Sentimentos em relação à entrada na universidade

Eduarda Vieira

Membro Caloiro
Matrícula
5 Março 2018
Mensagens
5
Boas! Desejo-te o melhor para o teu futuro, principalmente uma concretização pessoal na área e curso que vais estudar... Vou desabafar, o meu medo é outro, é o oposto da tua certeza. Sei que o ano ainda não começou mas já estou com dúvidas se o curso que escolhi seria o exato para mim, tento encontrar os pros e os contras mas sinceramente, sempre fui muito indecisa em relação ao que gostava e sentia que nenhum curso era o indicado para mim, apesar de saber que a área que mais gosto é saúde, mas dentro de saúde há n cursos, e sinto que fui influenciada tanto pelas estatisticas de emprego entre os investigadores cientificos como também pelo facto de ter que escolher um curso relativamente "perto" de casa devido a possibilidades monetárias, mais alguém tem estas dúvidas? Vou fazer este 1º ano a ver se sempre corresponde às minhas espetativas, senão só me resta mudar de curso
Olha, Honestamente alem de saber o curso que escolhi sei de uma coisa: talvez não seja isto que queira fazer para a vida. Vou-te ser honesta, não sei porque vim para o ramo de ciências quando eu sou e apaixonada por artes e o meu sonho seria ser uma tatuadora profissional. Estou a pensar seguir esse sonho quando acabar a minha licenciatura em genética e biotecnologia, mas depois lá se vê. Pode ser que ate goste e siga para mestrado. Só sei que alem de ter feito uma escolha ligada aos meus interesses não sei se e a melhor escolha para mim XD
 

Ba135

Membro
Matrícula
6 Junho 2018
Mensagens
24
Curso
Fisiologia Clínica
Instituição
Esald
Olha, Honestamente alem de saber o curso que escolhi sei de uma coisa: talvez não seja isto que queira fazer para a vida. Vou-te ser honesta, não sei porque vim para o ramo de ciências quando eu sou e apaixonada por artes e o meu sonho seria ser uma tatuadora profissional. Estou a pensar seguir esse sonho quando acabar a minha licenciatura em genética e biotecnologia, mas depois lá se vê. Pode ser que ate goste e siga para mestrado. Só sei que alem de ter feito uma escolha ligada aos meus interesses não sei se e a melhor escolha para mim XD
Aquilo de que me tornei consciente é que o tempo e a experiência ajudam a trazer respostas, é o que vou fazer, experimentar, porque sei que se não experimentasse iria pensar o mesmo se tivesse ido para outro curso. Além do mais, pode ser que gostes do teu curso e que consigas conciliar as tuas duas paixões: a tua licenciatura e as tatuagens. Conheço tatuadores que trabalham num emprego dito "normal" (não que tatuadores não sejam, é um emprego como os outros, só não é tão comum) e ao fim de semana ou após o trabalho tatuam. Muita sorte para o teu futuro :)
 

Nídia

Membro Caloiro
Matrícula
23 Junho 2017
Mensagens
5
Faltam, sensivelmente, duas semanas para se saber o resultado das entradas na universidade. E o que é que eu posso dizer sobre isso?...Sinto que o meu entusiasmo é um pouco diferente do entusiasmo da maioria dos candidatos. Apesar de estar ansiosa e contente por estar prestes a iniciar esta fase da minha vida, penso que esta mesma ansiedade não é a “normal”. Isto porquê? Estou ansiosa e radiante para começar a estudar uma área que me é “querida”, uma área que eu gosto e sempre gostei, mas é ,essencialmente, só isso. Não me sinto ansiosa nem curiosa por saber como são as praxes do meu curso (até porque não quero ser praxada e, peço imensa desculpa a quem não partilha do mesmo ponto de vista, mas o não querer fazer algo, apenas porque não se quer, é um argumento válido), não me sinto ansiosa por ir conhecer um montão de pessoas (confesso que sou muito selectiva no que toca às minhas amizades e, por mais que me dê bem com as pessoas, isso não significa que elas se encaixem no meu pequeno grupo de amigos) e, principalmente, não sinto que estes 3 anos de licenciatura vão ser os melhores anos da minha vida (como toda a gente faz questão de dizer). Não porque não vá gostar da experiência, mas porque penso que os melhores anos da minha vida serão quando cumprir outros sonhos que sempre tive em mente. Neste momento, quem estiver a ler isto, deve achar que sou completamente maluca e que não sei aquilo que estou a dizer, mas quem diz a verdade não merece castigo e é isso que estou a fazer.
Para além disto, não sou pessoa que goste, de todo, de festas e, principalmente, de beber. Sei que não sou obrigada a fazer nada disso, mas o simples facto de estar num ambiente em que a maior parte das pessoas o façam, não me agrada. Dado isto, penso que vou passar ao lado de alguns (para não dizer quase todos) daqueles jantares de curso e convívios do género. É verdade, sou um tanto ou quanto bicho do mato, mas sempre fui assim. Não sei se algum dia isso vai mudar, mas, por enquanto, é assim.
Consequentemente, o meu principal objectivo na universidade é mesmo o meu curso, não é que não seja o objectivo dos outros alunos, mas, para mim, tudo o resto ficará um pouco de lado.
Digam o que disserem, chamem o que quiserem, mas esta sou eu.

