Google lança cursos online grátis para quem está à procura de emprego

Foto de Nathana Rebouças / Unsplash

A Google lançou “dois novos cursos online grátis em Portugal: ‘Inicie um currículo’ e ‘Utilize a Google para obter um novo emprego’”, os quais foram “pensados para quem está à procura de trabalho, independentemente do posto de trabalho que pretende ocupar e respectiva formação”, anunciou esta quarta-feira a tecnológica, em comunicado.

No caso do primeiro curso, “os formandos poderão aprender a preencher melhor um currículo, expor de forma mais adequada a experiência profissional de cada um e a certificar-se de que as informações estão indicadas nos locais certos”.

Já na segunda formação, “pretende-se ajudar os formandos nessa busca e será criada e partilhada uma apresentação com sugestões e ideias para ajudar a encontrar um emprego na área de cada um”, refere, acrescentando que “através desse módulo os alunos terão apoio na criação de uma folha de cálculo para monitorização dos seus esforços para encontrar um novo emprego e definição de tarefas, ajuda na pesquisa de empregos online e monitorização dos empregos a que se candidata e poderão mesmo praticar técnicas de entrevista com que serão confrontados nas entrevistas com os potenciais empregadores”.

Os dois novos cursos estão disponíveis no Atelier Digital da Google, um portal, onde se encontram outras formações gratuitas, focado em ajudar a desenvolver todo o tipo de competências digitais dos portugueses, salienta a empresa, que indica que em 2020 deu formação a mais de 35 mil portugueses.

Em Setembro, a Google Portugal e o Governo assinaram um memorando de entendimento que visa a recuperação económica e a aceleração da transição digital, em que as competências digitais e empregabilidade são as principais áreas previstas no documento.

Entre os compromissos assumidos estava o objectivo de “treinar 32.000 portugueses em competências digitais [até final do ano], ou seja 10.000 mais do que em 2019”, de acordo com o comunicado da altura.

A Google anunciou esta quarta-feira “que conseguiu alcançar esse número e, entre cursos online e ‘webinars’ em parceria com o Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, mais de 35 mil portugueses foram treinados em 2020”.

O memorando, que inclui também cursos como o Android Training Program, a pesquisa por empregos no motor de busca, entre outros, “reforçou o apoio da Google na transição digital de Portugal, com foco em competências digitais, empregabilidade, startups e inteligência artificial, e estabelece uma série de programas para desenvolver uma rápida aceleração na adopção tecnológica actualmente em curso e que são prioridades do Governo português”, refere a tecnológica.