Resultados da 1ª Fase dos Exames Nacionais 2020

davis

Administrador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
13 Outubro 2014
Mensagens
23,924
Curso
MEAer + MEGIE
Instituição
Técnico - ULisboa
Sobre as notas dos exames nacionais deste ano:

1596669598146.png

Cartoon de Paulo Serra.
 
Matrícula
15 Junho 2019
Mensagens
12
Acham que consigo entrar em engenharia informática na FEUP? A nota do último colocado do ano passado neste curso é 17,8. A minha nota de candidatura é 18,4.
 

Renato pereira322

Membro Caloiro
Matrícula
1 Janeiro 2019
Mensagens
4
bom dia a todos . Sou abrangido pelo contingente de emigrante português . Esse contigente é automaticamente aplicado a mim ou tenho de apresentar documentos para isso ? E se a aplica aplicação do continente é opcional , acham que me beneficia ou prejudica no concurso da primeira fase do ensino superior ?
 

Edgar H

Mod Decretos
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
1 Outubro 2018
Mensagens
7,678
bom dia a todos . Sou abrangido pelo contingente de emigrante português . Esse contigente é automaticamente aplicado a mim ou tenho de apresentar documentos para isso ? E se a aplica aplicação do continente é opcional , acham que me beneficia ou prejudica no concurso da primeira fase do ensino superior ?
Não, tens de escolher concorrer nesse contigente. É opcional. Contingente Especial para Candidatos Emigrantes Portugueses e Familiares que com eles residam | DGES
Vai te sempre favorecer, porque, se não entrares por este contigente, concorres no regime geral.
 

Renato pereira322

Membro Caloiro
Matrícula
1 Janeiro 2019
Mensagens
4
Não, tens de escolher concorrer nesse contigente. É opcional. Contingente Especial para Candidatos Emigrantes Portugueses e Familiares que com eles residam | DGES
Vai te sempre favorecer, porque, se não entrares por este contigente, concorres no regime geral.
Não sei se percebi bem , estou com uma dúvida . Ao receber os resultados daqueles que foram escolhidos através desse contingente de emigrantes , presumo que os resultados do contingente geral sairiam ao mesmo tempo . Se isso acontece , como é que ainda vou concorrer no regime geral ?
 

Edgar H

Mod Decretos
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
1 Outubro 2018
Mensagens
7,678
Não sei se percebi bem , estou com uma dúvida . Ao receber os resultados daqueles que foram escolhidos através desse contingente de emigrantes , presumo que os resultados do contingente geral sairiam ao mesmo tempo . Se isso acontece , como é que ainda vou concorrer no regime geral ?
É automático.
 

Nadine 2.0

Membro Caloiro
Matrícula
12 Junho 2020
Mensagens
1
Eu também. Eu subi muito a matemática A. De 126 da 1ªfase do ano passado para 189 este ano. Também tinha feito na 2ªfase, no qual tirei 148. Basicamente,foi sempre a subir.
Parabéns,! Em principio devo ir à 2ª fase porque não fiquei satisfeita com a nota da 1ª fase. O que fizeste para te preparar para o exame? Obrigada
 
  • Like
Reactions: Bruno97

Bruno97

Membro Veterano
Matrícula
27 Agosto 2018
Mensagens
334
Parabéns,! Em principio devo ir à 2ª fase porque não fiquei satisfeita com a nota da 1ª fase. O que fizeste para te preparar para o exame? Obrigada
Bom dia! Posso dizer que apesar de ter sido do ensino profissional e de só ter manifestado desejo de concorrer ao ensino superior a meio do 11ºano, só foi umas semanas antes de começar o 12º que comecei a pegar nos livros de matemática A dos 3ºanos( tinha comprado os manuais em julho mas apenas um mês depois é que vieram, senão tinha começado ainda mais cedo), comecei em finais de agosto e em março já os tinha acabado, mas tinha muitas outras coisas para fazer, fiz posteriormente provas modelo e exames, mas tirei 12,6 no exame e foi por distração( perdi 2.5 valores em vão), poderia ter tido logo 15,2. Na 2ªfase, peguei no livro da raiz a estudar e lá consegui quase recuperar aquilo que podia ter tido na 1ªfase.
Não entrei na minha 1ªopção por pouquíssimo, por isso, decidi descansar um ano, e tentar outra vez.