E agora gostaria de saber como vocês se sentem :)
Revi-me em tudo o que disseste, em tudo mesmo! Parece que somos mesmo muito parecidas :)
 

anavneves

Membro Caloiro
Matrícula
18 Julho 2018
Mensagens
8
Curso
Sociologia
Instituição
FLUP
Sinto-me exatamente igual e sou tal e qual como tu... sinto-me meia perdida...
 

Matilde L

Membro Caloiro
Matrícula
1 Abril 2019
Mensagens
3
Olá,
Estou no 12º, e entrarei este ano na universidade, mas sinceramente estou um pouco receosa, primeiramente porque estou indecisa acerca de que curso escolher, de seguida, pelo facto de sair da minha "zona de conforto", de deixar os meus amigos e ir para um curso onde, em princípio, não conhecerei ninguém. Ao mesmo tempo, também estou, de certa forma, entusiasmada com esta nova fase da minha vida.
Gostava de conhecer algumas experiências do primeiro ano na universidade, quais as dificuldades de integração, como é mudar completamente a rotina,...
Relativamente às praxes, tenho curiosidade e penso que, em princípio, gostava de ter essa experiência, no entanto com tudo o que vejo nas notícias e testemunhos de pessoas próximas, estou um pouco de "pé atrás", por assim dizer...será que devo realmente ter essa experiência, contribuirá para uma melhor integração no ambiente universitário?
Muito obrigada
 

Blasty

ModFofa
Equipa Uniarea
Moderador
Matrícula
29 Abril 2016
Mensagens
5,968
Curso
Medicina
Instituição
FMUP
Olá,
Estou no 12º, e entrarei este ano na universidade, mas sinceramente estou um pouco receosa, primeiramente porque estou indecisa acerca de que curso escolher, de seguida, pelo facto de sair da minha "zona de conforto", de deixar os meus amigos e ir para um curso onde, em princípio, não conhecerei ninguém. Ao mesmo tempo, também estou, de certa forma, entusiasmada com esta nova fase da minha vida.
Gostava de conhecer algumas experiências do primeiro ano na universidade, quais as dificuldades de integração, como é mudar completamente a rotina,...
Relativamente às praxes, tenho curiosidade e penso que, em princípio, gostava de ter essa experiência, no entanto com tudo o que vejo nas notícias e testemunhos de pessoas próximas, estou um pouco de "pé atrás", por assim dizer...será que devo realmente ter essa experiência, contribuirá para uma melhor integração no ambiente universitário?
Muito obrigada
Olá! 😃
Eu entrei este ano para a faculdade e adoro, bem melhor do que o secundário. 😉 No início o volume de trabalho e de estudo pode assustar um bocado, mas não é nada que não se ultrapasse.
Relativamente às praxes, se tens curiosidade vai lá ver como é e experimenta! Se não gostares, não voltas lá mais. 😛 Até porque as praxes não são todas iguais e podes identificar-te com umas e com outras não. Não acho que seja obrigatório sequer experimentar a praxe, mas se tens dúvidas não perdes nada em lá ir. 🙂
 

Matilde L

Membro Caloiro
Matrícula
1 Abril 2019
Mensagens
3
Olá! 😃
Eu entrei este ano para a faculdade e adoro, bem melhor do que o secundário. 😉 No início o volume de trabalho e de estudo pode assustar um bocado, mas não é nada que não se ultrapasse.
Relativamente às praxes, se tens curiosidade vai lá ver como é e experimenta! Se não gostares, não voltas lá mais. 😛 Até porque as praxes não são todas iguais e podes identificar-te com umas e com outras não. Não acho que seja obrigatório sequer experimentar a praxe, mas se tens dúvidas não perdes nada em lá ir. 🙂


Olá 😄

Desde já agradeço a tua resposta, acredito que a quantidade de estudo que a faculdade requer pode ser de certa forma "assustador", mas com esforço tudo é possível.
Relativamente às praxes, irei experimentar, já que até posso identificar-me com elas.
Mais uma vez obrigada.

Cumprimentos,

Matilde
 
  • Like
Reactions: Blasty