(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Mariana Garrido, 24 anos, estudante de Mestrado Internacional Erasmus Mundus em Segurança, Intelligence e Estudos Estratégicos. Recorda-se de ter ouvido falar no Concurso Gap Year Portugal nos seus primórdios, em 2015, mas nunca teve tempo, dinheiro, nem a companhia certa para o fazer. O destino estava escolhido desde o princípio. Sabia que, se tivesse a oportunidade, iria para a América Latina.

Amaru Mestas, 27 anos, estudante de Mestrado em Gestão, na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. Filho de pais peruanos, sentiu que esta poderia ser a oportunidade de conhecer as histórias e a cultura dos seus antepassados e, assim, regressar ao outro país ao qual pode chamar casa.



Naturais de Coimbra, os dois jovens conheceram-se em 2013, na Universidade de Coimbra, no curso de Relações Internacionais, mas só anos mais tarde passariam de colegas a namorados. Este ano, com um pé na República Checa e outro em Portugal, decidiram que era o momento ideal para se candidatarem. “Não queríamos dar o salto definitivo para o mundo laboral sem primeiro tirar um pouco para reflexão e nos tornarmos seres humanos melhores”, comentam. 

A Ver Vamos é o nome do projeto de gap year da Mariana e do Amaru e foi escolhido a dedo: é de fácil compreensão em português e em espanhol, para “além de ser uma expressão portuguesa que fica na ponta da língua, explica exatamente aquilo que queremos fazer: ver coisas novas, pessoas e cultura e ir pelo mundo fora”. 

Durante oito meses, vão passar por quatro países – Colômbia, Equador, Peru e Bolívia -, onde vão integrar vários projetos de voluntariado e work exchange nas áreas da educação, igualdade de género, redução de desigualdades, produção e consumo sustentáveis, proteção de biodiversidade, combate à crise climática, e promoção e manutenção da paz. 

A data prevista de partida é 27 de dezembro, sujeita a alterações devido à covid -19. Os vencedores, a Gap Year Portugal e a Fundação Lapa do Lobo garantem estar a acompanhar os desenvolvimentos e as recomendações da Organização Mundial de Saúde e de outras entidades competentes. 

O projeto A Ver Vamos vem no seguimento da 6ª edição do Concurso Gap Year Portugal, em parceria com a Fundação Lapa do Lobo, que oferece uma bolsa até 6.500€ para a realização de um gap year.