Voltei a refazer exercícios dos manuais e cadernos de atividades( com mais calma, pois já tinha acabado o curso e tido mais tempo), depois peguei em dois livros de preparação( porto e raiz), fiz testes intermédios(2005-2014),exames(1997-2019) e algumas provas modelo. A minha preparação começou lá em outubro do ano passado. E posso dizer que esta foi a melhor forma de estudar pelo menos para mim, consegui melhorar matérias que não percebia muito bem, como análise combinatória e limites.
Foi uma preparação extensiva e digamos muito completa, fiz deste forma, pois também tinha como objetivo aprofundar e não estudar apenas para o exame, vou precisar de matemática no ensino superior, mais vale aprofundar, os do regular tiveram 3 anos, eu estive 2 anos a dar matéria.

Tudo isto foi feito de forma autodidata, sem depender de explicações.
 

davis

Administrador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
13 Outubro 2014
Mensagens
23,924
Curso
MEAer + MEGIE
Instituição
Técnico - ULisboa
Vou à segunda fase do exame de fqA, o que pode sair como obrigatório é tudo de 10 ano certo? Uma vez que a ordem pela qual as escolas dão física11 e química11 pode variar, ou estou errada?
Certo, foi essa a lógica dos exames da 1ª fase.
Se concorrer a várias opções e entrar ,por exemplo ,na segunda opção, posso fazer matricula na 3 / 4 / 5 ou 6 uma vez que se encontram abaixo? ou só posso mesmo ir fazer matricula na 2?
Só és colocada numa opção, e só podes fazer a matrícula na que ficares colocada.
 

Marco L.

Moderador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
8 Julho 2016
Mensagens
11,133
Curso
Ex-Física | MEFT
Instituição
Ex-FCUP | IST
Parece o meu 19.4 a Matemática tendo errado apenas um tópico de um exercício e colegas meus com 20 que erraram 4 e 5 exercícios 🤣
É a magia do maravilhoso modelo que adotaram para estes exames.
Post automatically merged:

(Não digo que um modelo semelhante não possa funcionar, mas certamente não assim...)
 

Bruno97

Membro Veterano
Matrícula
27 Agosto 2018
Mensagens
334
Parece o meu 19.4 a Matemática tendo errado apenas um tópico de um exercício e colegas meus com 20 que erraram 4 e 5 exercícios 🤣
Eu tenho é receio que as médias subam muito, por exemplo, em cursos com médias de 13 subir para 18. Daqui a uns anos, será um dilema entrar em qualquer curso, médias tipo medicina(18 ou 19). À uns 5 anos era mais fácil entrar com uma média destas(13), pois regra geral os cursos tinham média mais baixa, pois as médias dos exames eram baixas, mas nos últimos anos estamos a ver que estas têm subido. Vai levar a que muitos desistam de concorrer a determinados cursos. Se for como no ano passado, em que a 2ªfase foi muito concorrido ainda à esperança, muita gente entrou na 1ªopção, mas o exame deu uma falsa sensação de segurança, muitos desistiram logo dos cursos por causa disso.

Daqui por uns anos, o ensino superior vai começar a assemelhar-se ao ensino secundário, quase toda a gente entra, não há propinas. O governo já pensou em alargar a escolaridade para os 21 anos. E eu tenho a certeza, que uma das razões para o exame ter sido acessível, foi para fazer com que mais gente vá para o superior, afinal, o governo quer muita gente no ensino superior em 2030, e nem que para isso, eles facilitem demasiado, é uma das metas e querem cumprir a todo o custo.
Em relação às propinas acho bem que acabem com elas, já está mais que na hora de o fazer, que o governo invista que tem mais.
 

Pedro Cordeiro.

