(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Depois de vários anos de espera, o polo zero da Federação Académica do Porto (FAP) vai ser inaugurado no início do próximo ano.

A praça Lisboa ou Passeio dos Clérigos, junto à reitoria da Universidade do Porto e ponto central da baixa do Porto, foi o local escolhido para a construção deste polo. Este espaço terá cerca de 520 metros quadrados, juntará diversos serviços e informações relevantes e é totalmente destinado aos estudantes universitários.

PoloZero1_julienverge PoloZero4_julienverge PoloZero2_julienverge
Fotografias da fase inicial da construção retiradas de Jornalismo Porto Net

O pólo Zero será um local maioritariamente open space para estudar, atividades de formação, apoio ao empreendedorismo e ainda um welcome center para estudantes nacionais e internacionais que chegam pela primeira vez ao Porto. Será também disponibilizado acesso a computadores, ligação à internet, um sistema de video-conferência e um mini-auditório, o que permitirá um grande diversidade de utilizações.

“Os principais objetivos deste local são ser uma espécie de montra do que de melhor a academia tem a nível cultural, com múltiplas atividades para formação.” – Daniel Freitas, presidente da FAP

O Porto tem vindo a acolher diversos estudantes que vêm de outros pontos do país mas também do Mundo, como tal, pretende-se que este polo seja o primeiro local de passagem destes estudantes. Para isso será disponibilizado um balcão de atendimento com diversas informações sobre a cidade, as faculdades, o alojamento e outras questões necessárias na integração destes estudantes.

Ainda não está definido o horário de funcionamento do espaço, no entanto, não está colocada de parte a hipótese deste funcionar 24 horas por dia.

Idealizado no ano 2000, este é um espaço para os estudantes e para a cidade, que toma agora forma através de um investimento de 100 mil euros.