parte dos rendimentos para a bolsa dges, é necessário colocar?
Eu ainda não enviei a candidatura.
 

Alexandra S.

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Colaborador Editorial
Matrícula
10 Março 2015
Mensagens
4,254
Curso
Mestrado CCTI
Instituição
Iscte
Boa tarde.
Eu não coloquei nenhuma informação na parte dos rendimentos para a bolsa dges, é necessário colocar?
Eu ainda não enviei a candidatura.
Olá.
Se o teu agregado familiar tiver rendimentos, deves indicar o valor dos mesmos, sim.
 
Solução
Matrícula
21 Fevereiro 2021
Mensagens
30
Olá.
Se o teu agregado familiar tiver rendimentos, deves indicar o valor dos mesmos, sim.
Obrigado.
Como sei se o meu agregado tem rendimentos?
É através do património mobiliário?
Eu ainda não tratei do património mobiliário porque não tenho acesso ao meu portal de finanças. Para obter o património mobiliário posso ir a qualquer banco que seja do meu banco ou tenho de ir ao banco cujo fiz o meu cartão?
Para além dessas duas etapas, faltam a etapa dos documentos e depois submissão.
Consegues me dizer mais ou menos que documentos terei de entregar na etapa dos documentos?
E depois da submissão, não terei de me preocupar mais com a candidatura?
Peço desculpa por fazer muitas perguntas mas eu tenho mesmo muitas perguntas.
 

Alexandra S.

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Colaborador Editorial
Matrícula
10 Março 2015
Mensagens
4,254
Curso
Mestrado CCTI
Instituição
Iscte
Obrigado.
Como sei se o meu agregado tem rendimentos?
É através do património mobiliário?
Eu ainda não tratei do património mobiliário porque não tenho acesso ao meu portal de finanças. Para obter o património mobiliário posso ir a qualquer banco que seja do meu banco ou tenho de ir ao banco cujo fiz o meu cartão?
Para além dessas duas etapas, faltam a etapa dos documentos e depois submissão.
Consegues me dizer mais ou menos que documentos terei de entregar na etapa dos documentos?
E depois da submissão, não terei de me preocupar mais com a candidatura?
Peço desculpa por fazer muitas perguntas mas eu tenho mesmo muitas perguntas.
Então, vamos por partes:
Quando refiro rendimentos, quero dizer o saldo das contas à ordem e a prazo do teu agregado familiar no dia 31 de dezembro de 2020 (se tiverem conta em vários bancos, têm que indicar o valor total das contas de todos esses bancos). Não tens necessariamente que ir ao banco consultar o extrato - alguns bancos enviam cartas para casa e, nesse caso, basta-te procurares se tens alguma carta que indique o valor na data 31/12/2020. Se o banco também tiver uma plataforma online onde possas consultar o extracto, também serve. Se não, podes ir a qualquer banco que seja do teu banco.
Outros rendimentos são por exemplo contas poupança-reforma, acções, rendas de casa que vocês recebam - no caso de terem casas alugadas, por exemplo. Quando fores preencher, nesse separador terá lá todos os rendimentos que precisas indicar.

Os documentos que precisas entregar, numa primeira fase serão as autorizações para Segurança Social e Finanças (tens os documentos na plataforma da Bolsa, só precisas de imprimir, assinar e digitalizar para depois enviares) e o comprovativo do IBAN para onde queres receber as prestações.
Mais tarde, os SAS da tua Universidade poderão vir a pedir-te mais documentos, conforme seja ou não necessário para esclarecer a tua situação económica.
 