Membro Veterano
Matrícula
10 Julho 2019
Mensagens
468
Curso
Eng. Aeroespacial
Instituição
IST
Eu tenho é receio que as médias subam muito, por exemplo, em cursos com médias de 13 subir para 18. Daqui a uns anos, será um dilema entrar em qualquer curso, médias tipo medicina(18 ou 19). À uns 5 anos era mais fácil entrar com uma média destas(13), pois regra geral os cursos tinham média mais baixa, pois as médias dos exames eram baixas, mas nos últimos anos estamos a ver que estas têm subido. Vai levar a que muitos desistam de concorrer a determinados cursos. Se for como no ano passado, em que a 2ªfase foi muito concorrido ainda à esperança, muita gente entrou na 1ªopção, mas o exame deu uma falsa sensação de segurança, muitos desistiram logo dos cursos por causa disso.

Daqui por uns anos, o ensino superior vai começar a assemelhar-se ao ensino secundário, quase toda a gente entra, não há propinas. O governo já pensou em alargar a escolaridade para os 21 anos. E eu tenho a certeza, que uma das razões para o exame ter sido acessível, foi para fazer com que mais gente vá para o superior, afinal, o governo quer muita gente no ensino superior em 2030, e nem que para isso, eles facilitem demasiado, é uma das metas e querem cumprir a todo o custo.
Em relação às propinas acho bem que acabem com elas, já está mais que na hora de o fazer, que o governo invista que tem mais.
O problema disto tudo é que o concurso nacional de acesso é puramente comparativo e competitivo em termos de médias, o problema é que agora tendi subido todas as médias será difícil diferenciar os alunos, havendo por exemplo mais de 4000 19's a matemática, há tanta gente que ao longo do ano não provou ser um aluno de elite e agora consegue 19 e 20 pela acessibilidade do exame. Não haverá cursos a subir de 13 para 18, até porque os exames contam 40-60%, mas acredito que os mais procurados de media de 13 facilmente chegarão ao 15. Se estiver certo entrarão alunos com menos capacidades e com mais sorte nalguns cursos muito trabalhosos e deixarão de fora alunos mais trabalhadores e com mais capacidade. Diria que a taxa de chumbos a determinadas cadeiras vai disparar na mesma proporção ou ainda mais do que as médias. Mas isto sou eu com os meus futurismos, o que é certo é que tenho feito previsões, desde que se soube destas novas medidas e até agora tudo se tem vindo a realizar como um previ, também tenho receio do que serão os próximos anos do ensino superior e do seu acesso, é algo que me inquieta e me preocupa verdadeiramente.
Post automatically merged:

É a magia do maravilhoso modelo que adotaram para estes exames.
Post automatically merged:

(Não digo que um modelo semelhante não possa funcionar, mas certamente não assim...)
Subscrevo a 100%, este modelo trouxe um claro favoritismo e não permite distinguir um bom aluno, do sortudo que estudou bem o que saiu nas obrigatórias e no resto lá se safou porque podia fazer muita asneira e sair com 20 na mesma.
 

Winteroc18

Membro Veterano
Matrícula
26 Outubro 2019
Mensagens
125
Curso
Matemática
Instituição
Universidade Nova de Lisboa
O problema disto tudo é que o concurso nacional de acesso é puramente comparativo e competitivo em termos de médias, o problema é que agora tendi subido todas as médias será difícil diferenciar os alunos, havendo por exemplo mais de 4000 19's a matemática, há tanta gente que ao longo do ano não provou ser um aluno de elite e agora consegue 19 e 20 pela acessibilidade do exame. Não haverá cursos a subir de 13 para 18, até porque os exames contam 40-60%, mas acredito que os mais procurados de media de 13 facilmente chegarão ao 15. Se estiver certo entrarão alunos com menos capacidades e com mais sorte nalguns cursos muito trabalhosos e deixarão de fora alunos mais trabalhadores e com mais capacidade. Diria que a taxa de chumbos a determinadas cadeiras vai disparar na mesma proporção ou ainda mais do que as médias. Mas isto sou eu com os meus futurismos, o que é certo é que tenho feito previsões, desde que se soube destas novas medidas e até agora tudo se tem vindo a realizar como um previ, também tenho receio do que serão os próximos anos do ensino superior e do seu acesso, é algo que me inquieta e me preocupa verdadeiramente.
Post automatically merged:


Subscrevo a 100%, este modelo trouxe um claro favoritismo e não permite distinguir um bom aluno, do sortudo que estudou bem o que saiu nas obrigatórias e no resto lá se safou porque podia fazer muita asneira e sair com 20 na mesma.
Não acho que isso seja verdade, o exame foi facilitado mas não foi fácil, pois era preciso estudo para ter boa nota, houve mais de 4000 19's mas também houve mais de 8000 negativas e também tens de ter em conta que só fez o exame quem queria usá-lo no acesso ao ensino superior e quem quer usá-lo, obviamente, quer ter boa nota.
 

davis

Administrador
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
13 Outubro 2014
Mensagens
23,924
Curso
MEAer + MEGIE
Instituição
Técnico - ULisboa
Não acho que isso seja verdade, o exame foi facilitado mas não foi fácil, pois era preciso estudo para ter boa nota, houve mais de 4000 19's mas também houve mais de 8000 negativas e também tens de ter em conta que só fez o exame quem queria usá-lo no acesso ao ensino superior e quem quer usá-lo, obviamente, quer ter boa nota.
Ano 2019: 45664 provas realizadas.
Número de alunos com 19 valores: perto de 1200 alunos.

Ano 2020: 35724 provas realizadas:
Número de alunos com 19 valores: +4600 alunos.
Quase um terço dos alunos teve pelo menos 17 valores.

O que alguns alunos não percebem com esta publicação do Uniarea, é que isto não é um ataque aos alunos que fizeram exame este ano. Foram sujeitos a estas novas regras, e aproveitaram (bem) para ter boas notas. No entanto, não nos podemos esquecer que os exames nacionais ditam o vosso acesso ao ensino superior. Tivemos alunos que foram a exame com 14-15-16-17-18-19-20, a sair todos do exame com a mesma nota: 19. Ao exame não conseguir criar uma diferenciação dos conhecimentos deste alunos, tendo esta concentração toda em torno dos 19 valores, quem sai prejudicado aqui são os próprios alunos. E acho que só vão perceber isso a 28 de setembro.
 

Pedro Cordeiro.

Membro Veterano
Matrícula
10 Julho 2019
Mensagens
468
Curso
Eng. Aeroespacial
Instituição
IST
Ano 2019: 45664 provas realizadas.
Número de alunos com 19 valores: perto de 1200 alunos.

Ano 2020: 35724 provas realizadas:
Número de alunos com 19 valores: +4600 alunos.
Quase um terço dos alunos teve pelo menos 17 valores.

O que alguns alunos não percebem com esta publicação do Uniarea, é que isto não é um ataque aos alunos que fizeram exame este ano. Foram sujeitos a estas novas regras, e aproveitaram (bem) para ter boas notas. No entanto, não nos podemos esquecer que os exames nacionais ditam o vosso acesso ao ensino superior. Tivemos alunos que foram a exame com 14-15-16-17-18-19-20, a sair todos do exame com a mesma nota: 19. Ao exame não conseguir criar uma diferenciação dos conhecimentos deste alunos, tendo esta concentração toda em torno dos 19 valores, quem sai prejudicado aqui são os próprios alunos. E acho que só vão perceber isso a 28 de setembro.
É precisamente a isso que me refiro, tens pessoas que normalmente tirarariam um 14-15 a tirar 19-20 e quem já tirava regularmente 19-20 não pode tirar 21, o que vai criar um efeito de gargalo e vai por pessoas que demonstram melhor as suas capacidades e trabalham mais de fora, e pessoas que apenas beneficiaram deste sistema dentro.
 

Droggy

Membro Dux
Matrícula
20 Julho 2015
Mensagens
880
Curso
Medicina
Instituição
NMS | FCM
Eu tenho é receio que as médias subam muito, por exemplo, em cursos com médias de 13 subir para 18. Daqui a uns anos, será um dilema entrar em qualquer curso, médias tipo medicina(18 ou 19). À uns 5 anos era mais fácil entrar com uma média destas(13), pois regra geral os cursos tinham média mais baixa, pois as médias dos exames eram baixas, mas nos últimos anos estamos a ver que estas têm subido. Vai levar a que muitos desistam de concorrer a determinados cursos. Se for como no ano passado, em que a 2ªfase foi muito concorrido ainda à esperança, muita gente entrou na 1ªopção, mas o exame deu uma falsa sensação de segurança, muitos desistiram logo dos cursos por causa disso.

Em relação às propinas acho bem que acabem com elas, já está mais que na hora de o fazer, que o governo invista que tem mais.
O problema nao é as médias subirem por si só - o problema é quando a granulação dos alunos é muito díficil - seja com 19 ou com 13's.

Obviamente que o problema é ainda maior com notas mais altas porque o efeito de outliers fica diminuído (os alunos que tinham capacidade de ter um exame brilhante nao o conseguem demonstrar) e ainda por cima os alunos com pequenos erros de distracção podem ser severamente penalizados. E é um bocado como o Pedro acima disse - teve o azar de errar uma unica pergunta vs os restantes colegas que erraram mais mas estes tiveram melhor nota.

EDIT: esqueci-me de falar das propinas. Nao faz sentido acabar com as propinas. Aliás até deviam ser bastante mais altas. O que tem de aumentar são os apoios estatais às pessoas para ingressar no ensino superior. As propinas é uma fonte de financiamento da faculdade que cada ano que passa tem sido mais estrangulado precisamente por medidas deste género ("baixem as propinas")
 
Última edição:

Pedro Cordeiro.

Membro Veterano
Matrícula
10 Julho 2019
Mensagens
468
Curso
Eng. Aeroespacial
Instituição
IST
O problema nao é as médias subirem por si só - o problema é quando a granulação dos alunos é muito díficil - seja com 19 ou com 13's.

Obviamente que o problema é ainda maior com notas mais altas porque o efeito de outliers fica diminuído (os alunos que tinham capacidade de ter um exame brilhante nao o conseguem demonstrar) e ainda por cima os alunos com pequenos erros de distracção podem ser severamente penalizados. E é um bocado como o Pedro acima disse - teve o azar de errar uma unica pergunta vs os restantes colegas que erraram mais mas estes tiveram melhor nota.
Precisamente isso, um tópico de um exercício com 4 tópicos faz perder mais pontos que 5 exercícios totalmente errados ou nem sequer respondidos.
Relativamente ao concurso nacional de acesso, o efeito gargalo da genética explica bem a situação, tantas médias de 18 (umas mais esforçadas e outras mais beneficiadas), quando viras o garrafão chega a um ponto que entope (acabam as vagas do curso) e tens médias de 18 (com umas centésimas a menos) a ficar de fora de cursos, para entrarem outras pessoas que chegam a uma média ligeiramente melhor com muita sorte à mistura e beneficiando de um sistema mal desenhado, que vamos lá ver se não ficam uns quantos anos a fazer algumas cadeiras , por terem muito mas média do que capacidade/dedicação.
 

Hiper

Membro
Matrícula
5 Março 2018
Mensagens
14
Curso
Contabilidade e Administração
Instituição
ISCAL
Estou com uma dúvida, os resultados da 1° fase das candidaturas saem a 28 setembro, temos até 2 de outubro para nos matricularmos na instituição em que formos colocados. A minha pergunta é, e se não for colocado na minha primeira opção e ter sido colocado na segunda e querer ir à 2°fase para ver se sou colocado na minha 1° opção? Devo matricular-me na mesma para o caso de não ser colocado outra vez na minha 1° opção? Os resultados da 2°fase de candidaturas só saem 15 outubro, muito depois do prazo de matrícula da 1° fase acabar.
 
  • Like
Reactions: Mada Nunes