Matrícula
21 Fevereiro 2021
Mensagens
30
Então, vamos por partes:
Quando refiro rendimentos, quero dizer o saldo das contas à ordem e a prazo do teu agregado familiar no dia 31 de dezembro de 2020 (se tiverem conta em vários bancos, têm que indicar o valor total das contas de todos esses bancos). Não tens necessariamente que ir ao banco consultar o extrato - alguns bancos enviam cartas para casa e, nesse caso, basta-te procurares se tens alguma carta que indique o valor na data 31/12/2020. Se o banco também tiver uma plataforma online onde possas consultar o extracto, também serve. Se não, podes ir a qualquer banco que seja do teu banco.
Outros rendimentos são por exemplo contas poupança-reforma, acções, rendas de casa que vocês recebam - no caso de terem casas alugadas, por exemplo. Quando fores preencher, nesse separador terá lá todos os rendimentos que precisas indicar.

Os documentos que precisas entregar, numa primeira fase serão as autorizações para Segurança Social e Finanças (tens os documentos na plataforma da Bolsa, só precisas de imprimir, assinar e digitalizar para depois enviares) e o comprovativo do IBAN para onde queres receber as prestações.
Mais tarde, os SAS da tua Universidade poderão vir a pedir-te mais documentos, conforme seja ou não necessário para esclarecer a tua situação económica.
Muito obrigado!
Só mais umas coisinhas porque ainda estou confuso.
Na parte dos rendimentos na dges, diz "outros rendimentos obtidos no ano civil 2020 que: não tenham sido declarados ou comunicados á autoridade tributária e aduaneira; não sejam provenientes da segurança social".
Neste caso, não ponho o saldo da conta até dia 31 de dezembro de 2020 certo?
Porque na parte do património diz "em 31 de dezembro de 2020, qual era o valor do património mobiliário do conjunto dos membros do agregado familiar em relação a cada um dos seguintes itens" e dos itens tem "depósitos bancários á ordem", "depósitos bancários a prazo", etc...
Então seria aí onde punha o saldo da conta do dia 31 de dezembro certo?
E nesses espaços devo pôr os valores somados de todos os membros do agregado familiar certo?
 

Alexandra S.

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Colaborador Editorial
Matrícula
10 Março 2015
Mensagens
4,254
Curso
Mestrado CCTI
Instituição
Iscte
Muito obrigado!
Só mais umas coisinhas porque ainda estou confuso.
Na parte dos rendimentos na dges, diz "outros rendimentos obtidos no ano civil 2020 que: não tenham sido declarados ou comunicados á autoridade tributária e aduaneira; não sejam provenientes da segurança social".
Neste caso, não ponho o saldo da conta até dia 31 de dezembro de 2020 certo?
Certo. Nesse espaço colocas apenas rendimentos que possam não ter sido declarados no vosso IRS e que também não tenham sido provenientes da Segurança Social.
Porque na parte do património diz "em 31 de dezembro de 2020, qual era o valor do património mobiliário do conjunto dos membros do agregado familiar em relação a cada um dos seguintes itens" e dos itens tem "depósitos bancários á ordem", "depósitos bancários a prazo", etc...
Então seria aí onde punha o saldo da conta do dia 31 de dezembro certo?
E nesses espaços devo pôr os valores somados de todos os membros do agregado familiar certo?
Sim, nesses locais colocas o saldo total do teu agregado familiar em cada um desses campos. Por exemplo, saldo total do teu agregado familiar nas contas à ordem, a prazo, etc...
 
Matrícula
21 Fevereiro 2021
Mensagens
30
Certo. Nesse espaço colocas apenas rendimentos que possam não ter sido declarados no vosso IRS e que também não tenham sido provenientes da Segurança Social.

Sim, nesses locais colocas o saldo total do teu agregado familiar em cada um desses campos. Por exemplo, saldo total do teu agregado familiar nas contas à ordem, a prazo, etc...
Okay.
Muito obrigado!
 
  • Like
Reactions: Alexandra S.

dariodias97

Membro
Matrícula
6 Janeiro 2021
Mensagens
69
Curso
(L) Eng Mec Auto
Instituição
ISEP
Na candidatura, os rendimentos são rendimentos não declarados à AT (finanças) e só se põe lá alguma coisa se for o caso. Para perceber melhor quais os rendimentos pedidos pode-se ver as categorias de rendimentos nas opções ao tentar adicionar 1 rendimento.
 
Última edição: